Resenha #199 - Uma História de Amor e TOC - Corey Ann Haydu - Galera Record

Título: Uma História de Amor e TOC
Autor (a): Corey Ann Haydu
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501100580
Ano: 2015
Páginas: 320

- Livro recebido em parceria com a editora.


Sinopse: Bea foi diagnosticada com transtorno obsessivo-compulsivo. De uns tempos pra cá, desenvolveu algumas manias que podem se tornar bem graves quando se trata de... garotos! Ela jura que está melhorando, que está tudo sob controle. Até começar a se apaixonar por Beck, um menino que também tem TOC. Enquanto ele lava as mãos oito vezes depois de beijá-la, ela persegue outro cara nos intervalos dos encontros. Mas eles sabem que são a única esperança um do outro. Afinal, se existem tantos casais complicados por aí, por que as coisas não dariam certo para um casal obsessivo-compulsivo? No fundo, esta é só mais uma história de amor... e TOC.
Uma história de amor e TOC é um romance bastante realista por se tratar de um tema original Transtorno Obsessivo Compulsivo. Bea é a protagonista e sofre de TOC e durante um apagão conhece Beck, que também possui o mesmo transtorno.
Bea faz tratamento com uma psicóloga que juntamente com sua mãe acredita que terapia em grupo pode proporcionar uma evolução melhor. E adivinha quem Bea encontra na mesma terapia de grupo? Sim, nosso gatinho Beck, por quem irá se apaixonar.

"Não sou muito fã de astrologia ou destino ou Deus ou qualquer coisa desse tipo, mas é completamente bizarro e estranho reencontrar beck e logo neste contexto. Diria que é uma coincidência, e com muita certeza Lisha afirmaria que é o destino, mas na verdade é apenas probabilidade estatística, pura e simplesmente."

Paralelamente Bea desenvolve uma obsessão por um casal que faz terapia com sua psicóloga e Bea começa a stalkear o casal, querendo descobrir tudo a respeito deles.

"Lembro o olhar em seu rosto quando ela me viu na Dra. Pat. Estou ficando vermelha, quente e com lágrimas nos olhos agora. O que eu achava que fosse intriga e flerte e talvez até mesmo perversão no rosto e nas ações de Austin era realmente triste preocupação. Algo muito parecido com pena."
Beck é um rapaz fofo, (sim, eu simpatizei muito com ele) viciado em academia e se lava sempre e repete tudo oito vezes. Ele e Bea descobrem no TOC uma forma de comunicação e uma conexão que talvez não pudessem ter com mais ninguém fora "esse mundo" em que vivem.

"Meu coração está batendo desgovernado no peito, mas não com a preocupação de afogamentos acidentais. E não tem nada de sexy nesse tipo de tragédia, mas isso não impede Beck de me puxar para cima dele. O beijo é profundo. Profundo e irrestrito de uma forma que nunca foi com ele antes."

Gostei muito da história por se tratar de um tema pouco explorado e bastante constante hoje em dia. O autor me divertiu em vários momentos e em outros fiquei no escuro com algumas situações que não foram bem exploradas e que renderiam coisas muito interessantes. Achei os capítulos longos demais, e isso em alguns momentos desanimou, porém tenho certeza que o livro vai agradar quem gosta de um romance adolescente bem Sick-lit.

Espero que tenham gostado da minha resenha e que possam compartilhar conosco após a leitura de vocês!

Beijos!



19 comentários:

  1. Adorei a resenha! Esse livro tem um título muito legal e eu gostei da sinopse, além do assunto abordado, espero poder ler assim que puder.

    http://umreinomuitodistante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Karini,

    Esse livro tem um tema realmente interessante e que conheço superficialmente, não sei se o leria agora, mas é um livro a ser considerado no futuro. Sua resenha ficou curtinha, mas foi bem objetiva e deu pra perceber que é um livro agradável, apesar de que eu também prefiro capítulos mais curtos, pois ficam menos cansativos.

    ;)

    ResponderExcluir
  3. É o segundo livro que vejo abordando esse tema e ele parece ser uma leitura leve e agradável, com um romance fofo até. Bea e Beck parecem personagens bem curiosos, por isso lerei o livro futuramente.

    ResponderExcluir
  4. Oi Karini tudo bem ?

    Eu já li este livro e achei ele muito fraco, não consegui me apegar aos personagens e o vicio dela de ficar investigando e seguindo o casal achei muito louco rsrs então definitivamente não foi um livro que me agradou muito.

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  5. Como adoro romances, super me interessei por este livro, apesar de abordar um romance de forma diferente por eles ter Toc e tal, mas parece ser ótimo, até adicionei na minha lista de leitura no skoob, pois a resenha me deixou super ansiosa para ler, e achei a capa fofa demais.

    ResponderExcluir
  6. Oi, Karini! O que mais me interessou no livro foi o tema. Não tenho tanto conhecimento sobre essa doença e por ser bem realista fiquei bastante curiosa para ler. Mas deve ser um pouco angustiante acompanhar a história dos protagonistas, né?
    Espero ter a oportunidade de conhecer o livro.

    ResponderExcluir
  7. Achei o tema muito interessante, ainda mais porque ainda não li nada deste gênero.Vou anotar a dica.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  8. Confesso que eu sou hipocondríaca e teve um tempo atrás que achei q estava com Transtorno Obsessivo Compulsivo, achei que estava ficando obcecada com algumas coisas, mas ainda bem q era somente uma fase ruim.
    Então, gostei do livro por tratar um tema que para mim nunca tinha visto em livros assim, e vai ser bom ler um pouco a respeito de um jeito mais leve por dentro de um romance adolescente, que eu adoro romances em geral.
    Achei a capa linda e fofa!!

    ResponderExcluir
  9. Não gosto muito de romances adolescentes, mas tenho interesse nesse livro exatamente por fugir do comum e retratar algo como o TOC. Quero ver como os personagens se relacionam com essa doença tão incomum.
    Apesar da falta de profundidade em algumas partes, lerei mesmo assim.
    Excelente resenha.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de junho. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  10. Que pena que você não gostou tanto assim, esse é um livro que quero muito ler ainda este ano. Adorei a premissa dele e o tema abordado é super atual e inovador - na literatura.

    Também não gosto muito de capítulos longos, mas relevo quando a história é boa.

    ^^

    ResponderExcluir
  11. eu ja li um livro sobre TOC, sei um pouco sobre o tema, gostei desse livro e apesar de ter conhecido ele agora já me pareceu interessante, pelo jeito nao é só os opostos que se atraem. a capa é linda

    ResponderExcluir
  12. Eu acho essa capa uma graça!!! O tema abordado por ser diferente do que estamos acostumados a ler e outras coisas que vc citou na resenha, como a protagonista perseguir um casal pq precisa saber sobre eles (oi?? achei muito louco, mas fiquei curiosa com essa parte, rs) foram suficientes pra despertar o meu interesse, porém nada que eu queira ler logo, mas... Quem sabe mais pra frente?? rsrs

    ResponderExcluir
  13. Gosto de livros que tratem de temas polêmicos, acho ótimo a discussão sobre o assunto, por isso ele me chamou atenção, e como só tenho li resenhas positivas sobre ele, com certeza ele vou querer lê-lo.

    ResponderExcluir
  14. Eu ja li resenhas desse livro e fiquei muito interessado na história, por ser um tipo de romance que não é comum ver e tem um história que promete ser muito bom, mas como você eu tenho uma agonia em capítulos muito grandes mas acho que pra ler esse livro eu deixo passar, partiu colocar ele na minha lista de desejados.

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Estou bem curiosa sobre esse livro, geralmente gosto desse estilo de livro, que traz um tema a mais além do romance. Quero ler, mas não vou criar grandes expectativas, pois capítulos longos algumas vezes também me cansam.
    Bjs

    ResponderExcluir
  16. Karini, eu tô bem em cima do muro em relação a esse livro.
    Ele tem uma capa incrível, um título instigante e eu tava doidinha por ele quando lançou, mas fui lendo resenha negativa seguida de resenha "mediana"... não li nenhuma realmente positiva e isso me desanimou.
    Acho interessante isso de abordar o TOC (que não é tão comumente abordado), mas lembro que um outro livro que li com o mesmo tema me irritou demais por repetidas descrições dos rituais.
    Enfim, não sei mesmo o que pensar desse livro... talvez um dia eu leia

    Beijos,
    Duas Leitoras

    ResponderExcluir
  17. O tema realmente é interessante e ainda não li nada que o abordasse, mas infelizmente esse livro não me conquistou muito, nem sei o motivo. Acho que o santo não bateu, sabe? E pode ser que eu esteja bem errada, mas por enquanto não lerei.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  18. Estou meio cismada com esse livro, quero ler, mas estou com pouca expectativa sobre ele, as resenhas que eu li dele foram assim como a sua com a classificacao de 3 estrelas, ele tem pontos positivos e negativos claro, mas acho q os negativos são um pouquinho demais p mim!!
    Abraços
    www.estantedepapel.com

    ResponderExcluir
  19. Oi Karini,
    Achei fofo o livro! Porém, não entendi direito qual o TOC da Bea... O.o
    Legal abordar essa doença, que parece ser tão incomoda e sofrida. Os dois se amparam em seus problemas.
    É muito interessante, acho que vou ler sim!
    Um super abraço

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!