Resenha #220 - O Dom - Robert Ovies - Verus Editora


Título: O Dom
Autor (a):Robert Ovies
Editora: Verus
ISBN: 9788576862796
Ano: 2015
Páginas:336


Livro recebido em parceria com a editora


Sinopse: Quando C. J. Walker, um garoto de nove anos, encosta no braço da amiga de sua mãe no velório e sussurra o desejo de que ela não estivesse morta, só está tentando fazer a coisa certa. Mas, no momento em que a mulher desperta, a tempestade que se segue não pode ser contida. Pessoas aterrorizadas, dentro e fora das fronteiras da cidade, exigem saber quantos de seus entes queridos podem ter sido enterrados vivos pelo mesmo agente funerário, ou por qualquer outro. Porém a prova de que C. J. Walker pode realmente despertar os mortos é filmada em segredo e então veiculada publicamente. Em uma única manhã, a mãe de C. J., Lynn, vê sua casa se tornar uma fortaleza e seu filho, um alvo. Indivíduos de luto, desesperados para que a morte abandone seus entes queridos; representantes da mídia e de organizações médicas e científicas; influentes líderes religiosos e poderosas agências governamentais, todos mexem seus pauzinhos para ganhar uma posição de vantagem e influência e obter o máximo controle sobre o dom mais poderoso de que já se teve notícia. Em meio à confusão, Lynn e seu ex-marido, Joe, lutam para encontrar uma maneira de escapar com C. J., para mantê-lo em segurança e de alguma forma tornar possível que ele tenha uma vida normal novamente. Mas para isso eles precisam agir rápido, antes que o garoto seja levado por algum dos vários interessados em seu poder. O DOM é um livro ágil e alucinante, que lida com questões sobre morte, vida, amor, ética e fé.

"Foi como todos os velórios, bastante comum. Marion Klein fora uma esposa fiel por vinte e um anos, mãe amorosa por dezessete e membro genuinamente adorável da paróquia de St. Veronica por quase seis.."

Um thriller curioso e instigante que deixa o leitor completamente louco de curiosidade. O Dom nos apresenta uma história que dá margens para que nossa imaginação flua, pois após o funeral de uma mulher muito querida na comunidade, Marion, ela de repente volta à vida e todos especulam o que será que aconteceu? Ela seria realmente “a mulher Lázaro” ou houve algum tipo de negligência médica ou até tentativa de assassinato? A cidade fica toda alvoroçada e todos se perguntam o que está acontecendo, será milagre ou algo pior? Milagres existem? 

É aí que conhecemos também C. J. Walker um menino de apenas nove anos, que no enterro da Sra. Marion se aproximou e sussurrou palavras que vieram a tornar-se realidade. Ele disse que desejava que a Sra. Marion, amiga de sua mãe, não estivesse morta e assim foi. Ela ressuscitou! Quando a notícia sai na TV o menino assiste apavorado e sua mãe sequer faz ideia, mas mesmo assim tenta acalentá-lo, sem entender de fato o porquê de ele estar se sentindo tão apavorado, achando que é apenas o impressionismo da situação em si.

Logo que o terror passa C. J. Walker conta a sua mãe que ele trouxe a Sra. Marion de volta e claro, ela não acredita e leva-o para conversa com o padre responsável pela paróquia que frequentam e no intuito de comprovar que o menino está apenas impressionado ou imaginado coisas. Testam o menino e ficam ainda mais intrigados e chocados, pois ele cura duas mulheres com câncer e claro, isso gera uma confusão maior ainda, pois afinal de contas, já imaginam o que significa tal Dom. 

Quando a notícia torna-se publica o menino é perseguido e requisitado por todos, desde pessoas comuns até à própria igreja e governo, cada qual com um interesse diferente, mas sempre pensando em usar o menino sem se preocuparem de verdade com ele. Nem mesmo o pai de C. J. escapa das possibilidades que o Dom de seu filho possa lhe proporcionar, inicialmente e pensa em explorar seu próprio sangue; sua mãe tem uma postura mais protetora e quer que seu filho seja apenas um menino e cresça normalmente sem todo esse caos e fardo.

Mas os pais divorciados se unem com intuito de proteger C. J Walker custe o que custar. Porém, como proteger C. J. Walker do mundo que quer devorá-lo? Como manter o menino afastado daqueles que desejam apenas lhe explorar e abusar do seu Dom? Será necessário muito amor, sensibilidade e sabedoria para lidar com tal situação.

"E pode lembrar a Deus que C.J é apenas um garoto normal.
Ele não vai ser transformado em algum tipo de aberração.
Ele não é Jesus, e eu com certeza não sou a Virgem Maria!"

O autor brinca com a ideia que obviamente todos nós já pensamos um dia: O milagre poder trazer aqueles que amamos de volta ou mesmo nos curar de uma doença destrutiva como câncer. Então obviamente ele me deu muito material para pensar. Como seria ter alguém capaz disso? Obviamente sem perceber o outro lado da moeda, que infelizmente o mundo é tão corrompido por seus próprios interesses que acabam com qualquer coisa que seja boa, ou inocente. Cada um pensa somente em si, poucos pensam num todo.

Fácil pegar C. J. Wlaker para sair curando todo mundo, mas o que tudo isso significa para ele? O que tudo isso pode vir a fazer com a vida dele? A forma como muitos desejam realmente explorar seu Dom. Entendo perfeitamente os desesperados que querem curar aqueles que amam. Mas o autor nos apresenta todo tipo de gente que quer coisas distintas e não se importam com o principal: o menino! 

Amei a forma como o autor escreveu e conduziu a história, pois pude ter uma dimensão maior da enormidade da situação, no primeiro momento quando Marion retorna, ela foi embalsamada e acorda completamente viva e curada do câncer. Os detalhes de como amarraram sua boca, o aparelho preso em seu abdômen que serve para sugar todos os órgãos e demais detalhes, me fizeram logo de cara perceber que muito ainda iria me impressionar nas páginas adiante. 

Sobre o final? Impressionante! O autor realmente me fez tirar o chapéu e aplaudir de pé. A história tem de tudo um pouco – o sobrenatural, a parte investigativa, o drama, os sentimentos, o desespero, o amor, a fé entre tantas outras coisas que simplesmente transformaram essa história em um livro único; nunca li nada parecido e muito menos que me fizesse pensar e me envolver tanto devido ao enredo.

Se tiverem oportunidade, leiam e compartilhem comigo o que acharam!

Beijos!

22 comentários:

  1. Caramba!!! Eu li a resenha toda pensando no que vc falou no final: o fato de nunca ter lido nada parecido com isso. Achei o livro interessantíssimo e a sua resenha foi contagiante, Karini. Fiquei bem curiosa quanto ao livro. Gostei!!! ;)

    ResponderExcluir
  2. Quando vi esta capa e li a sinopse na page da editora fique completamente curiosa sobre este livro , apesar de fugir totalmente do meu genero favorito. Vou tenta ler o mais breve possível pra matar minha curiosidade. Parabéns pela resenha
    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Oi, Karini! Assim que vi o lançamento já fiquei super curiosa para conhecer o livro. Adoro thrillers e esse tem um lado bem diferente dos que estou acostumada a ler. Achei muito interessante a proposta do autor e o livro parece incrível, realmente.

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha.
    Estou super ansiosa para ler esse livro, a história parece ser muito envolvente e pelos comentários positivos sobre o livro em sua resenha, parece ser muito boa.
    Adicionei em minha lista de leitura, pretendo ler.

    ResponderExcluir
  5. Gente, esse livro tem tudo pra ser bom né ? So de ler a sua resenha percebi o enredo super instigante e emocionante, e isso me deixou desesperada pra ler esse livro poia tenho certeza que vou me gradar muito com a leitura. Adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  6. É a primeira vez que ouço falar desse livro, e me interessei de cara! Adoro thiller como esse, que fazem com que o leitor "devore" página por página para saber o que acontece no final. Vendo sua resenha, pude perceber que o livro mexe bastante com o nosso psicológico, e eu adoro ler livros assim hahaha

    ResponderExcluir
  7. Oi,
    Adorei a capa e a sinopse muito mais! Com certeza esse será um livro que vou comprar. Amei a resenha, você me fez querer ter mais vontade de lê-lo desde o principio, quando disse que é um livro instigante e que deixa o leitor completamente louco de curiosidade. Fiquei super animada para lê-lo.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Oh gente! Adoro qdo o blog traz livros que a gente nao conheça e esse O dom está sendo assim. Nao esperava isso tudo, mas qdo vi a sua nota e ainda com coraçao, eu ja animei..hahha..sou influenciável sim!!!
    O livro pelo jeito já começa tenso, a mulher voltando da morte, quase sendo enterrada viva! Gostei de como expôs o livro e nos deixou com certeza mtoooo curioso a repeito dos personagens e seus rumos e quero saber que final é esse!!!
    Amei a dica!
    Bjus

    ResponderExcluir
  9. Olá, Karini.
    A premissa é interessante e esse poder do garoto me deixou curioso. Além disso, várias pessoas querendo usá-lo me faz pensar em como o nosso mundo é organizado.
    Não é um livro que entraria para a minha lista de prioridades, mas se eu tivesse a oportunidade, leria.
    Excelente resenha.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de agosto. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
  10. Eu gosto de thriller mas não leio muito, esse ano li apenas um livro desse genero. Achei interessante que esse tem um pouco de sobrenatural. E com o final que surpreende é ainda melhor.
    A unica coisa que não gostei foi a capa

    ResponderExcluir
  11. Oi Karini!
    Eu ainda não conhecia o livro, mas você conseguiu me deixar bem curiosa. O tema é bem diferente de tudo o que já li e essa mistura de diversos gêneros deve deixar o livro maravilhoso. Amei a dica!
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Oi Karini!
    Não conhecia essa obra e me pareceu bem interessante, essa sinopse me deixou com um pouco de medo, confesso, haha, mas é bem diferente de tudo que já li, a sua resenha foi contagiante, me fez ficar meio eufórica enquanto lia, haha, não sou muito de ler thillers, então não sei se entra na minha wishlist, mas enfim, ótima resenha, bjos.

    ResponderExcluir
  13. Karini,essa estória parece muito interessante e esse menino que sufoco passa quando todos ficam sabendo do seu dom,vejo que sua mãe é a única que tenta protegê-lo quando todos o procuram somente por interesse,ela só quer que ele cresça como um menino normal,seu pai ao contrário pensa em explorar seu dom para ganhar dinheiro,a principio,mas depois o protegera com sua mãe apesar de separados,livro realmente que nos traz muitas reflexões.Amei saber a riqueza descritivas de detalhes.Mil beijos!!!

    ResponderExcluir
  14. Que bom que o C. J. tem pessoas que o amam e que o protegem, porque ele está em plenos caos em meio a está briga e se não tiver quem o ajudem, sabe lá o que teria acontecido com o coitado poderoso. A pena é que ele seja uma criança. Quando vi essa capa surtei por querer o livro porém a surtes foi maior quando li a sinopse dele.

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Ainda não conhecia o livro mas fiquei muito interessada, é também fiquei tentado me colocar no lugar do C.J e das pessoas é legal quando um livro nos faz questionar coisas que até então não pensavamos, e gostei muito da forma que a autora desenvolve o tema, com certeza vou colocar na minha lista de leitura !!!

    ResponderExcluir
  16. Oi Karini, tudo bem? Já tinha lido outra resenha desse livro e realmente nos faz pensar, porque acho que todos gostaríamos que pessoas que amamos voltassem a vida ou se curassem de uma doença, mas a que preço? E o que acontece com o menino? Ele vai ser explorado se ter direito a decidir o que ele quer? Parece ser um livro muito bom e com certeza quero conhecer a visão do autor sobre esse dom.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  17. Achei a capa linda!
    Como assim a mulher morre e volta??? Até eu fiquei alvoroçada agora!! Q incrível!! Hahahaha Quero um C. J. Walker na minha vida!
    Que sacanagem terem espalhado o dom do garoto.
    Fiquei bem curiosa para saber qual o desenrolar da história. Adoro livros que nos fazem refletir. Acredito que quando um livro é capaz de te fazer parar e refletir sobre a vida, o autor conseguiu passar seu recado. Pelo visto, foi isso q aconteceu com vc em "O dom". Irei colocar na minha lista do skoob tbm, pois pretendo mto ler.

    Bjs

    ResponderExcluir
  18. Ainda não tinha visto nada sobre esse livro, mas ele agora foi para a minha lista. Acho bacana quando o autor consegue fazer o leitor refletir por brincar com algumas ideias que todo mundo já teve. Sem contar que como o livro não entrega tudo logo de bandeja, há aquela curiosidade em continuar. E o final é de aplaudir de pé? Já quero!

    ResponderExcluir
  19. Amei a premissa desse livro, essa é a segunda resenha dele que leio e me deixou ainda mais interessada e ansioso.
    E também preocupada com o que vai acontecer com esse menino.
    Tem a parte legal de seu dom + esses eventuais como o pai do menino.
    bjs

    ResponderExcluir
  20. O livro parece ser diferente de tudo que já vi, com muito suspense, mistério e emoção. Ao melhor estilo clássico do gênero. Adorei sua resenha, leitura obrigatória na minha lista.
    Abrçs

    ResponderExcluir
  21. Oie
    O livro deve ser maravilhoso.E concordo que se algum tivesse um dom assim seria maravilhoso mas também seria praticamente o início de uma guerra já que surgiria pessoas de todo canto do mundo querendo usufruir disso de alguma forma.O livro deve ser bem intrigante e me causou uma imensa curiosidade pra saber o desenrolar dessa história e como o C.J vai reagir.

    ResponderExcluir
  22. Geeente, esse livro parece ser SENSACIONAL. De verdade. Eu estou morrendo de curiosidade, pq adoro esse tipo de fantasia hahaha (é quase como aquela série em que as pessoas começam a voltar a vida. Qual o nome dela mesmo?). Enfim, bom saber que o autor lida bem com a historia e que escreve bem. Desejado.

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!