Resenha #3 - O beijo das sombras – Richelle Mead – Editora Nova Fronteira


Titulo: O Beijo das Sombras
Autor (a): Richelle Mead
Editora: Nova Fronteira
Páginas: 320


Sinopse: Lissa Dragomit é uma adolescente especial, por várias razões: ela é princesa de uma família real muito importante na sociedade de vampiros conhecidos como Moroi. Por causa desse status, Lissa atrai a amizade dos alunos Moroi mais populares na escola em que estuda, a São Vladimir. Sua melhor amiga, no entanto, não carrega consigo o mesmo prestígio: meio vampira, meio humana, Rose Hathaway é uma dampira cuja missão é tornar uma guardiã e proteger Lissa dos Strigoi, os poderosos vampiros que se corromperam e precisam de sangue Moroi para manter sua imortalidade.
Pressentindo que algo muito ruim vai acontecer com Lissa se continuarem na São Vladimir, Rose decide que elas devem fugir dali e viver escondidas entre os humanos. O risco de um ataque dos Strigoi é maior, mas elas passam dois anos assim, aparentemente a salvo, até finalmente serem capturadas e trazidas de vota pelos guardiões da escola.
Mas isso é só o começo. Em O beijo das sombras, Lissa e Rose retomam não apensas a rotina de estudos na São Vladimir como também o convívio com a fútil hierarquia estudantil, dividida entre aqueles que pertencem e os que não pertencem às famílias reais de vampiros. São obrigados a relembrar as causas de sua fuga e a enfrentar suas temíveis consequências. E, quem sabe, poderão encontrar um par romântico aqui e outro ali. Mais importante Rose descobre porque Lissa é assim tão especial: que poderes se escondem por trás de seu doce e inocente olhar?


Após ter lido “muitos” livros sobre o tema, ainda me surpreendo quando os autores conseguem inventar outro universo totalmente diferente dos já apresentados sobre “Vampiros”, O beijo das sombras de Richelle Mead, nos apresenta algo sobre esse tema já tão falado. Em uma sociedade composta por Morois, Dampiros e Strigois, a escola de São Vladimir e seus guardiões, a história de Rose, Lissa e Dimitri é contada.

Rose não é uma heroína convencional, meio vampira, meia humana, Rose é temperamental, brigona, determinada, forte, atirada e meio sexy. Mas não podemos esquecer uma característica essencial da nossa heroína, é uma amiga sensacional, Rose daria a própria vida para proteger Lissa, mesmo ainda não sendo uma guardiã.

A ligação, ou o laço entre as duas faz com que Lissa, tenha total confiança em Rose, e mesmo Lissa sendo a mais frágil das duas, há situações em que se vê obrigada a defender a amiga, mesmo que para isso seja obrigada a conviver com pessoas de quem não gosta e se utilizar de métodos não aprovados por Rose para conquistar a amizade das pessoas da realeza.

E no meio de um turbilhão de acontecimentos, temos ainda a presença do guardião Dimitri, descrito como um “DEUS”, Dimitri é enigmático, ainda não consegui entender direito os sentimentos dele por Rose. Mais esse é um romance que estou muito afim que aconteça.

Enfim, é um bom livro, estava curiosa sobre a história, uma vez que a mesma irá virar filme, esse é só o primeiro livro que serviu para abrir meu apetite e aguçar minha imaginação, agora preciso ler os demais livros da série para descobrir o que acontece com esses personagens cativantes.
DSC02901

3 comentários:

  1. Amo essa série, só me falta ler o último sacrifício. O que mais me chamou a atenção foi o enredo ser totalmente diferente de tudo que eu já li, muito bom!

    ResponderExcluir
  2. essa e uma das melhores serie que ja li!!!!

    ResponderExcluir
  3. essa e uma das melhores series que ja li!!!

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!