Resenha #146 - O Homem Perfeito - Vanessa Bosso - Editora Novas Páginas


Título: O Homem Perfeito
Autor(a): Vanessa Bosso
Editora: Novas Páginas
Ano: 2014
Páginas: 222
ISBN: 9788581635736

Livro recebido em parceria com a editora


Sinopse: Melina teve alguns relacionamentos ruins, outros péssimos...
Mesmo assim, ela não desiste: um dia ainda vai encontrar alguém que a complete e que entenda algumas manias fofas que ela tem - como comprar mais sapatos do que pode guardar ou tomar multa ou outra por excesso de velocidade.
Ela faz a sua parte escrevendo um pedido ao universo, no qual descreve esse ser incrível nos mínimos detalhes. Agora é só esperar, certo?
Melina não imagina, porém, que esse presente dos céus já existe, mas foi parar nos braços de uma mulher insuportável.
O que fazer quando o destino insiste em brincar com a sua paciência?


Confesso que tinha grandes expectativas com esse livro e no fim, me decepcionei.

Melina é uma mulher beirando os 30 anos que acaba de perder o emprego e o namorado. Sem dinheiro e sem lugar para morar, ela resolve voltar para a casa do pai em Paraty no Rio de Janeiro.
Mesmo tendo tido várias decepções amorosas, ela ainda tem esperanças de encontrar seu homem perfeito que vai amá-la e ser fiel a ela até o resto de sua vida.
Porém, aos 18 anos, ela deixou o tal homem perfeito escapar e quando se arrependeu já era tarde demais.

Ao chegar em Paraty, ela tem a surpresa de reencontrar aquele que um dia ela deixou ir novamente, mas agora ele está noivo de sua inimiga número um. E agora? O que ela vai fazer?

O início do livro nos apresenta a uma personagem totalmente imatura e sem escrúpulos, mesmo beirando a casa dos 30, Melina não é o que a gente pode chamar de uma personagem madura e sensata, bem longe disso.

Quando sua vida vira e cabeça para baixo em São Paulo ao perder o emprego e o namorado, ela e seus 282 pares de sapatos, entram em seu jipe vermelho, carinhosamente chamado de Lúcifer e retornam para Paraty.

Melina me irritou ao extremo ao longo da leitura. Não consegui encarar com humor suas trapalhadas - burrices - e seus ataques de autopiedade. O que era pra ser situações hilárias e engraçadas, para mim não passaram de imaturas e totalmente sem noção.

Em Paraty, ela descobre que um rapaz, Bernardo, que ela se envolveu há muitos anos atrás e que era seu homem perfeito, mas que ela cometeu um erro e o deixou escapar, está agora noivo de Samantha, uma garota mimada e insuportável (que faz figuração na história...).

Algo que me incomodou mais do que a imaturidade e a falta de noção da personagem principal, foi o desejo e sentimento súbito que ela lembrou que tinha por Bernardo ao descobrir que ele estava noivo. Nos primeiros capítulos do livro, ela nos conta de seus relacionamentos ruins e de um primeiro beijo engraçado quando era adolescente, que por acaso, foi com Bernardo e só.

Mas aí, no minuto que ela descobre que ele está noivo, pronto. Está completamente apaixonada  e precisa fazer algo pra separá-lo de Samantha que, por acaso, é sua inimiga número um e que ela não suporta. Fiquei me perguntando se essa explosão de paixão por Bernardo era verdadeira ou consequência de uma dor no cotovelo por ver uma pessoa que ela não gosta noiva de outro que foi seu namorado e que por culpa dela, não era mais. Hum...

Bernardo por sua vez, às vezes me irritava e às vezes me encantava. Eu tive uma relação de amor e ódio com ele. Amor, porque a gente nota no personagem desde o início seus sentimentos verdadeiros e como ele é um personagem de caráter. Gentil, atencioso e carinhoso. De ódio porque ele não tomava atitude. E isso me estressa.

Ele é aquele tipo de personagem que pensa mil vezes antes de tomar qualquer atitude e muitas vezes fica em cima do muro. E em alguns momentos, senti que ele colocava Melina muito pra baixo, como se ele fosse superior a ela (o que na verdade, ele é. Mas vamos ter humildade, né, Bernardo?), posso estar enganada quanto a isso, mas foi o que senti.

A narrativa da autora prende e eu seria mentirosa se dissesse que não consegui largar o livro até chegar ao fim. É uma narrativa leve, envolvente e bem informal, o que torna tudo mais fácil e rápido.

Não curti também o desfecho da história, achei as últimas cenas bastante forçadas e desnecessárias. Samantha que poderia ter tido uma participação bem maior na história e causado mais comoção na história, ficou como figurante durante todo o livro, aparecendo apenas em pequeninos momentos pra lembrar da existência dela.

Uma pena, pois o enredo me agradou e tinha tudo para ser perfeito, mas para mim, não foi.
Para quem gosta de chick-list do tipo que você lê apenas pra se distrair, O Homem Perfeito é uma pedida. Talvez o fato de eu não curtir aquele tipo de comédia besteirol me fez não entrar na onda do livro, em alguns momentos, claro, eu ri com Melina. É impossível não rir das idiotices dela, nem mesmo eu que não curto muito comédia não pude deixar de soltar algumas risadas, mas nada muito empolgante.




26 comentários:

  1. Oi, Beta.

    Que pena tu ter se decepcionado com o livro. Vou te contar que desde que vi falando desse livro eu não nutri nenhuma vontade de ler. E depois que tu falou que a personagem principal é imatura, pronto. Eu sei que a sua resenha não foi feita pra desanimar alguém a ler o livro, mas acaba que quando a gente já não tem vontade e no deparamos com algumas críticas ao livro desistimos de vez. Chick-List não é meu forte, amo dramas. <3

    Visite: http://paradisebooksbr.blogspot.com.br/

    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Li esse livro em uma tarde só, é muito envolvente a historia, concordo que no final eu mi decepcionei eu também esperava um final melhor. Mais é um chick-list bem legal para distrair
    *-*

    ResponderExcluir
  3. Oi Beta, tudo bem??

    Bom não me lembro se já li algum Chick List mas sempre ouço as pessoas falando que são leituras simples e de alto astral.... bom eu acho a capa desse livro bem bonita e com cores bem visuais.... mas não sei se eu leria... não porque você não gostou, mas porque o enredo não me chamou muito atenção e como é um tem em que não costumo ler... algo tem que me chamar muita atenção para acontecer a leitura... Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Beta querida tudo bem? poxa que pena que o livro ganhou uma nota tão baixinha, mesmo assim achei a leitura válida para um final de tarde de domingo! Quem sabe né?!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  5. Oi, Beta.
    Adoro essas resenhas onde o blogueiro fala tudo com sinceridade. Às vezes, ao ler resenhas, tenho a impressão de que a pessoa só fala bem do livro por ser uma parceria/cortesia e etc e isso acaba iludindo o leitor.
    Foi a primeira vez que li uma resenha desse livro e confesso que em alguns momentos já tive vontade de comprar. Gosto de um romance meia boca misturado uma leitura leve, mas raramente adquiro esse tipo de material por achar até... desnecessário (já que não faz tanto o meu gênero). Muito bom saber que posso dar uma pulada nessa leitura, até porque esse tipo de livro é facilmente encontrado no Wattpad.

    Beijos.
    Blog Cantar Em Verso

    ResponderExcluir
  6. kkkkkkkkkkkkkk, eu odeio comédia besteirol, então na certa nem iria ler esse livro mesmo, essa capa também não me agradou em nada, parece capa de livro de auto ajuda, subtítulo idem
    bjs

    ResponderExcluir
  7. Confesso que já não é um gênero que me agrade por completo; depois dessa resenha então, certamente passaria longe. Acho que alguns autores forçam um pouquinho suas histórias e personagens para vender e acabam se perdendo no meio do caminho.
    Uma pena, visto que já vi alguns elogios quanto a escrita da autora.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de novembro

    ResponderExcluir
  8. Menina acho que vou amar esse livro, faz bem o meu gênero e embora você não tenha gostado do livro sua resenha conseguiu me deixar com mais vontade ainda de lê-lo kkk
    Gosto de ler sobre personagens idiotas (mas só um pouquinho, sem exageros) e pessoas sem noção.
    Então, quem sabe não me agrade?

    http://inquietudessecretas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Preciso falar que quando vi o livro fiquei com muita vontade de lê-lo e uma pessoa falou muuuuuito bem... só que todas as resenhas que li não foram positivas o que me fez perder totalmente a vontade de ler :c
    Mas pelo menos a capa é bonita rsrs

    ResponderExcluir
  10. Oie Beta!!
    Primeiramente, adorei o "(que faz figuração na história...)" eu ri alto!! é uma pena que o livro não tenha te agradado de forma completa e pior ainda que tenha um protagonista tão ruim. Eu não tinha vontade de ler esse livro e agora é que não vou ler mesmo. Eu julgo o livro pela capa as vezes eu acerto! Ta aí um exemplo!!

    Xo
    Re.View

    ResponderExcluir
  11. Oi Beta

    Que pena que o livro não vingou, estava com boas expectativas de ler esse livro agora vou ler mas sem esperar muita coisa, assim como você também não gosto muito de comédia então isso me preocupou mas enfim vou dar uma chance e depois te falo o que achei.

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  12. nossa adorei a historia doida para ler !!!!

    ResponderExcluir
  13. Apesar de gostar de chick lit não aguento personagens mt imaturas.. Acho q não leria não.
    Forever a Bookaholic
    Curta a página do blog

    ResponderExcluir
  14. Este livro parece ser bastante gostoso de ser ler!
    Comedia com bastante humor (mais agradavel)
    e com romance deixa a leitura sem duvidas
    mais incrivel do que o normal! Adooorei este livro
    principalmente esta coisa de ''busca da perfeição''

    ResponderExcluir
  15. Nossa, quem tem 282 pares de salatos? Aimeusdeuses k
    De imediato tinha achado a capa bem bonitinha, mas, sinceramente não me senti curiosa para ler esse livro. Assim, que li a resenha minhas expectativas não mudou.
    Mas, acho que irei dar uma chance e conhecer o mundo maluco da Melina.

    ResponderExcluir
  16. Ooi, :)

    Não conhecia o livro, mas amei sua resenha. Opinião muito bem defendida e sincera, não é muita gente que arriscaria avaliar um livro como tu fez. Infelizmente a Novo Conceito tem me decepcionado muito com alguns títulos nacionais. Ou as capas são horrorosas ou o livro deixa a desejar... :(

    bjinhos

    Att.,
    Eduarda Henker
    http://blogsomaisum.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Oi Beta. No começo da resenha pensei que tudo estaria perfeito e eu morrendo de vontade de ler o livro... Daí vc nos fala que foi tudo muito nada a ver. Eu amo todos os finais de livros e são raros os que eu não gosto. Da última vez eu quase botei fogo por não gostar do fim.. Só não fiz isso para ajudar a natureza sabe... Vou poupar esse aí e meu stress. kkkkkkk Meu Deus!! Mas o livro parece ser bom... Assim... Sabe... Pra vc que já leu... kkkk Bjs

    folheandominhavida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Desde que a Novo Conceito lançou esse livro, alguma coisa me falava que não era bom. Sei lá, acho que não rolou aquela química a primeira vista sabe? rs E lendo a resenha, pude confirmar. Ficaria com raiva da Melina a cada vez que ela falasse ou agisse. Poxa, 30 anos de idade e age com imaturidade? Eu não tenho paciência hahah E sei lá, toda a história me pareceu bem clichê.

    ResponderExcluir
  19. Eu não conhecia esse livro, mas fiquei com vontade de ler ele. O enredo dele parece ser realmente bom, só é uma pena você não ter gostado do desfecho. Eu quero ler ele, acho que até vou gostar. E gostei dessa capa *u*
    Bjss

    ResponderExcluir
  20. Oie, tudo bom?
    Eu gosto de chick-lit, mas me incomodei com o excesso de imaturidade da protagonista. Seria um livro que eu leria por gostar do gênero, mas a trama tem vários pontos falhos. Além disso, fiquei preocupada com o desfecho do livro. Talvez seja uma leitura leve para um fim de semana, mas nada que vá me encantar muito.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Olá!!! Confesso que com a sua resenha fiquei assim: Será que eu leio??? Ah pode ser que passa! Ah não quero ler nem pensar....
    Ou seja um mix de emoções... A estória tem tudo para ser maneira, mas não me encantou muito não... Até pq na maioria das vezes com livros assim eu espero um grande final, para mim se a estória for morna mas o final for tio "What????" eu já fico com aquela sensação de que valeu a pena.... Mas confesso que quando li que o final não foi legal... Sei lá.... Quem sabe um dia afinal todos reagem de uma maneira diferente não é???
    Bjos

    ResponderExcluir
  22. Odeio personagens imaturas, por mais que elas vão amadurecendo ao longo do livro *-* uma pena que o desfecho tenha sido tão ruim, já mandei o livro pro final da listinha de desejados :/

    ResponderExcluir
  23. O livro realmente tem uma boa impressão no começo, mas pelo o que você disse me desanimou bastante. Eu simplesmente odeio personagens como a principal, me irrita muito.
    Eu tentaria dar uma chance ao livro, mas muitas coisas citadas me deixaram triste. xD

    ResponderExcluir
  24. Oi, Roberta!

    Eu não conhecia o livro (e, pelo que parece, vou continuar sem conhecer). A sua resenha me salvou de uma futura frustração, haha! Odeio cenas forçadas, são totalmente falsas e desnecessárias. Desfechos mal construídos também são um horror!


    Até logo,
    Sérgio H.

    www.decaranasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. simplesmente odeio cenas forçadas, por esse motivo que estou desistindo quase da literatura brasileira. sei que é meio chato dizer isso, mas quase tudo que é brasileiro é meio forçado, salvo algumas coisas é claro.
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  26. Oiii
    Eu tinha colocado muita expectativa nesse livro também! Tinha achado a premissa legal, mas olhando por esse lado, parece tudo muito forçado. Realmente, essa personagem parece muito mimada e sem noção da vida! Kkkk Não sei se irei lê-lo. A sua resenha foi muito divertida! kkk
    Beijos

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!