Bate papo com a Beta #1 - O blog e eu

Oi, galerinha, tudo bem?
Aqui é a Beta do blog Garota Liber e hoje eu vim estrear a minha nova e fixa coluna aqui no Coração de Tinta =)

Essa coluna, será um bate-papo que trarei aqui no CdT semanalmente, no qual vamos falar de livros, é claro!

O tema de hoje será o blog. Resolvi escolher esse tema, porque recentemente voltei com meu blog pessoal, o Garota Liber, depois de uma pausa de 4 meses por conta de trabalho, eu consegui voltar e isso me fez refletir bastante sobre o mundo blogueiro.

Por que ter um blog? Por que se dedicar tanto a algo que você não tem retorno financeiro? Por que esse amor?

Quando criei o Garota Liber, a princípio ele seria um blog no qual eu iria expôr meu trabalho como escritora, mais tarde, descobri que eu poderia usar esse espaço para dar a minha opinião sobre os livros que leio e para fazer ter com quem conversar sobre os mesmos.

E graças a ele (o blog), conheci pessoas maravilhosas (entre elas a Patty!) e pude conhecer todo um mundo literário que eu não fazia a menor ideia de que podia existir.

É claro que nem tudo são flores e ter um blog, não é tarefa fácil. Você precisa saber bem sobre o que falar, sobre como se expressar sem ofender ninguém e principalmente a ter responsabilidade.

Algumas pessoas não conseguem organizar-se com a rotina do dia-a-dia e acabam se sentindo obrigados a postar, passam a levar algo que antes era prazer, por obrigação e aí a vontade de postar vai indo embora.

Eu costumo organizar a minha semana no Domingo. Pego um bloquinho e anoto tudo o que irei postar: resenhas, colunas, colunas de outros blogs e etc. Isso ajuda bastante na organização! Assim durante a semana eu não vou me perdendo nos posts.

Outra parte complicada, é organizar os livros a serem lidos durante o mês e resenhá-los.
Eu tenho o sério problema de terminar um livro e já embarcar em outro, sem dar o meu cérebro um descanso. Isso me atrapalha e muito! Porque o certo, seria eu terminar o livro e resenhar, mas não. Eu termino e começo outro, e aí o que eu terminei de ler vai ficando mais pro fundo da memória e quando tento fazer a resenha, esqueci partes importantes. Então, não aconselho vocês a fazerem isso. Deem uma chance do cérebro de vocês absorver à história!

No mais, é basicamente você se acostumar com aquela tarefa a mais no dia.
O meu dia-a-dia é muito corrido, pois divido ele entre: estudar pro vestibular, auto-escola, 8 horas de trabalho, ler, arrumar a casa, tomar conta da Maya (minha cachorrinha) e organizar a minha agenda (médicos e etc..). Não é fácil e tem dias que 24 horas não são o suficientes pra mim. Mas eu consigo!

Depois que eu conseguir passar por tudo isso aí em cima, eu entendi o por que de eu ter um blog e nem ligar por não ser recompensada financeiramente. O prazer que tenho ao escrever uma resenha, ao ver as minhas palavras tocarem outras pessoas, incentivarem e até mesmo não incentivar a ser determinado livro, me dá uma sensação de prazer incondicional.

Eu sempre gostei de expôr a minha opinião sobre tudo. Adoro debates, adoro críticas. Minha mãe costuma dizer que tenho que largar a publicidade e investir na carreira de crítica, já que gosto tanto disso. Às vezes penso em seguir o conselho dela.

O blog pra mim, não é apenas a minha válvula de escape para algo bom, é o que eu quero fazer pelo resto da vida. O prazer que sinto em escrever resenhas, em trazer novidades, responder a tags e, até mesmo fazer vídeos não dá pra descrever. E tenho certeza de que quem é blogueiro de verdade, entende o que estou dizendo.

Me entristece quando vejo gente criando blog com a mentalidade de que vai ganhar livros de graça. O objetivo não é esse galera. Óbvio que uma parceria com editora é super bem-vinda, não sou hipócrita a ponto de dizer que não é. Mas isso não quer dizer, que você vai pegar os livros e correr.

A parceria com editoras e autores, na minha opinião, é apenas um passo à frente para o amadurecimento e sucesso do blog. É um prazer e uma enorme confiança que editoras e autores tem com a gente, então, quando você ganhar essa oportunidade, agarre com unhas e dentes e dê tudo de si =)

Pra finalizar, o que posso dizer, é que pra mim, virar blogueira literária foi a melhor decisão que tomei no último ano. Não tive nenhum ponto negativo, apenas positivo. Cresci intelectualmente, passei a ler o dobro do que eu lia, conheci pessoas maravilhosas e amigos queridos, finalmente decidi a minha área de atuação no mercado de trabalho e descobri minha paixão: os livros.

Espero que tenham gostado! Não se esqueçam de deixar aí nos comentários a opinião de vocês sobre seus respectivos blogs e o que eles significam pra vocês.

Beijos, e até semana que vem =)




26 comentários:

  1. Oi, Beta
    Quando gostamos de algo e colocamos amor nisso, tudo que fazemos fica perfeito.
    Parabéns pelo texto, ficou ótimo.

    ResponderExcluir
  2. Por que ter um blog? Me fiz essa pergunta algumas vezes já. rs
    É algo que simplesmente eu amo fazer e faço por prazer.
    Amei a coluna.
    bjs
    http://www.letrasdanana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Betta!
    Voltando com tudo heim!! Isso aí!
    Acredito que todo mundo passa por essa "ressaca" de blog, eu também já fiquei parada ha bastante tempo e depois voltei com tudo!
    Parcerias são bem vindas sim, mas não é tudo. Sempre resenhei livros que comprei, e não fico neurótica com isso.
    O blog é meu momento de lazer e não minha obrigação. Ah, eu costumo resenhar logo após ler um livro, senão eu esqueço!

    Beijinhos
    Sou eu... Pri!

    ResponderExcluir
  4. Oi Beta, tudo bem??
    Adorei o seu texto e vou lá visitar o seu cantinho, ainda bem que conseguiu voltar, eu fico imaginando como foi esses 4 meses longe, já que percebi o seu grande amor por ele. Nesse mundo de blogueiro também conheci pessoas maravilhosas e que hoje fazem parte da minha vida (a Patty é uma delas rs) Assim como você quando eu fiz o meu blog foi para escrever os textos que faço, mas também resenhar os livros que tanto amo. os livros fazem parte da minha vida... é minha essência e agora o meu blog também faz parte do que eu sou e não imagino a minha vida sem ele. Eu fico pensando quando estou sem internet ou quando estou sem ideia para postar, é como se tivesse tirado um pedaço de mim. Faço que nem você geralmente organizo as postagens no domingo. Porque ai durante a semana não fico tão perdida... Bom gostei de sua coluna e espero acompanha-la todas as semanas. Xero!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Beta, tudo bom?

    Eu já me perguntei por que eu matenho o meu blog várias vezes. É um tempo considerável que gastamos todos os dias e no começo poucas pessoas te visitam. O retorno financeiro é nulo. Mas assim como vc falou, eu conhecia pessoas maravilhosas, que eu converso todos os dias e já fazem parte da família. Acho super válido, e isso veio a calhar numa época que eu estava prestes a entrar em depressão.

    Gabriel - umpapoentrepaginas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Texto incrível! Que bom que teremos outros como esse habitualmente!
    Não tenho a menor ideia de como é a vida de blogueiro, mas imagino que precise de muita dedicação e organização. Pessoas que fazem isso com o intuito de conseguir coisas de graça, provavelmente não vão muito longe.
    Parabéns pelo trabalho com o blog. Espero que continue te trazendo muitas alegrias, amizades e boas leituras.
    bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi Beta..
    Também conheci muitas pessoas legais criando um blog, e é bem verdade que nos dedicamos muito sem nenhum retorno, no caso financeiro. MAs a gente adora, fazer o que ...hehe
    E não acho legal as pessoas criarem só para ganhar livro de graça, concordo com voce.
    Adorei a coluna.

    beijos
    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Olá flor,

    Uau! AMEI seu post! Tipo, sempre quis falar isso que vocês escreveu para muitas pessoas que começam um blog com as ideias erradas. Eu já comecei com um blog e uma equipe top, o problema foi que como grande parte da equipe é vestibulando, ficava difícil para dedicar um momento certo para o blog e acabou não dando certo. Mas como eu amava o lance de sites e blogs, resolvi entrar por um outro lado: sites de fanfics. E hoje coordeno um site muito bom e que está crescendo muito. Faremos 1 ano em agosto e você está convidada a visitar e dizer o que achou dele, hein?! ;)
    Aliás, ainda não desisti de ter um blog divo como o coração de tinta e o seu (claro que não podia deixar de falar), porque sou muito apegada a literatura em geral e meus olhos brilham toda vez que vejo um blog crescer e ser tão bom no que se dispõe fazer.
    Enfim, daqui a pouco esse meu comentário parece uma resenha da bíblia. kkkkkkkk
    Resumindo minha opinião sobre o post: digna de postagem em todos os blogs e muito compartilhamento!
    Parabéns.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. o Beta, adorei a nova coluna!
    realmente, ter um blog dá trabalho, mas é recompensante. E e como você disse, não é recompensa financeira, porque não tenho nenhuma no meu, rs. O prazer que ele traz, as amizades que cria, tudo isso não tem preço
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bru!
      Quanto tempo! Ainda não tive tempo de passar lá no seu blog, mas passarei, aguarde minha visita! hahaha
      Sim, é trabalhoso, mas prazeroso. E o retorno financeiro é apenas um detalhe.
      Beijos!
      Beta - Garota Liber - Coração de Tinta

      Excluir
  10. Oi Beta! Gostei muito da nova coluna!
    Ando pensando em criar um blog literário, mas sempre acabo me desanimando por causa desse trabalho todo. Infelizmente, não sou uma pessoa tão organizada assim.
    Mas, quem sabe mais para frente. Enquanto isso, vou seguindo os blogs dos outros =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Pamela!
      Poxa, por que você não tenta?
      Eu comecei sem compromisso algum, sem nem ao menos achar que duraria mais que três meses, mas depois que você pega o gosto, o amor por ele, você não consegue mais parar! Vou ficar aqui torcendo pra você criar! hahaha
      Beijos!
      Beta - Garota Liber - Coração de Tinta

      Excluir
  11. Caramba, que texto perfeito. Adorei a coluna e o que você escreveu.
    Comecei o blog como uma válvula de escape. Algo pra me impedir de pirar e voltar pra terapia. Ajudou nesse sentido, e muito. Se não fosse pelo bloguinho não sei o que teria feito.
    Gosto de ler um livro e escrever logo a resenha, se não acabo me perdendo. Como sente leio no metro ou ônibus, acabo escrevendo minhas resenhas na nota do celular assim que termino de ler.
    Adorei o post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rita!
      Acredita que criei o blog por esse motivo também?
      Eu tinha acabado de sair de um término não muito legal e então criei o GL e que terapia ele é!!
      Adorei sua ideia de fazer notas no celular, não tinha pensado nisso!
      Beijos
      Beta - Garota Liber - Coração de Tinta

      Excluir
  12. Oi Beta...Sou sua seguidora, e realmente creio que nos seguidores,temos um amor por todos os blogs que seguimos, pois imaginamos e sabemos a dificuldade que é para se manter um blog atualmente.Mas adorei ler tua postagem, e peço que nunca desista do blog pois que amamos livros sempre um blogueiro será um incentivador para nós!!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  13. Oi Beta!
    Ter um blog dá muito mais trabalho do que eu imaginava, mas agora eu simplesmente não consigo largar, escrever é uma das melhores partes do meu dia... Gostei das dicas!
    Beijos
    http://sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Evelise!
      Sim, dá trabalho, requer tempo e muito cuidado, para não cometermos erros de português ou darmos alguma notícia equivocada, mas vale todo o esforço, né?
      Beijos!
      Beta - Garota Liber - Coração de Tinta

      Excluir
  14. Ah, que saudade do CdT! <3 Adoro esse blog e a qualidade dele. Então, vejo que uma colunista igualmente competente apresenta um texto maravilhoso em sua estreia (rs). Adorei ler. Reconheci a mim mesma. Eu gosto muito do meu blog, que é relativamente recente – completará um ano em julho. Mas entendo quão importante é se organizar para não se ver preso a uma obrigação que torna as coisas menos prazerosas.
    Eu adoro as amizades que ganhei por meio do meu blog. Elas alegram meus dias. E receber os comentários, as visitas, ver que há leitores é encantador!
    Realmente, espero sempre me sentir assim…
    Adorei seu texto, flor.
    Desejo sucesso ao seu blog e ao CdT, sempre.

    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Francine!
      Poxa, juro que fiquei super emocionada com seu comentário.
      Depois de quatro meses ausente e com medo de que, ao retornar, não conseguisse engrenar ou até mesmo que não conseguisse leitores, pois fiquei com medo de ninguém querer visitar o GL por conta da pausa, de acharem que não o levo a sério, quando esse não é o caso.
      Muito obrigada por suas palavras, elas me deram força e vontade de continuar nesse mundo que eu tanto amo.
      Beijos!
      Beta - Garota Liber / Coração de Tinta

      Excluir
  15. Annw , Adorei o seu texto Gata , o meu dia é super corrido tbm , mais sou nova no mundo literário , entao ainda nao sei muita coisa , por isso nao tenho um blog assim cmo o seu , pra fazer tops , pra dar aminha opiniao , pois leio pouco livros , mais a minha lista esta enorme , rsrs , com o tempo vou aprendendo mais , e espero aprender mto com o blog tbm , Obgd por fazerem parte do meu novo mundo , !! <3
    Beijos da Quel !

    ResponderExcluir
  16. Em tempos tensos nessa "blogsfera" turbulenta na qual as pessoas exaltam parceria e afins e depois ficam chateadas pq os posts mais comentados são os de promo, é legal fazer as coisas por amor, por gostar, pois quem curte vai acompanhar seu blog independente de qlqr promo ou parceria.

    ResponderExcluir
  17. Olá Betta,
    eu concordo plenamente com você.
    Amo ser blogueira. Faço por amor e não penso em largar o blog por nada.
    Minha vida também é corrida, mas quando sento em frente ao computador pra escrever qualquer coisa no blog eu sinto uma felicidade.
    Parabéns pela coluna.
    Beijinhos!

    http://www.eraumavezolivro.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  18. Oi, que fofo, amei o texto, imagino o quanto deve ser dificil criar um blog e mante-lo, isso vai do gosto e do dom de cada um não é mesmo, fico super feliz em saber que se tornar blogueira foi a melhor decisão de você tomou, adoro o blog, e adoro passar aqui, espero que ele cresça muito, e continue escrevendo coisas maravilhosas e trazendo ótimas noticias sobre o mundo literário.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  19. Oi Roberta, tudo bom?
    Nossa adorei seu texto. Falou muito bem sobre o que é ser blogueiro.
    As vezes é difícil explicar para uma pessoa que não tem blog o amor que sentimos em postar resenhas, vídeos e outras temáticas por aqui. Mas como você disse, é uma responsabilidade que deve ser encarada como diversão também. A pessoa tem que se organizar dentro das suas possibilidades, pois não adianta querer postar todo dia se você passa o dia na rua. Postar é algo gostoso que deve ser aproveitado a cada dia e a recompensa é muito prazerosa (amizade, parcerias, livros, etc.)
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Hey Beta. Curti muito a sua coluna, e posso dizer que você começou com o pé direito!
    Adorei como você expôs todo esse nosso mundo, mas preciso confessar uma coisa para você: eu encaro o blog como um segundo trabalho e não um simples Hobbie. Mas é fácil explicar o porque, com um trabalho eu tenho responsabilidade já com om hobbie não. Dessa forma eu consegui criar um senso de responsabilidade e não de obrigação. Além de ser a única forma que eu encontrei de fazer meus pais entenderem que isso é sério. Eu não tenho se isso inclui passar horas navegando na internet ou lendo, risos. Do contrario eles ficam achando que eu não estou fazendo nada de construtivo haha. Enfim.
    Compartilhar as opiniões sobre as leituras e ver que isso ajuda pessoas é a melhor parte para mim <3

    Beeijinho. Dreeh
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  21. Concordo plenamente com você. O blog para de ser algo prazeroso quando começamos a enfrentá-lo como uma obrigação. Infelizmente, o blog não é fonte de renda fixa, então temos que usá-lo para conhecer pessoas legais, criar laços e conversar sobre livros.
    Adorei a sua postagem e a nova coluna.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de Abril

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!