Resenha #141 - Alma da Fera - Diana Peterfreund - Galera Record


Título: Alma da Fera
Série: Ordem da Leoa #2
Autor (a): Diana Peterfreund
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501098627
Páginas: 350


Livro recebido em parceria com a editora


Sinopse: Astrid Llewelyn é agora uma caçadora de unicórnios treinada. Mas não pode resolver todos os problemas com magia de alicórnio. Ou um montante ancestral. Mesmo um com uma curiosa inscrição em latim. O namorado deixou Roma para fazer faculdade em Nova York, o Claustro passa por sérias dificuldades financeiras, as habilidades de suas companheiras caçadoras estão desaparecendo sem explicação, e o sonho de se tornar uma cientista parece cada vez mais distante. Sem contar a Igreja, que finalmente resolveu se envolver com a Ordem da Leoa. Aliás, de uma maneira nada fashion: hábitos camuflados! Sério? Então, quando surge a oportunidade de abandonar a casa capitular e seguir para o interior da França para usar o intelecto na procura pelo mítico Remédio, ela embarca de cabeça. No quartel-general da Gordian Phamaceuticals, Astrid questiona todas as suas decisões. O amor por Giovanni, a lealdade ao Claustro e, acima de tudo, seu dever como caçadora. O mundo precisa ser salvo dos unicórnios? Ou são os unicórnios as verdadeiras vítimas?


 Essa resenha não contem spoilers.


Queridos leitores por se tratar de uma continuação eu não vou fazer aquela introdução da história. Basta dizer que o livro continua de onde o primeiro volume da série parou. Vou me limitar a apenas a comentar o que evoluiu ou não na história, desenvolvimento entre outras coisas, ok?

Para quem leu a minha resenha de Caçadora de Unicórnios, sabe que eu adorei o livro. Achei que a autora foi muito original e buscou algo para sair da mesmice que temos atualmente em boa parte dos livros. Alguém já tinha ouvido falar de Unicórnios Assassinos? Pois é, eu também não. Ela trouxe no primeiro volume da série, uma introdução para o universo que ela criou de uma forma fantástica, em uma narrativa envolvente e bem humorada, com ótimas cenas de ação, em Alma da Fera a situação é um pouco diferente.

No primeiro livro temos a construção e apresentação dos personagens, no segundo livro da série a autora optou por trabalhar as jovens de uma forma bem mais profunda, e trazer à tona os seus conflitos internos. Temos uma Astrid bem mais emotiva e confusa com tudo que está acontecendo a sua volta. O peso da vida de caçadora assombra constantemente a vida das personagens. 

Nesse livro temos um foque maior na história por trás dos unicórnios e caçadoras. Aprendemos mais sobre a suas origens, sobre as famílias, as motivações e a magia. Ainda temos algumas cenas de ação, mas são poucas, assim como o toque bem humorado, as tiradas de Astrid são bem menos frequentes.

Alguns conflitos são bem mais explorados nesse segundo volume. Temos a disputa entre a ciência e a magia. Até onde os médicos e cientistas conseguem explicar ou não explicar as coisas que envolvem os unicórnios. Por que as caçadoras possuem esse vinculo específico com os animais, e qual a ligação da virgindade com isso tudo.

Os Unicórnios apesar de serem bestas assassinas, são animais. Ninguém tem noção alguma dos seus hábitos e comportamento, e eles estão à beira da extinção.

Algumas das caçadoras começam a se perguntar se os Unicórnios seriam tão diferentes assim de qualquer outro predador. Afinal, eles são animais selvagens. Eles matam para comer e matam quando se sentem ameaçados e ponto. As Caçadoras decidirem se eles deveriam vivem ou não, seria justo? Ou se eles poderiam viver em cativeiros a fim de descobertas cientificas?

Quando os Unicórnios foram descobertos pelo mundo, o foco mundial caiu sobre as caçadoras. A sua vida já não era muito fácil, ainda mais agora com todo mundo olhando. 

Como eu disse esse livro traz um aprofundamento maior aos personagens. Até quando uma jovem seria capaz de aguentar essa vida? Ser caçadora era um dever ou uma herança? São perguntas que aos poucos vão sendo feitas e com o passar do tempo as jovens vão amadurecendo. 

Lilith, mãe de Astrid, aparece poucas vezes durante o livro e todas as vezes que ela aparecia ou era citada eu sentia um ódio profundo. Eu nunca pensei que fosse ler sobre uma mãe capaz de fazer o que ela faz com a própria filha. As coisas que Lilith fala para Astrid são ácidas, ela tudo, menos o que uma mãe deveria ser. Nem com a filha correndo perigo mortal ela deixa de ser egoísta e insensível. 

Eu queria poder dizer que eu amei esse livro da mesma forma que amei o primeiro. Infelizmente esse não foi o caso. Confesso que houve um grande salto de lá pra cá. A escrita melhorou, a história ficou bem mais densa e profunda, mas o final não me deixou satisfeito. Pelo o que eu andei lendo na internet, essa série era para ser uma suposta trilogia, mas o segundo livro foi publicado em 2010 e até agora nenhum sinal da continuação, se é que vai ter alguma.

Talvez seja por isso que eu tive a sensação de não conclusão. Foi um segundo livro tendendo para uma conclusão, que não responde tudo, só deixa em aberto o destino dos personagens. Muitos mistérios são descobertos durante a leitura, mas outras tantas perguntas ficam sem respostas. 

A autora tem dois contos publicados em duas antologias que se passam nesse mesmo universo, não sei dizer qual é a conexão entre eles e A Ordem da Leoa, mas talvez traga mais algumas respostas, ou não. Um deles está naquele livro Zumbis x Unicórnios.

Eu esperava um fechamento melhor, apesar de ainda ter gostado da obra como um todo. Acho válida a leitura dessa série, se você tem interesse em algo bem diferente do que costuma ler.


27 comentários:

  1. Uma pena que esse livro não teve um final legal, deixado partes em aberto...Fiquei tão animada quando li a resenha Caçadora de Unicórnios, por um lado eu acho que vou amar os unicórnios assassinos...mesmo tendo um final não tão legal eu ainda quero muito ler os livros e espero gostar muito da historia.
    *-*

    ResponderExcluir
  2. Oiee Biel

    Se no primeiro livro já me convenceu a ler esse então piorou kkkk odeio ler séries que o autor nem terminou de escrever ainda isso me deixa indignada é muita falta de respeito com quem lê.

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  3. É uma pena que tenha havido uma queda de qualidade no final, mas se a escrita melhora nesse segundo livro e há um aprofundamento, acho que vale a pena continuar a série.
    Eu desconhecia esses livros, mas gostei bastante. Achei a premissa bem legal.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de novembro

    ResponderExcluir
  4. é tipo aquela terrível maldição da continuação sabe!
    a gente ama o primeiro livro e do nada vai ler o segundo e fica com cara da bunda, mas td bem quando for ler o terceiro vai dar tudo certo ;D assim espero que tenha continuação né.
    eu adoro o livro zumbis x unicórnios, li mt coisa legal lá por isso sou team unicórnio haha
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  5. Olá, Gabriel!
    Geralmente o segundo livro de uma trilogia é sempre o mais morno, acrescenta algumas coisas mas fica apenas no meio termo. É difícil definir a real importância deles até o terceiro volume.
    Durante a resenha o pouco de interesse que eu tive em ler o livro aumentou, de acordo com os seus comentários. A impressão é que a história vai tomando forma e ganhando importância, já que agora todos sabem sobre as criaturas, porém me desanimou saber que está em ~hiato desde 2010. :\ Dificil ler algo sem um final.

    Blog Cantar Em Verso

    ResponderExcluir
  6. Oiee ^^
    Não conhecia o livro, mas fiquei um pouco desanimada já que você não gostou muito do final. Acho que vou esperar o terceiro livro lançar antes de tentar ler o primeiro.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Biel!! Depois da série Sociedade Secreta eu virei fã incondicional da Diana Peterfreund, eu simplesmente AMEIII a série, já leu?! Eu gosto de livros de fantasia e também nunca tinha lido nada sobre unicórnios assassinos (rssss), é uma pena que você não tenha gostado tanto do livro. Partes em aberto me irritam, espero que saia logo o terceiro (apesar de esperar desde 2010, né?)

    Beijos,

    Mari
    cantinhodeleituradamari.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi Gabriel, tudo bem???

    Bom para falar a verdade não me lembro se conhecia algo desses livros... bom achei a resenha bem elaborada e apontando coisas interessantes como ser caçadora de unicórnios ser bom ou não... isso nem sei como questionar afinal de contas nunca imaginei que os unicórnios pudessem ser assassinos rsrsrs para mim sempre foram dóceis e lindos kkkkkk mas enfim... Percebi que a leitura não te cativou tanto quanto gostaria... fico triste as vezes com a demora de livros de séries para serem lanças, mas enfim.... Xero!!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Gabriel!

    Uma pena que deu uma decaída na história neste segundo livro, mas vou ler com certeza. Acredito que a autora vai escrever um terceiro, não sei, mas quem sabe! Não gosto de perguntas sem respostas então, oremos! hahahaha

    De qualquer forma, muito bom ter explorado os pontos bons e ruins desse segundo livro na resenha!

    Beijos!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Meio chato isso da autora deixar o final em aberto e não dar notícias sobre continuação. Entendo esse segundo livro ter dado uma freada na ação, ela queria explicar as coisas, pensar sobre tudo e tal.
    Continuo achando uma série interessante, mas saber desse final aberto e a não precisão de um terceiro livro me desanimou um pouco.

    ResponderExcluir
  11. Oi Gabriel!!
    Vc me assustou um pouco. Eu até me interessei com a outra resenha, mas vc disse que o final não foi bom... E eu costumo ler mesmo assim! kkkkk E às vezes a autora não consegue se encaixar e encontrar um final. Se bem que quatro anos são mais que suficientes!
    Bjs

    folheandominhavida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem?

    Li a resenha do primeiro livro da série e não gostei muito (a premissa do livro não me interessou), embora o enredo pareça ser bem trabalhado. Lendo agora a resenha do segundo volume, fiquei ainda mais chateado. Me parece ser um livro aberto demais, coisa que não gosto.

    Até logo,
    Sérgio H.

    www.decaranasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Não sabia que tem um livro antes desse, achei que fosse somente ele e fiquei tipo :O ao descobrir de qual livro é. Fiquei desanimada por você ter dito que é um final aberto... e que tem contos. Fiquei desanimada.

    ResponderExcluir
  14. Eu fiquei curiosa pra ler depois da sua resenha do primeiro, mas agora desanimei um pouco. É ótima que a escrita da autora melhorou, mas saber que o final foi assim, me fez ter menos vontade de começar o primeiro livro. E vai saber se o último vai ser lançado mesmo...

    ResponderExcluir
  15. Oi, Gabriel.

    Muito chato isso da escritora lançar dois livros e não sabermos quando sai o terceiro. Pelo que entendi ficou muita coisa sem conclusão nesse livro. Fiquei de cara com a parte de unicórnios assassinos. :OO
    Parece ser um livro bem legal, se caso ele tiver o terceiro lançado começo a ler essa trilogia.
    Falar em esperar livro e o meu querido George Martin que até hoje não lançou o sexto livro das Crônicas de Gelo e Fogo.

    Visite: http://paradisebooksbr.blogspot.com.br/

    Beijos.

    ResponderExcluir
  16. Oi Gabriel, como disse na outra resenha, ainda não sei se leria, mas lendo sua resenha me pareceu bem atrativa, como não seria uma leitura urgente acho que esperarei o terceiro e ai sim corro para ler todos! Não quero correr o risco de gostar e não poder ler o que acontece!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  17. Oi Gabriel!!

    Então se existia alguma dúvida minha quanto a leitura dessa serie, já me decidi não irei ler! Além de "desconstruir" um dos seres mitológicos que mais adoro, a serie não foi nem finalizada de verdade!! Agradeço a você por me fazer poupar meu tempo e me evitar a raiva!!

    Xo
    Re.View

    ResponderExcluir
  18. Ah não, livro não em animou nadinha. Gosto de coisas diferentes, mas esse livro não. Obrigada pelo alerta, pois eu tava com um pé meio lá, meio cá. Mas agora decidi.

    ResponderExcluir
  19. Ainda não li o primeiro exemplar do livro!
    Mas não conhecia muito bem esta coleção!
    Acabei conhecendo aqui em seu blog, achei bastante interessante
    espero ter oportunidade de acompanhar 1

    ResponderExcluir
  20. Ainda não li o primeiro exemplar do livro!
    Mas não conhecia muito bem esta coleção!
    Acabei conhecendo aqui em seu blog, achei bastante interessante
    espero ter oportunidade de acompanhar 1

    ResponderExcluir
  21. É muito ruim quando um livro demora para sair. :/
    Esse livro me deixou com mais ansiedade ainda de ler a trilogia. Apesar, de não gostar muito do gênero do livro.

    ResponderExcluir
  22. Oi
    Que pena que esse não te satisfez tanto :/ Esse livro parece ser o almanaque kkk Muitas respostas parecem ser dadas nesse livro, ou melhor, explicações. Eu nem sei muito o que dizer, li a resenha anterior e me interessei bastante, mas ainda não o li, então não posso julgar melhor a obra. Mas se você diz que apesar de tudo, os livros ainda valem a pena, vou tentar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Uau! fiquei extremamente curiosa a respeito desse livro. É muito fora da minha zona de conforto e foi isso que mais me atraiu! É uma pena quando o livro, ao invés de responder alguns questionamentos, só nos deixa mais confusos rs drama de todo leitor. Mas vou pesquisar um pouco mais sobre essa trilogia (?)

    ResponderExcluir
  24. Q pena q a serie n deu a sensação de conclusão.. Ainda sim quero ler pois gosto da autora!
    Forever a Bookaholic
    Curta a página do blog

    ResponderExcluir
  25. Oi Gabriel, tudo bom?
    Nossa, acho que foi a maldição do segundo livro...pena que a série não manteve o pique e algumas coisas ficaram sem explicação. É um saco ter que esperar por um desfecho decente de uma história. Não é meu gênero preferido, mas a trama tem seus aspectos interessantes.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Achei o título tão lindo, e a capa está muito atrativa, como o primeiro, apresentam uma boa impressão logo no começo, o que me deixou animada também.
    A mãe dela parece ser bem cruel, que horror. Esse ponto me deixa meio triste para a leitura. ;3;
    Vou tentar procurar ele para ler, apesar de eu ter notado que o segundo foi relativamente mais fraco que o primeiro.

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!