Resenha #142 - Ser Feliz é Assim - Jennifer E.Smith - Galera Record


Título: Ser Feliz é Assim
Autor (a): Jennifer E.Smith
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501047786
Ano: 2014
Páginas: 400

Livro recebido em parceria com a editora
Sinopse: A vida — assim como o amor — é cheia de conexões inesperadas e enganos oportunos. Uma ligeira mudança no curso pode gerar consequências surpreendentes. Afinal, às vezes, o desvio, o atalho é o verdadeiro caminho. A estrada que deveríamos ter escolhido desde sempre... Se pelo menos tivéssemos a coragem de fazer do coração nossa bússola.Graham Larkin e Ellie O'Neill não poderiam ser mais diferentes. O rapaz é um ídolo adolescente, um astro das telas de cinema; uma vida calcada na imagem. O cotidiano constantemente sob o escrutínio dos refletores. Agentes, produtores, RPs, assessores... Já Ellie passou a vida escondida nas sombras, fugindo de um escândalo do passado enterrado em sua árvore genealógica.
Mas, mesmo sem aparentemente nada em comum, os dois acabam se conhecendo — ainda que virtualmente — quando Graham envia a Ellie, por engano, um e-mail falando sobre o porco de estimação Wilbur. Esse primeiro contato leva a uma correspondência virtual entre os dois, embora não saibam nem o nome um do outro. Os dois trocam detalhes sobre suas vidas, esperanças e medos.
Então Graham agarra a chance de passar tempo filmando na pequena cidade onde Ellie mora, e o relacionamento virtual ganha contornos reais. Mas será que duas pessoas de mundos tão diferentes conseguirão ficar juntas? Será que o amor é capaz de vencer — mesmo — qualquer obstáculo? E mais importante... é possível separar ilusão de realidade quando o coração está em jogo?

Ser feliz é...
Ver o sol nascendo no porto. Tomar sorvete num dia de calor. Ouvir o barulho das ondas ali no fim da rua. O jeito como meu cachorro se enrosca perto de mim no sofá. Dar um passeio a pé de noitinha. Filmes legais. Tempestades. Um belo cheeseburger. Sextas-feiras. Sábados. Quartas-feiras, até. Mergulhar a ponta dos dedos do pé na água. Calça de pijama. Chinelo de dedo. Nadar. Poesia. A ausência de emoticons num e-mail.
E pra você, como é ser feliz?

Quando eu recebi a news com os lançamentos de setembro da Galera Record e vi que Ser Feliz é Assim  estava na listinha, de cara eu soube que queria ler esse livro, o que me chamou a atenção em primeiro lugar foi a autora, Jennifer E.Smith é a mesma autora de A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista, que eu li ano passado e amei a narrativa da autora e como ela desenvolveu a história e os personagens. E claro na hora eu pensei: "Preciso ter Ser Feliz é Assim na minha estante", tinha uma intuição que seria impossível eu não gostar desse livro, e eu estava certa.

Imagine você recebendo um e-mail errado na sua caixa de entrada, e esse e-mail contém uma mensagem no mínimo fofa. E você com a maior boa vontade se vê respondendo a esse e-mail pelo simples fato de querer fazer uma boa ação. É assim que começa Ser Feliz é Assim. Ellie recebe um e-mail com uma mensagem que induz ela imaginar que a pessoa do outro lado está presa em um compromisso e não tem ninguém que leve seu "cachorro" para passear. Compadecida com o fato de o possível cachorro ficar sem seu passeio, Ellie resolve responder ao e-mail, e descobre que na realidade o bichinho de estimação é um porco. 

A troca de e-mails descontraída e bem humorada entre o dono do porco e Ellie desperta nos dois uma saudável curiosidade, eles querem saber mais um do outro, e essa troca de mensagens se estende por meses. Ellie se sente à vontade na companhia de GDL824@yahoo.com. É isso mesmo, Ellie não faz a menor ideia de quem seja a pessoa com a qual ela troca e-mails diariamente, com confissões que ela não faria nem mesmo na frente do espelho em voz alta. A cumplicidade é um sentimento mútuo, Ellie e GDL824 se tornam confidentes. E mesmo sem terem um rosto a quem associar, eles acabam se tornando amigos.

O livro é gostoso como um filme de sessão da tarde. Aqueles filmes de comédia romântica onde todas as licenças poéticas são permitidas, inclusive tornar possível o encontro do casal da maneira mais romântica que podemos imaginar. Ellie mora em uma cidade pequena no Maine e é lá que uma equipe enorme de Hollywood de instala para rodar trechos do novo filme estrelado pela sensação teen do momento, Graham Larkin. O que a equipe e os moradores de Henley não sabem é que a escolha da cidade para a locação do filme foi uma artimanha de Graham que precisa a todo custo conhecer uma pessoa na cidade, essa pessoa é dona do e-mail EONeill22@hotmail.com, e é com ela que ele vem trocando mensagens há meses.

Será que me fiz entender? O galã teen de Hollywood nada mais é que o dono do porco, aquele que originou o primeiro e-mail errado para Ellie. Clichê? SIMMM!!! Mais lindamente fofo! Eu fiquei sonhando acordada, sou romântica por mais que não admita e fiquei suspirando com essa deliciosa coincidência. 

Ser feliz é...
Conhecer lugares.

O livro não foca somente no romance entre o casal, mas também nos problemas em que os dois enfrentam. Graham apesar de ser um astro de Hollywood se mostra um garoto de 17 anos triste, meio sem rumo. Ele não gosta muito dos bastidores de Hollywood com seus relacionamentos artificiais e pessoas falsas, Graham sente falta de ser ele mesmo, sente falta de pescar com o pai, sente falta da convivência com os pais, que acabaram se afastando por conta do novo estilo de vida da Graham. Ele é um rapaz lindo, dono de um sorriso cativante, não é fútil e nem acredita ser superior a ninguém, e vive perseguido por paparazzis. A personalidade de Graham com certeza é encantadora e me conquistou.

Ellie por sua vez esconde um passado cheio de segredos, que ela não pode dividir nem com sua melhor amiga, o que deixa sua vida pela metade. Ela tem sonhos simples para uma garota, ela adora poesia e quer muito fazer um curso de verão em uma universidade de primeira linha, o que é quase impossível por conta de sua situação financeira. Problema esse que poderia ser facilmente resolvido se a mãe permitisse que Ellie convivesse com seu pai, mas esse assunto faz parte do passado obscuro das duas.

O que eu gostei em Ellie é que ela não fica deslumbrada com o fato de Graham ser um astro, na realidade o fato a deixa bem chateada e se torna o principal motivo para que os dois não possam ficar juntos. O segredo que Ellie esconde pode se tornar público por conta de sua aproximação com Graham. O romance entre os dois não é nada fácil, cheio de obstáculos e altos e baixos. Porém mesmo com toda a dificuldade os dois acabam ajudando um ou outro a superar seus problemas, ou pelo menos parte deles.

A narrativa do livro é feita em terceira pessoa, hora focando em Ellie hora em Graham o que permite que conheçamos bem cada um deles. Eu particularmente adoro o jeito de Jennifer narrar a história, e mesmo ela sendo previsível, sem grandes novidades eu adorei. Não foi um livro que me fez pensar na vida, nem me trouxe grandes inspirações, mais foi um livro muito agradável que cumpriu muito bem seu papel, e me fez sonhar. Quem dera se Grant Gustin batesse na minha porta... e eu ainda tivesse 17 anos (rs). Não consegui imaginar outro ator para o papel de Graham, acho que pelo fato de autora destacar o sorriso do personagem, eu acho o sorriso de Grant Gustin lindo.

Ser feliz é Assim é um livro fofo e tem aquela cara de sessão da tarde, de um belo passeio pela praia ou de uma volta de roda gigante. Divertido, apaixonante, emocional e não emocionante e com toques dramáticos mais de um jeito leve, ideal para quem precisa de uma dose de romance onde o "felizes para sempre" nem sempre é o ponto de chegada, mais sim a possibilidade de um recomeço.

Ser feliz é...
Uma surpresa bem-vinda.



24 comentários:

  1. Oi, Patty! Tudo bem?
    Acho a capa desse livro bem bonita e alegre (não quis usar "feliz). Nunca havia notado o porquinho ali e depois de ler a resenha acabei prestando mais atenção nesse detalhe.
    A história parece ser bem legal e mesmo antes de ler seu comentário também relacionei com "sessão da tarde"; Contudo não fiquei tão interessada pela leitura. Talvez em algum momento quando estiver passando por uma "preguiça literária" (eu não tenho ressaca) posso acabar lendo para passar o tempo e não deixar de ler nada, por ser uma leitura leve.

    Bjs

    Cantar Em Verso

    ResponderExcluir
  2. Oi!
    Geeeeeeente do céu! Quando vi o livro nem cheguei a ler a sinopse. Adorei a resenha e principalmente em saber que se trata de um livro clichê e fofo.
    Fiquei chateada pelo livro ser narrado em terceira pessoa, mas quero muuuuuuuuuito lê-lo pq a historia parece ser (como você disse) "bem sessão da tarde"

    ResponderExcluir
  3. Com essa história, nem o fato de ser narrado em terceira pessoa me desanima hahah ansioso para ler o encontro de GDL824 e EONeill22!! Ótima resenha, abraços

    ResponderExcluir
  4. Eu ainda não li o outro livro da autora, mas tenho muita vontade de ler ele. Esse livro é um que nunca me animou muito, ele parece ser clichê, e por isso nunca me interessei muito por ele. Mesmo agora depois de ler sua resenha, ainda não me animei muito... Talvez um dia eu até leia, mas não é prioridade =/

    ResponderExcluir
  5. Oi Patty não sabia que era a mesma autora do Probabilidade que já li o livro e gostei bastante e também tem cara de sessão da tarde, então vou anotar a dica e ler mais para frente !

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  6. Realmente o livro parece ter cara de sessão da tarde e também ser um tanto clichê, mas mesmo assim parece ser um livro legal e gostoso de ler. Acho que o leria entre dois livros mais densos e, com certeza, iria gostar.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de novembro

    ResponderExcluir
  7. Oi, Patty.

    Nunca li nada da autora, mas acho que posso começar com Ser feliz é assim. Já tinha lido uma outra resenha mas não me interessei tanto, depois da sua eu fiquei realmente querendo ler. Saber qual o segredo da Ellie e como realmente e o Graham.
    A capa desse livro é super fofa., quero ele na minha estante.

    Visite: http://paradisebooksbr.blogspot.com.br/

    Até mais.

    ResponderExcluir
  8. Oi Patty, tudo bom?
    Mesmo com uma proposta clichê, esse é o tipo de livro que eu amo e me apaixono. Eu amei o primeiro livro que li da autora e tenho certeza que também vou curtir Ser Feliz é Assim. Gosto desse tipo de romance com cara de sessão da tarde, pois são leituras fofas, rápidas e envolventes.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. eu nunca i nada da autora, mas esse livro tem a capa tão meiguinha *u*
    desitivamente preciso ler ele depois de tantas recomendações positivas que ele tem tido!
    como é um livro leve e a escrita da autora é tranquila acho que quando eu comprar vou ler depois de uma ressaca literária.

    ResponderExcluir
  10. Oi Patty. Eu sempre tive vontade de ler APEDAAPrimeiraVista, mas nunca achei pra comprar... Eu amei sua resenha e eu amo livros com ótimas coincidências assim, mas que tenham finais felizes! ;) Bjs

    folheandominhavida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Ainnn Patty sinceramente? eu adoro livros assim! ideais para se ler rapidinho sem esperar nada profundo! Adorei a já anotei na minha listinha e será maravilhoso para intercalar com outras leituras mais pesadinhas!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  12. Olá Patty!!
    Adorei a resenha, está fantástica e aumentou minha vontade de ler o livro. Eu vi o iriam lançar esse livro e até senti um pequeno interesse por ele, mas, nada realmente muito forte porém depois dessa resenha preciso lê-lo para ontem!!

    Xo
    Re.View

    ResponderExcluir
  13. Oiii Patty, tudo bem?

    Este livro a primeira vista não me chamou a atenção, pra ser sincera não curti nada a capa e nem a sinopse. Mas sua resenha mostrou um outro lado do livro, e até que curti a premissa! Parece ser um livro gostoso de ler e como não li nada da autora ainda não posso julgar hahaha! Quem sabe eu dê uma chance a ele na wishlist? Adorei a resenha!

    Beijos!!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Não li nada da autora, porem esse livro não mi chama muita atenção, mais pretendo ler para conhecer a escrita da autora...
    *-* Parabéns pela resenha *-*

    ResponderExcluir
  15. Ah naõ fiquei muito animada com esse livro e a capa também não me animou.
    Nunca li nada da autora, mas gostei da ideia do livro, quem sabe né?!

    ResponderExcluir
  16. Oi adorei seu post. Espero ler em breve esse livro , já está na lista para serem comprados

    ResponderExcluir
  17. Quando li este livro na lista de lançamento fiquei
    bastante animada pra conhece esta historia, pois parece ser bastante inspirador
    e com sua resenha minha expectativa aumentou bastante!

    ResponderExcluir
  18. Parece ser uma fofura mesmo!
    Já tenho o livro aqui em casa e vou ler nas férias com certeza!!
    Forever a Bookaholic
    Curta a página do blog

    ResponderExcluir
  19. Depois que vi esse livro me apaixonei a primeira vista. Rs
    Estou super louca para ler as obras de Jennifer, mais nunca tive a oportunidade de ler.
    Com certeza rm breve irei te-lo em minha estante.

    ResponderExcluir
  20. Esse livro parece ser a coisa mais fofa da vida, a começar pela capa. Não é lá das mais bonitas, mas eu gostei (:
    E vamos dizer que a situação inicial do livro não acontece na vida real, né? But who cares? hahah Não li nenhum livro da autora, mas morro de vontade de ler A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista. Tenho certeza que vou gostar de ambos.

    ResponderExcluir
  21. Quero muuito ler esse livro. Disseram que ele não é tão bom quanto A probabilidade, mas estou doida para tirar minhas próprias conclusões. Adoro comédias românticas ♥

    ResponderExcluir
  22. A capa é fofa juntamente com o livro. Me fez sentir com um clima bem confortável. ;3;
    Eu não me importo com os clichês, mas esse me parece totalmente adorável. Que fofo! <3
    Eu espero me esbarrar com ele pelas livrarias, porque com certeza irei compra-lo. Me cativou essa estória bem sessão da tarde. xD

    ResponderExcluir
  23. Olá, Ana!

    Tenho interesse em ler esse livro. Possuo 'A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista' e já realizei a leitura dele! Gostei da narrativa rápida e fluida da autora, mas não sei se vou querer completar a coleção de livros dela lançados aqui no Brasil. Ou seja, ainda não sei que quero ler "Ser Feliz é Assim" ;/

    Até mais,
    Sérgio H.

    www.decaranasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Oiii
    Eu não imaginava que esse livro fosse toda essa fofura! Estou apaixonada! É clichê sim, mas ainda estou apaixonada e quero muito lê-lo! Por tudo começar com emails me enlouquece, porque amo trocar emails. Já é uma identificação. E esses quotes? Lindos!
    Beijos

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!