Resenha #163 - Apenas um dia - Gayle Forman - Novo Conceito



Título: Apenas um dia
Autor (a): Gayle Forman
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581634500
Ano: 2014
Páginas: 384


Livro recebido em parceria com a editora


Sinopse: A vida de Allyson Healey é exatamente igual a sua mala de viagem: organizada, planejada, sistematizada. Então, no último dia do seu curso de extensão na Europa, depois de três semanas de dedicação integral, ela conhece Willem. De espírito livre, o ator sem destino certo é tudo o que Allyson não é. Willem a convida para adiar seus próximos compromissos e ir com ele para Paris. E Allyson aceita. Essa decisão inesperada a impulsiona para um dia de riscos, de romance, de liberdade, de intimidade: 24 horas que irão transformar a sua vida.Apenas um Dia fala de amor, mágoa, viagem, identidade e sobre os acidentes provocados pelo destino, mostrando que, às vezes, para nos encontrarmos, precisamos nos perder primeiro... Muito do que procuramos está bem mais perto do que pensamos.
Ser ou não ser, eis a questão. Isso é de Hamlet, talvez o monólogo mais famoso de Shakespeare. Tive que decorar todo o discurso no primeiro ano de inglês do ensino médio, e até hoje consigo me lembrar de cada palavra. Na época, não pensei muito sobre o assunto. Só queria decorar direito todas as palavras e tirar meu A. Mas, e se Shakespeare, e Hamlet, estivessem fazendo a pergunta errada? E se a verdadeira pergunta não se referir a ser, mas como ser?

Conheci Gayle Forman através dos livros Se eu ficar e Para onde ela foi. O primeiro livro me fez pensar sobre a fragilidade de nossas vidas, contudo ele não chegou a me arrebatar. Já Para onde ela foi me ganhou de tal forma que já fiz sua releitura duas vezes. E foi por conta disso que quando descobri que a Novo Conceito iria publicar uma nova série da autora, fiquei empolgadíssima para ler, sabia que de alguma forma Gayle conseguiria me surpreender. E não deu outra, terminei a leitura de Apenas um dia, e não consegui acreditar no final, o livro não poderia acabar daquela forma. Por que Gayle Forman faria algo assim com os seus leitores? Até agora, passado algum tempo, ainda me pergunto o que aconteceu depois daquelas palavras "E eu entro"?

Allyson é uma garota sensata, objetiva e em alguns momentos temerosa. Ela é a típica garota que todos conhecem como a certinha, aquela que não é capaz de chamar atenção pra si, ou que nunca será conhecida como a festeira. Conhecer a liberdade e a espontaneidade de uma troupe de teatro nos arredores de Londres faz com que Allyson tenha o desejo de experimentar coisas novas, e não ser o tipo de garota que assiste a vida e sim que faz com que ela aconteça.

Ela está em um Tour pela Europa em companhia de sua amiga Melanie, a viagem é um presente de formatura dos pais, e até o momento que conhece ator Willem em uma apresentação de teatro de rua, sua viagem tinha sido satisfatória. A partir desse momento sua vida ganha um novo colorido. Williem é um holandês lindo de viver, detentor de um espirito livre e cheio de ideias inovadoras, sexy, charmoso e um tanto misterioso. Toda essa áurea desperta em Allyson o desejo de viver uma grande aventura. 

Munida de um alter ego conhecido como Lulu, Allyson embarca em um trem para Paris com o "desconhecido" Williem. Ele teria apenas um dia para apresentar cidade luz a ela. Allyson na pele de Lulu se transforma, ela ultrapassa barreiras, e segue seu coração, e se torna uma pessoa criativa, libertaria e por que não dizer sexy. As poucas horas que Lulu passa com Williem farão com que ela vivencie do céu ao inferno, e irão marcá-la por toda sua vida.

E essa é a verdade. Posso ter apenas 18 anos, mas já me parece bem óbvio que o mundo está dividido em dois grupos: o dos que fazem e o dos que observam. As pessoas com as quais as coisas acontecem e o restante de nós, que meio que se arrasta sobre as coisas. As Lulus e as Allysons.
Nunca me ocorreu que fingindo ser Lulu eu pudesse fazer parte do outro grupo, mesmo que só por um dia.

O livro é dividido em duas partes, simplificando seria algo como "Antes e Depois do Williem". A segunda parte começa depois de um ano que Allyson conheceu Williem, agora ela é uma universitária esforçada, que não consegue, ou não quer manter um relacionamento com as companheiras de quarto. 

Mesmo depois de tanto tempo o fantasma de Williem paira sobre Allyson, ela precisa saber o que aconteceu depois daquele um dia com ele, e depois de muito esforço para juntar grana suficiente, ela embarca novamente para uma viagem para a Europa, só que agora ela tem um objetivo, ela quer encontrar Williem, porém suas informações sobre ele são bem precárias. Ela sabe sua nacionalidade, que ele é ator e que se chama Williem, sua procura seria como procurar uma agulha no palheiro, isso se o destino não desse uma forcinha.

O gostoso da leitura é que na segunda viagem de Allyson para a Europa, acompanhamos o crescimento da personagem, a garota centrada e temerosa, dar lugar a alguém que é capaz de sonhar, alguém que mesmo contra toda a probabilidade de dar errado, não desistiu. Conheceu pessoas prestativas e visitou lugares incríveis, e aos poucos foi montando o quebra-cabeça chamado Williem.

Comecei a leitura acreditando que iria encontrar um romance típico, algo bem açucarado, que se passa em um lugar lindo, digno das melhores comédias românticas, Paris. O gostoso foi que me surpreendi com a profundidade dos acontecimentos. O livro nos mostra muito mais que uma linda história de amor, eles nos fala sobre descobertas, sobre encontros e desencontros, como muitas vezes julgamos primeiro e procuramos saber a verdade depois, e como tudo isso impacta em quem somos.

A segunda parte do livro é tão intensa e tão envolvente que você não consegue parar de ler, você acompanha a saga de Allyson pela Europa em busca de uma pessoa com quem ela conviveu por apenas um dia, e por mais que isso seja insano, é lindo. As mínimas descobertas se tornam grandes tesouros. Não dá para parar de ler, e você quer chegar ao final, é aquele tipo de história que precisa de um final, porém, a autora optou por deixar o final em aberto. Isso sim me chocou, o segundo livro da duologia, Apenas um ano, é a versão de Williem sobre os fatos, estou torcendo muito para que ele avance um pouco mais e nos mostre o que ocorre com os personagens depois.

A narrativa de Gayle é algo delicioso de ler, é envolvente, descritiva sem ser entediante e complexa sem ser chata, ela tem o dom de nos fazer torcer pelos seus personagens, de nos fazer sofrer com seus infortúnios e sorrir com suas conquistas. Aguardando ansiosa pela continuação, acredito que irei amar a narrativa do Williem já que ele é encantador. Se você quer se surpreender com uma história linda que fala sobre o amor, sobre o destino, sobre encontros e desencontros e como um dia pode mudar sim para sempre sua vida, leia Apenas um dia de Gayle Forman.

E, em troca, eu a livrarei do peso do tempo. Ele coloca meu relógio em seu pulso ossudo, onde ele não parece tanto uma algema de prisão. – Por ora, o tempo não existe. É o que Jacques disse… fluido? – Fluido – repito, como um encantamento. Se o tempo pode ser fluido, então talvez algo que seja apenas um dia possa continuar para sempre.





31 comentários:

  1. Esse livro me animou, muito. Confesso. As leituras anteriores (Se eu ficar e para onde ela foi) não haviam me prendido. A trama desse, mesmo que não aborde muito tempo, consegue me cativar de tal forma... fiquei impressionada com a sensibilidade da autora. Eu ando louca pro próximo livro dela... :D




    beijos,

    Amy - Macchiato

    ResponderExcluir
  2. Tenho muita vontade de ler esse livro! Me intriga muito, ainda mais porque ainda não li nada do autor! Gostei bastante da resenha, beijos!

    http://alguns-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oiii Patty, tudo bem??? não conhecia o livro, mas a sua resenha foi maravilhosa e me deixou super curiosa :3
    Morrendo de vontade de ler <3
    Ainda não li nada da autora, apenas assisti ao filme Se Eu Ficar e não curti. Mas acho que desse vou gostar <3
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Patty!

    Li Se Eu Ficar e achei um saco, por isso nem tive coragem de ler o 2° ainda, mas pelo jeito esse livro é realmente melhor que os dois. Vou adicionar a lista de desejados. Beijo!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ainda não li nada da autora e, como eu não gostei muito do filme Se Eu Ficar, acabei optando por não ler o livro. Porém, desde a primeira resenha que li de Apenas Um Dia, eu me interessei muito pelo livro. Fico super curiosa pra ler. Adorei sua resenha!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Patty.

    Já li a duologia de Se eu ficar e gostei muito da leitura. Achei o segundo melhor que o primeiro.
    Desde que vi o lançamento desse fiquei afim de comprar. Trabalho com arte e sempre que vejo um livro que aborda esse tema acabo comprando. Espero aproveitar bastante essa leitura.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Já li algumas resenhas sobre esse livro e fiquei muito curiosa. Vi o final é do tipo que deixa o leitor maluco, e como adoro finais assim, já sei que sou gostar. KKKKK Amei a sua resenha. Espero conseguir ler o livro em breve.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Olá Patty,
    achei que esse fosse livro único, não sabia que tinha mais um, o "Apenas um ano". Gostei bastante da história, porém o final aberto me incomoda. Não gosto de finais abertos, acho que ficaria louca pelo segundo livro, também querendo saber o que acontece com os personagens!
    Adorei os quotes ^.^
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Gostei desse livro porque acontece em Paris e parece ser tão gostoso de ler!

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Só conhecia "Se eu Ficar" da Gayle Forman mas me apaixonei por essa resenha principalmente pelo fato de Williem fazer teatro de rua a historia me pareceu um pouco louca de ela embarca procurando ele mas gostei muito!!!

    ResponderExcluir
  11. Olá.
    Estou querendo ler este livro desde uma resenha que li em um blog uma vez ao qual infelizmente não lembro o nome, que me empolgou muito, assim como esta sua.
    Ele já esta anotado aqui na minha listinha à algum tempo e até agora não tive oportunidade de compra-lo. Espero fazer isso em breve.
    Beijos

    http://www.cantodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oiee Patty ^^
    Descobri recentemente que Apenas um dia faz parte de uma série, antes disso achava que era livro único, ou uma duologia. Fiquei ainda mais curiosa para lê-lo, mas agora acho que vou esperar o lançamento do próximo antes de ler *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Acho a história do livro bem inusitada, e me identifico muito com a personagem principal. Confesso que o primeiro livro que li da Gayle não foit aquilo tudo que eu esperava, mas acho que a autora escolhe temas bastante reflexivos para suas obras, e por isso pretendo sim dar uma segunda chance a sua escrita. Quem sabe esse não seja o livro certo?

    ResponderExcluir
  14. Oi Patty!
    Li o livro Se Eu Ficar de Gayle, mas confesso que não foi la essas coisas. Dai li um conto natalino dela e me apaixonei e vi que ela amadureceu mais na escrita. Pretendo dá uma chance a esse novo livro dela. Apesar da capa e da premissa não serem meus fortes, mas vou arriscar pela personagem.

    Abraços
    David Andrade
    http://www.olimpicoliterario.com/

    ResponderExcluir
  15. Oi Patty!
    Estou bem curiosa sobre essa história, que parece ser um romance bonito, mas também uma história sobre descobrir a si mesmo... Quando li a sinopse de Apenas um dia fiquei mais interessada do que por Se eu ficar, que ainda não li, e me identifiquei com a protagonista porque também vou começar o curso de medicina, eu sei que a Allyson não fala muito do curso, mas isso parece deixar o livro ainda mais especial... Gostei muito da sua resenha =]
    Bjs
    sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Fico feliz em saber que, apesar dessa aparente doçura exagerada, há um livro com personagens e acontecimentos profundos e uma escrita gostosa. Como a premissa me agradou, fiquei com vontade de ler. Acho que irei amar.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de janeiro. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  17. Oie,
    Só li Se eu ficar e não senti a necessidade de ler a continuação, na minha opinião não tinha porque continuar. (mas vou me render e ler Para onde ela foi, só por curiosidade). Esse novo livro parece ser muito bom. Vou dar uma chance :)
    beijos
    Jéssica Polato
    http://www.ajessicadisse.com/

    ResponderExcluir
  18. Oie, adorei sua resenha, me atrai por esse livro, amei a capa.
    é ótimo quando o a história nos surpreende, com certeza vou lê-lo
    Beijo

    ResponderExcluir
  19. Gostei do livro, também tenho a vida muito certinha, quero encontrar um amor assim para sair da rotina, se aventurar faz bem hehe ^^
    Beijos!
    Carol Mello

    ResponderExcluir
  20. Oiee.
    Primeira resenha que leio do livro e já estava curiosa para lê-lo.
    Espero ler e gostar assim como você.

    Beijos
    http://www.amorliterario.com

    ResponderExcluir
  21. Oi Patty

    gostei mais deste livro do que Se eu ficar mas confesso que o final me deu raiva kkk

    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Patty, adoro suas resenhas! Você consegue expressar de um modo envolvente a sua opinião, tanto quanto afirma ser o livro, aposto (rs). Eu ainda não li nenhum livro da autora, mas estou animada para fazê-lo. Infelizmente, notei que não tenho tempo para dedicar a todas as leituras… Estou me reorganizando e contanto com um novo resenhista para isso. :) Espero que dê certo.

    Sobre o livro, não sabia praticamente nada. Adorei, portanto, ler sua resenha e me deparar com uma história bem trabalhada, ambientada em lugares lindos e de um modo que não é doce por ser doce, mas com um enredo que vale a pena conhecer. Não sabia que a personagem viajava no livro (rs).

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  23. Olá querida.. confesso que não sou muito de ler livro. Sei da importância que é a leitura mas com a correria do dia a dia me falta tempo pr me dedicar ... Pela Sinopse: eu gostei bastante do livro e fiquei interessada na leitura.
    Beijos
    www.beabadabeleza.com.br

    ResponderExcluir
  24. Oi Patty, tudo bem??

    Adorei a resenha amiga... a simplicidade com que colocou as palavras me encantou... já tenho lido muitas resenhas desse livro... e tenho observado somente elogios... a premissa dele promete e o crescimento da personagem também... é complicado a situação em que ela vive, mas talvez fosse necessário para que ela acordasse para a vida... eu estou bem curiosa para ler o livro xero!!!

    ResponderExcluir
  25. Gosteei! Não li "Se eu ficar" então não conheço a narrativa da autora, mas pela resenha e pelos quotes ela sabe o que faz né?
    Achei a personagem bem fofa, daquelas que a gente torce demais, e os dois bem diferentes!
    Bjs

    Blog Coisas da Juu

    ResponderExcluir
  26. Oi Patty, tudo bem?
    Eu já tinha visto uma resenha desse livro, e como na sua a pessoa também disse que se sentiu puxada pelo livro. Eu li Se eu Ficar e esperava um pouco mais, não me interessei em ler para onde ela foi. Com Apenas Um Dia parece ser bem diferente, o livro não me chamava atenção pela capa, mas depois da sua resenha não tenho escolhas se não coloca-lo na minha lista de desejados do skoob e compra-lo o mais breve possível.
    Abraços.

    Italo T - Eu li, e você?
    http://www.ler-e-ser-feliz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Juro que não dava nada para esse livro, na verdade não dou nada pra autora, pois nenhuma livros dela me chamou atenção, mas confesso que sua resenha me deixou curiosa, não vou prometer que vou ler, mas se eu tiver oportunidade, direi sim :D
    http://contodeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Oi Patty, tudo bom?
    A premissa desse livro é muito interessante e tenho interesse em ler porque esses romances sempre me proporcionam ótimas leituras. Minha experiência com a autora não é tão boa, mas acho que esse livro tem tudo para me agradar. A única coisa que me incomodou foi o final aberto porque isso "mata" qualquer leitor.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Oi Patty, tudo bem? Tenho muita vontade de ler os livros da Gayle Forman, já tenho Se eu Ficar e Apenas um Dia já está na minha wishlist. Essa é a primeira resenha que eu leio desse livro e eu espero gostar, não sabia muito bem o que esperar do livro e a sua resenha foi bem esclarecedora.
    Beijinhos,
    Andréia - StarBooks

    ResponderExcluir
  30. Sempre vejo as pessoas comentando sobre esse livro,tenho aqui em casa e pelo visto é uma história e tanto UAL! Sua resenha ficou super bem escrita,meus parabéns o/
    Apenas um dia parece ser um livro de grandes surpresas e um romance arrebatador,nunca li nada da autora,mas pelo visto ela é ótima no que faz!
    Beijos Pão de Queijo.

    ResponderExcluir
  31. Oii,
    No momento só li Se Eu ficar da autora e gostei bastante, quero muito conferir esse, que parece ser ainda melhor. Concordo quando vc diz que a Gayle tem um narrativa deliciosa, é possivel ler páginas e páginas sem nem perceber.

    Bjs
    Aline Lima - http://alinenerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!