Resenha #19 - A Linhagem - Camila Dornas - Novo Século



Titulo: A Linhagem
Autor (a): Camila Dornas
Editora: Novo Século
Páginas: 336




Sinopse: Londres do século XVIII. A Capital da Inglaterra era um dos mais importantes centros do mundo. Vestidos pomposos, elegância e boas maneiras. Um tempo onde as posses e a reputação regiam a sociedade.
A Igreja possuía poder e condenava aqueles os quais pesava a suspeita de bruxaria - a arte oculta temida e repudiada pelo senso comum.
Nesse cenário intimidador, surge uma mulher especial, com dons inimagináveis. E um destino grandioso...





Acordei assustada, a respiração acelerada, o corpo quente por causa do sonho que acabara de ter. Eu sabia quem eram os dois homens no meu sonho, mas quem seria a terceira pessoa? Aquela que me causava arrepios, aquela que eu sabia que me desejava com fúria, posse e que me enojava. Eu vinha tendo pesadelos há meses, mas nenhum deles jamais fora tão carnal. Eram sempre presságios em que algum desconhecido espreitava nas sombras. Eu acordava suando e gritando no meio da noite. Enrubesci com a lembrança dos sentimentos contidos no pesadelo. Jesus, o que diabos estava acontecendo comigo?





Imaginando uma trilha sonora para o livro escolhi a música "A Thousand Years" para embalar essa resenha, então aperte o play e entre nesse universo mágico de A Linhagem.




Em uma época em que as mulheres eram consideradas mais um artigo de decoração do que um ser humano, Evangeline Bennet fez a diferença, lutou pelo que acreditava, defendeu seus amigos e se entregou ao amor verdadeiro.

Em A Linhagem Evangeline Bennet é a filha mais velha do tirano Julian Bennet, homem de confiança do Rei da Inglaterra, uma jovem a frente de seu tempo que não se curvava aos mandos de seu pai, a ideia de se casar com um homem escolhido por ele lhe causava imensa repulsa e deixava seus nervos a flor da pele, o que era um perigo, esconder seus dons quando seus sentimentos estavam em ebulição não era tarefa fácil.

Eva possui dons especiais que herdara da mãe, ela é capaz de manipular os quatro elementos, e as únicas pessoas que conhecem seu segredo, é sua dama de companhia Morgana, seus amigos Genevieve e Albert e infelizmente seu pai. Porém com o decorrer da história mais pessoas acabam descobrindo seu segredo, conhecemos Henry, um rapaz que é empregado de Julian, lindo, ruivo e que mexe com os sentimentos de Eva. E ainda temos Dorian um homem misterioso, que vive a espreita e é através dele que Eva conhece outras pessoas que possuem dons e acaba descobrindo muito mais sobre sua mãe e sua origem.

No começo da leitura eu acreditei que a história fosse se desenrolar em torno do amor proibido entre Eva e Henry, seu noivado com Hector, os dons de Eva, porém o livro me levou a uma viagem por intrigas, planos de traição e morte, magia, semi-mortos, paixão.

Eva apesar de ser uma heroína, tem um lado frágil, é humana, apesar de muitas vezes ter vontade de sucumbir aos seus poderes, ela se mantém integra aos seus valores, as cenas do romance entre ela e Henry são de uma delicadeza e ao mesmo tempo sexy.

Agarrei sua camisa, trazendo-o para perto de mim. Suas mãos imediatamente agarraram minha cintura. A proximidade entre nós fez meu mundo girar. Ele se aproximou mais. Os lábios a centímetros do meu. E, por um segundo, ele hesitou. Eu sabia que ele estava pensando que aquilo era errado. Se qualquer pessoa descobrisse, arruinaria minha reputação, faria com que todos os cidadãos se voltassem contra mim. Eu deixaria de ser a filha do braço direito do rei e passaria a ser a meretriz que traiu o próprio noivo. Mas a sensação de que era errado só de fez com que eu quisesse mais.


Quando Eva descobre a intenção macabra de seu noivo Hector, sua vida saí completamente dos eixos, ela envolve seus amigos em um jogo perigoso para frustrar os planos de Hector, um homem frio, desagradável, com uma áurea perversa. E em busca de justiça ela passa por momentos de medo, raiva é traída e quase morta.

Henry é leal, fiel, integro, e apesar de ser um homem pobre, isso não fez a menor diferença para Eva, ele é o tipo do personagem por qual nos apaixonamos e torcemos para que tenha um final feliz.

O final do livro veio para coroar toda a história, nunca imaginei algo parecido, é realmente encantador, a mistura de aventura, traições, sobrenatural, amizade, romance e magia alinhados ao jeito envolvente de escrever de Camila Dornas fez de A Linhagem um livro único que eu recomendo.




Ele se levantou e beijou-me suavemente. Mergulhei na doçura daquele beijo e deixei que ele curasse todas as minhas dúvidas, meus medos e amargura. Separei meus lábios e a língua de Henry explorou avidamente minha boca; correspondi com igual avidez. Seu toque causava um frio na boca do estômago, a sensação de que estava frio e quente ao mesmo tempo. Eu nem me sentia capaz de formar um pensamento coerente. Seus dedos percorreram a curva do meu pescoço e desceram lentamente até minhas costas, subindo e descendo em minha coluna. Um arrepio que não tinha nada a ver com o frio percorreu meu corpo. Afundei meus dedos em seus cabelos ainda molhados pela chuva e o puxei para mais perto de mim.

25 comentários:

  1. Eu prometi a mim mesma que não leria mais suas resenhas porque elas SEMPRE acrescentam mais livros na minha interminável lista hahahaha
    Mas, não dá!!
    Já quero ler esse também!!
    Quem manda escrever bem hein!! hahahahaha
    Beijos moça!!
    http://garotaliber.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá Patty:
    Como sei que gosta de livros, vim te convidar pra responder uma Tag.
    Fique á vontade para participar ou não, ok.
    Me visita e confere o post.
    Bjs.:
    Sil
    http://meusdevaneiosescritos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. A camila é minha autora parceira,
    estou louca pra ler esse livro, não vejo a hora de tê-lo em mãos, sua resenha está ótima.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. @Delmara Silva

    Delmara, espero que goste do livro como eu gostei!!!
    bjks

    ResponderExcluir
  5. @Roberta Santos

    Beta, você sempre me faz rir com seus comentários!!!
    E você também é culpada por acrescentar livrinhos na minha listinha!!!
    Bjks

    ResponderExcluir
  6. Patty! Sou doida nesse livro, já vi muitos blogueiros falando deles e fiquei super curiosa! E depois dessa sua resenha... Tenho que ter ele pra mim! Hahaha

    Beijos!
    http://pilhadecultura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Patty!!!

    Acho mega fofo seu blog e sempre estou por aqui.:)

    Este livro me chamou atenção pela capa, mas fiquei com medinho de ter aquelas estórias do século XVII...XVIII e se ater muito em descrições de cenários, roupas e comportamentos da época, deixando o cerne do enredo em segundo plano.
    Pela sua resenha, vi que não é assim, e que vale a pena rsrsrsrs. Vou incluir na minha "listinha" de livros que ainda vou ler!

    Beijos! Boas leituras sempre!!

    http://escrev-arte.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Gosto muito das resenhas e sinopses que leio desse livro. É o meu tipo de livro!!!
    Mas essa capa... Putz, ela me quebra!!! rsrsrsrs... Ela é estupidamente estranha. Gostei das imagens que usou!!!

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. adorei a dica Patty, e que capa mais linda!
    Também adoro a música A Thousand Years, e imagino o quanto o livro dever ser lindo para merecer essa música, rs.

    E sinta-se a vontade para responder a tag 3 Tags em 1, rs
    bjus
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Patty tudo bem, gostei muito da resenha realmente da vontade de ler o livro, porém concordo com sua amiga acima a capa é broxante, não leria um livro com uma capa dessas, eu tenho manias por capas kkkkk mas depois de ler sua opinião sobre o livro dei um voto a favor dele!!!
    Grande abraço
    Dani Casquet
    livrosajaneladaimaginacao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi! :)
    Nossa, Patty, sua resenha ficou muito boa. Parabéns!
    Fiquei até com vontade de ler esse livro. :)
    E eu gostei da capa, não é a mais linda, mas também num é feia não.
    Beijos!

    Café com Leituras!
    http://cafecomleiturasneriana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Ah, que resenha linda! Estou morrendo de vontade de ler esse livro, mas cadê o dinheiro para comprar? :(
    São muitas as críticas positivas sobre ele, então deve ser REALMENTE bom!

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  13. Menina, que coisa!! Dá pra parar de me fazer ficar com vontade de ler mais! Eu simplesmente amei essa resenha (e com direito a trilha sonora!) Mais um pra lista de desejos. Assim não aguento! rsrsrsr

    Bjsss!!!!
    Ana
    www.sonhandoporescrito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Ai Meu Deus, mal terminei de ler o sinopse e já estava necessitada desse livro. Primeiro porque amo livros que se passam em outros Séculos, e segundo porque os Quotes são I-N-C-R-Í-V-E-I-S!!
    Me apaixonei.
    Preciso logo!
    Beijos!
    Yasmin
    deitadosnagrama.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oi Patty.
    A Linhagem ta fazendo sucesso na blogosfera nos últimos dias.
    Gostei bastante do que li aqui, e o que deixou muito curiosa é que sempre falam desse final inesperado, surpreendente, roendo as unhas aqui rsrsrs.

    Beijos
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Terminei de ler esse livro recentemente e também adorei. E concordo com você, o final foi para coroar toda a estória! rs

    BjO
    http://the-sook.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Ah fiquei na vontade agora! Gostei bastante!
    Faz um tempão que eu quero ele.
    Bjs!

    http://cheirinhodolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Patty! Nossa, a cada resenha que vejo fico mais ansiosa por este livro! Parece ser realmente muito bom, e um livro que tenha "A thousand years" como música deve ser um must!

    Um beijo
    escolhasliterarias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Oi!
    Eu já li "A Linhagem" e percebi que tivemos uma opinião parecida.
    Fiquei encantado com a maneira envolvente de narrar que a Camila possui.
    Encontrei algumas falhas no enredo, principalmente o fato de a autora, em alguns momentos, ter fugido da época na qual a história se passa.
    Enfim, no geral, é um livro muito bom!
    Gostei de saber sua opinião. (:
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  20. oi Patty!
    respondi a Tag 10 gêneros 10 livros. Depois dá uma olhadinha lá, e mais uma vez obrigada pela indicação!
    bjus
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Já tava doida pra ler o livro.. Sua resenha me deixou ainda mais!! *-* kkkk'

    Parece uma história fantastica..

    Beijãoo' =D

    ResponderExcluir
  22. Oi! Eu gostei bastante do livro, a autora uniu elemento que aprecio muito, romance, magia e mistério. Foi aquele livros que despertou várias emoções, mas não concordei com o final de um personagem, muito cruel.

    Bom domingo, Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  23. Oi Patty! Estou louca para ler A Linhagem, amo romances históricos e, lendo a sua resenha e a de outras blogueiras, fique super empolgada! Sem contar que é muito bom descobrir autores nacionais que estão escrevendo tramas incríveis! Espero gostar do livro tanto quanto você (: Ótima resenha!
    Jéssica - http://lereincrivel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Amei sua resenha! Eu comprei esse livro e estou animada para ler e agora depois de ler sua resenha, mais ainda!

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!