Resenha #228 - Só por hoje e para sempre: Diário do Recomeço - Renato Russo - Cia das Letras


Título: Só por hoje e para sempre - Diário do Recomeço
Autor: Renato Russo
Editora: Companhia das Letras
ISBN: 9788535926095
Ano: 2015
Páginas: 168



Sinopse: Entre abril e maio de 1993, Renato Russo passou vinte e nove dias internado numa clínica de reabilitação para dependentes químicos no Rio de Janeiro. Durante esse período, o músico seguiu com total dedicação os Doze Passos, programa criado pelos fundadores dos Alcoólicos Anônimos, que incluía um diário e outros exercícios de escrita. É este material inédito que vem à tona depois de mais de vinte anos em Só por hoje e para sempre, graças ao desejo de Renato de ter sua obra publicada postumamente. Entremeando as memórias do líder da Legião Urbana com passagens de autoanálise e um olhar esperançoso para o futuro, este relato oferece a seus fãs, além de valioso documento histórico, um contato íntimo com o artista e um exemplo decisivo de superação.
"Só por hoje eu não quero mais chorar. Só por hoje eu não vou me destruir. Posso até ficar triste se eu quiser. É só por hoje, ao menos isso eu aprendi." Só por hoje - Renato Russo

Renato Manfredini Júnior ou como ficou conhecido Renato Russo morreu aos 36 anos no dia 11 de outubro de 1996. Muitos de vocês ainda não eram nascidos nessa época, eu já estava na minha adolescência, podem me chamar de Tia Patty (rs). O que quero dizer com isso é que Renato Russo fez parte de uma fase muito importante da minha vida e suas músicas eternizaram alguns momentos.

Em 1985 a Legião Urbana lançava seu primeiro álbum, nessa época eu ainda era uma criança, e com toda certeza não escutava Legião Urbana, porém existem músicas neste álbum que são atuais, atemporais a obra de um gênio que estava a frente de seu tempo. Digo isso, para que vocês entendam o quanto fiquei encantada com o lançamento desse livro. 

Só por hoje e para sempre é uma narrativa intimista de uma mente brilhante e conturbada, de uma pessoa em busca de equilíbrio, de autoconhecimento e de ajuda. Comprei o livro sem ler a sinopse e acreditei que se tratava de uma biografia, porém o livro nada mais é que a transição do diário que Renato Russo escreveu durante sua internação na clínica de reabilitação de Vila Serana no Rio de Janeiro em Abril de 1993.

"Até bem pouco tempo atrás poderíamos mudar o mundo, quem roubou nossa coragem?
Tudo é dor, e toda dor vem do desejo de não sentirmos dor." Quando O Sol Bater Na Janela do Teu Quarto - Renato Russo

O que o leitor irá encontrar nas 168 páginas do livro é basicamente a transição de algumas atividades que Renato tinha que fazer na clínica, nessas atividades o cantor tinha que relatar algumas experiências vividas e como aquilo influenciou para que ele chegasse até ali. E foi através desses relatos que pude conhecer uma "a pessoa" Renato Manfredini Júnior, não o cantor "Renato Russo". Alguém com sérios problemas psicológicos, agravados pela dependência química e alcoólica, que se viu no fundo do poço e tomou a decisão que precisava de ajuda.

Amores perdidos, amizades falsas e verdadeiras, o universo musical, a Legião Urbana, a falta de controle sobre seu dinheiro e sua incapacidade de dizer não, são apenas alguns assuntos que encontramos nos relatos de Renato.

Os textos seguem uma ordem cronológica, mas não seguem um roteiro, e algumas passagens se tornam fragmentadas. Tive desejo de conhecer mais, de saber mais detalhes e ao mesmo tempo me senti intrusa, são relatos pessoais, é como se alguém lesse aquele caderno velho que deixo dentro da minha gaveta, com pensamento meus, soltos, algo que não tenho coragem de dizer nem em voz alta. Não é uma obra de ficção, não é algo que alguém escreveu sobre o Renato, é ele. É a essência dele nessas páginas. É uma experiência de vida, algo que mesmo para aqueles que não são fãs de Renato, vale a pena ler, existem lições importantes a serem aprendidas nessas poucas páginas.

"Se lembra quando a gente chegou um dia a acreditar. Que tudo era pra sempre, sem saber. Que o 'pra sempre', sempre acaba." Por Enquanto - Renato Russo

A diagramação da Cia das Letras nesse livro é algo que merece ser destacada. É simplesmente de perfeita. Há trechos que reproduzem fielmente o material original, temos as fichas da clínica de reabilitação e rascunhos com a letra de Renato. Azul é a cor do livro, sua fonte é azul e algumas páginas que destacam passagens importantes são azuis. Só por hoje e para sempre é o primeiro livro de uma série de livros que reunirão diários, poemas, letras, obras de ficção e desenhos, diz Giuliano Manfredini, filho de Renato, no prólogo do livro.



"Quantas chances desperdicei quando o que eu mais queria, era provar pra todo o mundo, que eu não precisava provar nada pra ninguém" Quase sem Querer - Renato Russo

As músicas da Legião Urbana, com as letras de Renato Russo embalaram não só minha adolescência, elas me acompanham até hoje na minha fase adulta. Quantas vezes nesses últimos meses eu não me peguei pensando: que país é esse?. "Nas favelas, no Senado sujeira pra todo lado. Ninguém respeita a Constituição, mas todos acreditam no futuro da nação", qualquer semelhança não é mera coincidência. O que acontece é que Renato Russo deixou um legado, um acervo, algo que deve ser explorado e absorvido pela nova geração. Músicas que falam de amor, mas que também criticam o sistema.

Algumas letras ganharam novo significado para mim após a leitura de Só por hoje e para sempre. Desacreditei em alguns momentos que os relatos desse livro fossem escritos pela mesma mente que escreveu tantas canções perfeitas, porém com o decorrer de seu processo de cura, conseguimos reencontrar Renato em sua essência. Alguém que queria amar e ser amado, que queria que as pessoas o aceitassem com seus defeitos e qualidades, alguém que tinham tanto a dizer, que reconheceu suas limitações e queria se reencontrar, "quero me encontrar mais não sei onde estou, vem comigo procurar algum lugar mais calmo, longe dessa confusão e dessa gente que não se respeita, tenho quase certeza que eu não sou daqui...". Não posso dizer que seja um livro ímpar, mas com certeza é algo marcante.

"Quando tudo está perdido, sempre existe uma luz.
Quando tudo está perdido, sempre existe um caminho.
Quando tudo está perdido, eu me sinto tão sozinho.
Quando tudo está perdido, não quero mais ser quem eu sou.
Mas não me diga isso, não me dê atenção.
E obrigado por pensar em mim..." A Via Láctea - Renato Russo


Aperte o play e curta a playlist da Legião Urbana!



22 comentários:

  1. Gostei da capa, mas a história em si não me chamou atenção apesar da otima resenha, esse não seria um livro que me prenderia, acho melhor eu nem tentar ler ele.
    Mesmo assim obrigado pela dica.

    ResponderExcluir
  2. Patty,gosto muito de biografias ,mesmo sabendo que não se trata de uma biografia propriamente dita e sim em relatos do Renato, em um período em que ele procurava se reencontrar e se livrar da dependência ,acho uma obra válida e que serve para reflexão e também para conhecer ,mais de perto a quem era a pessoa Renato Russo e não apenas o artista.Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  3. Adoro as musicas do Renato Russo, apesar de ter apenas 2 anos quando ele faleceu , mas ainda bem que musica não tem data de validade :)
    Este livro e um prato cheio pra quem e fã.
    Parabéns pela resenha!
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Nossa! Não fazia ideia que era isso, eu tb achava que se tratava de uma biografia qq, mas desse jeito torna o livro muito interessante. Eu tb era adolescente qnd ele morreu (então estamos diante de Tia Patty pra Tia Crika rsrs). Enfim, eu tb gostava da Legião, tem muita música boa!! Depois vou numa livraria dar uma conferida de perto. Foi ótima a sua resenha, muito esclarecedora ;)

    ResponderExcluir
  5. Olá, Patty.
    Geralmente não leio com frequência biografias e relatos pessoais, mas esse livro do Renato eu quero ler. Primeiro porque sou fã do Renato cantor, então gostaria de conhecer o lado pessoa. Além disso, imagino que seus problemas emocionais e psicológicos tenham influenciado algumas de suas composições. Exatamente por isso quero ler.
    Maravilhosa dica.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de agosto. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
  6. Olha fico feliz que tenha curtido o livro, e como você também achei que era uma biografia mas pelo visto não é kkk Olha vou ser sincera que eu não atrai nem um pouco pelo o que o livro oferece então com certeza passo essa leitura o.o Mas vou tentar indicar pra um amigo meu, beijos.

    ResponderExcluir
  7. Oi,
    Acho muito legal livros que possamos conhecer melhor a pessoa, que você só vê pela TV ou ouve falar. Dá para entender melhor a pessoa, sentir o que ela sentiu. Renato morreu já faz alguns anos, mas é incrível, que as pessoas, mesmo que as mais novas já ouviram falar dele ou do Legião Urbana. Apesar da nota boa e da indicação, não seria um livro que leria. Não me interessei tanto.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Eu não conheço muito sobre a história do Renato Russo, só sei as principais, pois já vi um filme que trata sobre a vida dele. Vendo esse livro, eu fiquei bastante empolgado para ler! Se eu fiquei assim, imagina quem é fã do cantor hahahha O livro aparenta ser genial!

    ResponderExcluir
  9. Ameeei as resenhas que li desses diário!
    Parece ser incrível, puro, forte, enfim, maravilhoso!!!
    Gosto de várias músicas do Legião, apesar de não ser tãooo fã.
    Acho o Renato superinteligente, vi algumas entrevistas dele e gostei bastante!
    bjos
    Ana
    elvisgatao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Oi Patty, tudo bem?

    Esse livro parece ser incrível, e mesmo nos dias de hoje, essa nova geração conhece as músicas do Legião... são músicas atemporais, super atuais. Parece ser um livro muito interessante e achei interessante esse relato intimista, parecendo que realmente estamos lendo os papéis que ele escreveu... acho que quero sim conhecer e ter uma nova visão sobre esse cantor que tanto gosto e saber o que ele passou, sua luta por se livrar da dependência, seus amores, suas descrenças e tudo o mais.

    Adorei a diagramação, o que torna tudo ainda mais especial.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  11. O que mais me interessou foi isso de poder ver as letras das músicas por outro ângulo. Elas já me agradam bastante, então acho que vou curtir ainda mais depois de conhecer o livro.

    ResponderExcluir
  12. Oi, Patty! A leitura desse livro, acredito, deve ser muito especial, principalmente para os fãs de Renato Russo. Poder conhecer fatos tão íntimos de sua vida, absorver todo o sentimento presente em sua escrita, descobrir seus medos, suas fraquezas, defeitos. E a diagramação está incrível, hein!

    ResponderExcluir
  13. O Renato Russo é um ídolo e gênio nacional, eu admiro ele, e muito. Espero poder ler o livro. Adorei sua resenha, a temática da leitura é muito interessante.
    Abraços :)

    ResponderExcluir
  14. Oi Patty!
    Gostei da proposta do livro, não conheço muito as musicas do Legião mas sei que são ótimas e mesmo com o passar do tempo fazem sucesso ate hoje. Porém não sei se leria a obra, não é muito meu estilo, mas fico feliz que tenha gostado da leitura, enfim, ótima resenha, bjos.

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Também pensei que serie uma biografia mas adorei saber que e algo escrito pelo Renato Russo virei fã dele por pura pressão da minha amiga mas logo me apaixonei pelas letras de suas musicas e com certeza quero ler esse diário dele !!!

    ResponderExcluir
  16. LIndo livro que lançaram e acho que é uma otima homenagem a esse grande musico que realmente fez a diferença na nossa cultura musical.
    Para mim foi uma bela surpresa a chegada do livro, nao sabia de nada sobre ele ate ler aqui no blog.
    Realmente pala foto vi que a editora nao economizou e fez uma arte linda na capa e por dentro tb.
    Acho que o livro vai nos fazer lembrar mto de suas musicas. Gostei da dica!

    ResponderExcluir
  17. Achei perfeita a diagramação desse livro, me chamou muito a atenção.
    Sua resenha está muito boa e fiquei super curiosa para ler esse livro, como sou fã das músicas do Renato Russo, pretendo ler.

    ResponderExcluir
  18. Oie
    Esse livro deve ter sido uma ótima leitura mesmo pra você que é fã do cantor.Como eu não peguei essa fase da banda dele no auge eu não sou muito fã e só escutei as músicas deles por meio de outras pessoas já que não é um estilo que eu tenho muita afeição.Mas apesar de tudo fazer a leitura desse livro deve ser uma coisa maravilhosa,esses pensamentos e ideias tão intimas é de mexer com nossa cabeça.

    ResponderExcluir
  19. Ai, gente.Legião </3
    Será que esse livro vai partir meu coração do mesmo modo que a biografia de Freddie Mercury partiu?
    Espero q não, pq pretendo ler.
    Gosto muito desse tipo de livro pois faz com que nossos músicos preferidos seram trazidos para mais perto de nós, se tornando pessoas mais reais ainda.

    ResponderExcluir
  20. Não fui de conhecer muito Renato Russo, mais é bom saber sobre a vida de outras pessoas, e como seguiram em frente. O livro parece muito legal.

    ResponderExcluir
  21. ahhh, para!! esse é o lançamento que EU MAIS QUERO LER.
    PELO AMOR DE DEUS!! ESSE HOMEM É MARAVILHOSO! Eu AMO senti-lo perto através de sua música e eu nunca pensei que poderia senti-lo através de um livro escrito por ele. Uma pena que ele morreu no mesmo ano em que nasci. Não tive a oportunidade de conhecer um dos caras que eu mais admiro nesse mundo.
    É super normal você ter se sentido intrusa. Até porque, creio que ele relatou a realidade em que estava vivenciando... Foi como se fosse um diário. Mas, pelo meu entendimento, ele teve noção de que o que estava escrevendo, seria lido pela pessoa que estava acompanhando sua melhora na clínica... Pelo menos não se sinta culpada.
    Concordo com você que as músicas do Legião devem ser exploradas. Essa banda deve ser conhecida por todo o mundo! Eu AMO sentir a vontade que ele tinha em mudar tudo, a GARRA em nos fazer refletir e fazer com que sentissemos capaz de mudar o mundo!
    Por que você deu 4 estrelas?
    Com certeza irei conferir esse lançamento. Só estou esperando o momento mais rápido possível.

    bjs

    ResponderExcluir
  22. Sempre gostei das musicas do Legião, esse livro vou querer ler, pois sempre me interessei pela história da banda e do Renato.

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!