Resenha #111 - Se eu ficar - Gayle Forman - Novo Conceito


Título: Se eu ficar
Autor (a): Gayle Forman
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581635415
Ano: 2014
Páginas: 224


Livro recebido em parceria com a Editora


Sinopse: Depois do acidente, ela ainda consegue ouvir a música. Ela vê o seu corpo sendo tirado dos destroços do carro de seus pais – mas não sente nada. Tudo o que ela pode fazer é assistir ao esforço dos médicos para salvar sua vida, enquanto seus amigos e parentes aguardam na sala de espera... e o seu amor luta para ficar perto dela. Pelas próximas 24 horas, Mia precisa compreender o que aconteceu antes do acidente – e também o que aconteceu depois. Ela sabe que precisa fazer a escolha mais difícil de todas.




As vezes você faz escolhas na vida e as vezes as escolhas fazem você. Essa é a beleza das coisas.

Se eu ficar é um livro que nos emociona e nos faz pensar em como nossa vida é passageira, e em como tudo que conhecemos pode mudar em uma fração de segundos.
Nossos sonhos, planos para o futuro, nossa família, nossos amores e até aqueles momentos que passam despercebidos, por serem corriqueiros, mas que nos moldam e tudo que conhecemos, pode em um piscar de olhos não mais existir. É uma trama envolvente, única, cativante que nos mostra que a vida é um frágil milagre.

Mia é uma garota de 17 anos e uma violoncelista muito talentosa, que vive uma vida normal, cercada por uma família amorosa, um irmão mais novo muito fofo, um namorado apaixonado e uma amiga muito especial. Que vê todos seus planos serem interrompidos ao sair para um passeio de carro com a família, em um dia em que a neve impediu todos de seguirem suas rotinas, e sofre um grave acidente. Após esse fato passamos a conhecer a vida de Mia, seu passado e seus planos para o futuro e sua família através de seus olhos. Mia está na ponte entre a vida e a morte, e passa a ser uma narradora observadora. Ela está confusa e perdida e demora a perceber o que está acontecendo com ela e seus familiares. Conforme Mia começa a assimilar a realidade a sua volta, ela começa a lembrar de seu passado e de momentos importantes de sua vida.

Entendemos a importância do nascimento de seu irmão em sua vida, e como eles eram próximos apesar da diferença de idade. Mia nos conta como surgiu sua paixão pelo violoncelo e pela música clássica, mesmo sendo sido criada em uma família de roqueiros. E como Adam, seu namorado, entrou em sua vida e arrebatou seu coração, e o quanto Mia se sente insegura por ter sido escolhida por ele. E assim vamos vivenciando o passado e o presente dessa jovem que precisa tomar a decisão mais importante de toda sua vida. Escolher entre viver ou desistir de tudo.

- Não ligo - rebate Adam - Tudo que eu preciso é de um segundo.
- Por quê? Digo, o que você vai conseguir fazer em um segundo?
Adam faz uma pausa. Seus olhos, que normalmente são uma mistura de cinza, castanho e verde, de repente escurecem.
- Mostrar a ela que estou aqui. Que ainda há alguém aqui.

Eu estaria mentindo se dissesse que logo no início da narrativa eu me emocionei com o drama de Mia. A protagonista parecia muito distante dos acontecimentos, acredito que por conta da confusão que estava em sua mente. Mia não estava entendendo que o estava acontecendo com ela, o que é muito aceitável, ela estava tendo uma experiência extracorpórea, algo realmente muito confuso.

Não, o livro não é espírita e não tem nenhum cunho religioso, para alguns essa experiência extracorpórea pode ser algo surreal. Mia acompanha seu corpo e consegue ver tudo que acontece a sua volta, mesmo não tendo nenhum tipo de controle é dela a decisão de prosseguir lutando pela vida ou não. Porém, com a evolução da trama eu passei a me importar com a personagem, me emocionei com sua história, com seus planos para o futuro, além é claro de me comover com a terrível decisão que Mia tem que tomar.

Eu tenho para mim que todo mundo precisa ter uma música para a hora de sua morte. Tudo bem isso deve parecer meio mórbida para vocês, não é como seu eu vivesse pensando no assunto. Simplesmente a minha música se apresentou pra mim, "Will You Still Love Me Tomorrow" (Você irá me amar amanhã) essa é minha música.  Sou muito musical e um ponto que eu gostei muito no livro foi o envolvimento dos personagens com o cenário musical, não vivo sem música e a Mia também não. Estou contando isso porque no livro tem uma passagem em que Mia e os pais fazem justamente isso, escolhem uma música para seus funerais. Pode parecer besteira, mas eu realmente me encantei com essa parte do livro.

A narrativa de Se eu ficar é rápida e envolvente, ela é do tipo de narrativa que faz com que o leitor não queira parar de ler até chegar ao final. Um livro que com certeza foi escrito pra levar os leitores às lágrimas. Eu não chorei com o livro, mas tenho certeza que irei chorar com o filme, sou muito visual.

Gayle Forman conseguiu com maestria prender a minha atenção, me emocionar e me fazer pensar sobre muitos aspectos da fragilidade da vida e como é importante dar atenção aos mínimos momentos, porque eles podem ser os últimos. Eu me apaixonei pelo Adam e por sua banda de rock, ele e Mia se completam, jovens ligados pela música de uma forma bem singular. Estou ansiosa pra ler a continuação, Para onde ela foi que será lançado ainda esse ano. Eu já separei os lenços de papel para assistir ao filme, não sei se estou preparada para ver esse drama na telona, mas estou ansiosa por isso.

Seria injusto de minha parte terminar essa resenha sem mencionar o trabalho de diagramação da editora nesse livro, está simples e perfeito. Cada página possui um detalhe de notas músicas, e mesmo eu não sendo fã de capa de livro inspirada no pôster do filme, a capa de Se eu ficar conseguiu se harmonizar com a história. O livro não tem capítulos, os fatos ocorrem em 24 horas, e as passagens (capítulos) são marcadas pelas horas. Uma leitura muito boa que eu indico com toda certeza.


Não sei ao certo o que aconteceu comigo, e pela primeira vez no dia, não me importo nem um pouco. Não deveria me importar. Não deveria ter tentado tanto. Percebo agora que morrer é fácil. Viver é que é díficil.



Assista ao trailer da adaptação cinematográfica de "Se eu ficar".





23 comentários:

  1. Patty, meus olhos se enchem de lágrimas agora, o mais engraçado é logo quando começou toda essa "onda" do livro eu não ligava nem um pouco para ele, tudo mudou quando vi o trailler, daí em diante não consigo resistir sequer á uma resenha e meus olhos como disse no começo, se enchem de lágrimas.
    Sou como você Pattty, sou muito musical e visual..... adoro escolher músicas para momentos e reparar em cada detalhe dos filmes, vou ter que separar toalhas e não lenços para mim kk.
    Ótima resenha, podem até não concordarem comigo, mas é como se você estivesse vendo a Mia viver aquela história.
    Quero muitos os livros.

    Bjsss

    ResponderExcluir
  2. Eu tô tão ansiosa pra ler esse livro!
    A trama eu achei bem inovadora, acho que vou chorar no filme assim como você, rsrs.
    Todas as resenhas que leio desse livro mencionam que não se emocionam imediatamente, e sim ao longo da história.
    Ótima resenha! Abraços, Patty!!!

    ResponderExcluir
  3. Nossa quase chorei no trailler! Não tinha visto ainda..
    Desejando para ontem esse livro *-*

    www.chadecalmila.com

    ResponderExcluir
  4. Quando eu comecei a ver o livro por aí nas redes sociais eu não me interessei muito mas meu Deus, depois que eu vi o trailer tudo mudou. Eu to muito afim de ler o livro e ver o filme, parece ser emocionante. Achei legal você já ter uma música pra quando morrer Patty (sem querer ser mórbida também), eu também já pensei nisso mas não consigo me decidir. beijão

    ResponderExcluir
  5. Oiee

    Também gostei da leitura mas não consegui me emocionar lendo mas com certeza quando assistir ao filme iremos chorar e quero ir com você hein kkk assim como choramos em A Culpa é das Estrelas iremos chorar nesse kkkk amei a resenha , a minha sai amanhã!

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Patty :)

    Eu tenho muita vontade de ler Se Eu Ficar, pois as resenhas que li sobre o livro foram extremamente positivas. Minha prima comprou e se ela gostar vou pegar emprestado. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Patty, td bem?
    Esse livro traz algumas combinações de coisas que eu gosto e me fascinam. Música clássica, por exemplo, é meu gênero preferido, é meio que a trilha sonora da minha vida....
    E, sabe, histórias de experiencias extra-corpóreas (e sem envolver religioes para explicar) tem um fundo simplesmente fascinante. É uma forma diferente de observar a vida, literalmente pelo lado de fora... Um livro desse, com certeza, além de emocionar, proporciona bons momentos de reflexôes... Fiquei realmente com vontade de ler!

    Aa, depois de muito tempo, voltei a escrever no Peças de Oito, passa lá e dá uma olhadinha se puder, blz? Ficaria muito feliz em te ter por lá novamente...

    Abraços!!!!

    pecasdeoito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oiii
    Eu soube do livro depois que soube do filme, e me apaixonei pela premissa. Já fiquei toda arrepiada e emocionada lendo essa resenha, vou ler esse livro antes de assistir o filme e sei que vou chorar em ambos, a questão vai ser, em qual vou chorar mais. Apesar das críticas, amo muito essa capa, acho realmente linda. E tudo que tem música me toca, sou muito musical também. E só em ouvir Say something no trailer já quero chorar!
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oi Patty..
    Esse livro está fazendo o maior sucesso e já é até campeão de vendas.
    Eu fico curiosa para saber o motivo de tanto sucesso e como as pessoas falam tão bem nas resenhas.
    Imagino o quanto o livro deve ser emocionante, pois o trailer já é..acho que vou chorar no filme também..rs

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oie...
    Esse livro era um dos lançamentos mais aguardados!! Está fazendo um sucesso e tanto.
    Gostei bastante da resenha e estou super curiosa para ler o livro. Ainda preciso garantir meu exemplar!!
    Vi algumas resenhas em outros blogs e haviam algumas críticas dizendo que não se emocionaram tanto quanto esperavam e que acham que a adaptação será mais emocionante que o livro.
    Espero que ambos sejam bons rsrsrs

    ResponderExcluir
  11. Oieee
    Estou muito feliz que o próximo livro vai ser lançado já,já.Não gosto de ficar esperando muito tempo por continuações.E sem dúvidas vou me emocionar,basta qualquer situação dramática que eu já tenho que interromper a leitura e esperar alguns minutos para depois continuá-la.E eu ainda pretendo ter o livro em mãos antes da estreia do filme,gostei de Mia e quero muito saber o final da sua história.
    beijos

    ResponderExcluir
  12. Oiee ^^
    Imagino que vou chorar muito quando ver o filme; só o trailler já me emocionou, não consigo nem imaginar a adaptação. Li o livro e também gostei bastante, mas não entendo o por que de ter uma continuação *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOI, Pattyyyyyyyyyy *-* Tudo bem? Huuum, eu li esse livro, e vou te dizer... Dei três estrelas, hahahaha! Sei lá, ele não me tocou nada quanto era pra tocar... Mas vamos ver sua resenha diva, hahaha! ♥ Bom, concordo contigo, é bem emocionante e tal... Só não gostei dela ficar contando TUDO da vida dela. Tipo, algumas coisas ela podia contar, mas outras achei meio desnecessário, uhashusahusa! Ficou cansativo! :/ E sim, a diagramação está perfeita, hahahahaha! <3

    BEIJOS INFINITOOOOOOOOOOOOS! ♥

    Juu-Chan || Nescau com Nutella

    ResponderExcluir
  14. Oi Patty!
    Eu tava suuuuuper ansiosa pelo livro. To doida pra compra-lo e le-lo. Várias pessoas me contaram que se emocionaram com ele e que ele é muito bom!
    Amei sua resenha, pelo visto, chorarei litros quando for ler!
    beijos

    ResponderExcluir
  15. Oi Patty! Manteiga derretida do jeito que sou ia alagar meu quarto ao ler esse livro, com certeza. Gostei da proposta e fiquei curiosa para ler. Depois da sua resenha eu fiquei pensando sobre a música da morte, acho que a minha seria Tears in Heaven, acho linda!

    Beijos,

    Mari
    cantinhodeleituradamari.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Cada vez mais estou apaixonada pelos livros da NC, a diagramação parece ser tão fofa e ainda os capítulos são marcados com horas *-------*
    Bom saber que não é espírita rsrs. Tenho que me apressar em ler o livro porque o filme jájá será lançado e depois começa o bombardeio de spoilers =(
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  17. Todos falam tão bem desse livro que tô louca pra ler o livro e ver o filme..NC sempre arrasa nos seus lançamentos fico babando literalmente com cada um deles ^^

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. O que mais me chamou a atenção neste livro foi o trailer e a trilha sonora maravilhosa, dai quando fui correr atras do livro para ler...cade? mas agora com o lançamento pela NC já tenho ele reservado aqui na estante ^^ Adorei sua resenha, só reforçou o que já imaginava!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  19. Oi Patty!
    Menina, eu demorei a me entender com essa historia...
    Depois que vi o trailer do filme foi que quase morri de chorar!
    Estou doida para ler!

    Beijinhos
    Sou eu... Pri!

    ResponderExcluir
  20. Oi Patty!
    Ótima resenha!
    A história parece ser boa e bem emotiva, mas não acredito que seja meu tipo de leitura. Talvez eu assista ao filme :)

    ResponderExcluir
  21. Se eu ficar livro com criativa , a garota capa e Carie a Estranha eu assintir o filme não curti muuuito pois nem dar medo de verdade ! Mas achei sim livro interessante , vi em muiiitos blogs otimos elogios em relação a este livro e isso me deu um certa curiosidade pra um futura leitura

    ResponderExcluir
  22. Bem, eu vi o trailer no cinema antes de ler algo sobre o livro.
    Só soube dele pelos blogs que comentavam do seu relançamento graças ao filme.
    Me senti muito desatualizada... massss...
    Eu não tanta vontade assim de ler, seria mais para conferir se é o que dizem, hehe.
    Eu achei a trama consistente e muito boa, gera reflexão sobre a vida e como ela é curta.
    Pelo que deu para perceber ela decide lutar, já que tem a continuação vindo (ou já veio, hehe) por ai.

    ResponderExcluir
  23. Oi, Patty!!

    Não vi o trailer para não pegar spoiler! hsuahsuahsa..
    Eu não sabia que o livro tinha esse lado musical. Também amo música. E estava querendo mesmo que houvesse mais livros musicais.. é tão legal!! Você vai sentir esse ar quando ler Louca por você (leia logoooo! e venha me contar! hsuhsuahsuasa..). Enfim, tudo que o livro abrange.. adorei. Quero ler.
    E é verdade, a Novo Conceito tem arrasado nas edições. Letras musicais num livro? Cara, isso é tipo chocolate com licor pra mim. Combinação perfeita.

    Beijos!!

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!