Resenha #235 - After - Depois da Verdade - Anna Todd - Paralela


Título: After - Depois da Verdade
Autor (a): Anna Todd
Editora: Paralela
ISBN: 9788565530842
Ano: 2015
Páginas: 632




Sinopse: Depois de bater a marca de um bilhão de acessos na plataforma de leitura Wattpad, a série After vira o novo fenômeno editorial. No segundo livro, Tessa tenta esquecer Hardin, o jovem caótico e revoltado que partiu seu coração em vários pedaços. Mas ela está prestes a descobrir que alguns amores não podem ser superados. Como apagar da memória as noites apaixonadas em seus braços, ou a eletricidade de seu toque? Hardin sabe que cometeu o pior erro de sua vida ao ter magoado Tessa tão profundamente. Ele não acha que merece tê-la de volta, mas se recusa a deixá-la partir. Neste livro, Hardin vai lutar com toda a sua força para reconquistar o grande amor da sua vida. Ao longo do caminho, os seus mais profundos segredos serão revelados. Depois da verdade, será que o amor de Tessa e Hardin resistirá?
Quem me conhece sabe o quanto sou louca pelos livros de Anna Todd. Totalmente surtada pelo Hardin. Ainda está pra nascer uma leitora que defende mais esse personagem do que eu. Primeiro, porque acredito sinceramente que ele seja um bom "investimento a longo prazo" e segundo porque grande parte das minhas amigas detestam o personagem, então cabe a mim a tarefa de mostrar a elas o quanto ele tem potencial. Como está semana Anna Todd estará em São Paulo, resolvi postar as resenhas que estavam pendentes do livro da série.

Preparem-se para a maratona After aqui no CdT, três resenhas na sequência.

Ele não tinha nada a perder, mas eu sim. E deixei que ele tirasse tudo de mim. Minha vida antes dele era bem simples e definida. Agora… depois dele… é só… o depois.

Assim que terminei de ler After (resenha aqui) a curiosidade me dominou, precisava saber o que iria acontecer com Hardin e Tessa, eu li o primeiro livro assim que ele foi lançado, então não iria aguentar esperar o lançamento do segundo, minha única saída foi ler a fanfiction postada no Wattpad. Concluí a leitura da fanfiction em menos de uma semana, precisava saber como terminava essa história tão conturbada. E deve ser por esse motivo que sou tão apaixonada pelo Hardin.

Ler a fanfiction não tirou meu entusiasmo em ler os livros publicados, é interessante e ao mesmo tempo frustrante ver as modificações efetuadas na história, eu digo a todos meus amigos que sei qual é o final de After, mas na realidade isso pode mudar, tendo em vista que muito foi cortado para a edição impressa do livro, eu particularmente gosto mais da fanfiction. Existe pelo menos um personagem que nela tem uma importância maior para a trama, e quando a edição cortou a relevância desse personagem, sobrou para o Hardin ser taxado de maníaco.

Quem leu minha resenha de After sabe que eu terminei a leitura do primeiro livro torcendo para que a Tessa esmagasse o Hardin como se esmaga uma barata. Ele merecia sofrer, porque o que ele fez naquele contexto não tinha perdão. Acreditei piamente que Tessa seria mais forte, que iria resistir mais, e acabei precipitadamente julgando a personagem como fraca. Porém, após ponderar percebi que eu mesma já perdoei o imperdoável, quem nunca tomou uma decisão estupida em nome do amor?

Nunca estive tão emotivo na vida, e não estou gostando. Nunca fui obrigado a expressar meus sentimentos para ninguém ou me preocupar com isso, mas por ela vou fazer tudo o que for preciso. Sempre estrago tudo, mas tenho que corrigir isso, ou pelo menos tentar o melhor que puder.

Além de conseguir compreender melhor as decisões de Tessa, a autora com toda a certeza me fez acreditar que Hardin merece uma segunda, terceira, quarta... chance. Vamos dizer que ele é um "projeto em desenvolvimento". Em After Depois da Verdade, Anna Todd nos dá algumas informações sobre o passado de Hardin e começamos a entender melhor essa mente conturbada. Mas não se aninem muito, muita água ainda vai passar por debaixo dessa ponte. 

No segundo volume da série Tessa está tentando manter-se afastada de Hardin, e como não tem um lugar fixo para morar ela acaba passando algumas noites na casa de Landon e em um motel. Com a proximidade das festas de final do ano ela acredita que Hardin irá seguir com os planos de passar o Natal com sua mãe na Inglaterra. Com isso em mente Tessa volta ao apartamento que os dois dividem e para sua surpresa ela descobre que os planos mudaram e que a mãe de Hardin é que veio passar o Natal com o filho. Como Hardin não teve coragem de contar para a mãe o que ocorreu entre ele e a Tessa, eles resolvem manter as aparências e fingem que ainda estão juntos.

Isso é a deixa para que Hardin possa tentar provar para Tessa que seu amor é verdadeiro, que mesmo com todos seus defeitos e problemas ele é melhor ao lado dela, ele quer ser melhor por ela. O grande problema com o nosso "mocinho" é que parece que existem muito mais coisas ruins no seu passado que nossa Tessa é capaz de suportar. 

Tessa é uma jovem sonhadora e Hardin é cético. Tessa é gentil, enquanto Hardin agride quando pressionado. Esses dois passam as 632 páginas de After Depois da Verdade entre idas e vindas, num cabo de guerra entre a razão e o coração. Em muitos momentos acreditamos que o amor dos dois é algo tóxico, que ao invés de fazer bem, só traz dor. Mas de repente Anna Todd nos faz novamente acreditar que os dois juntos podem dar certo, apesar de todos os problemas. E que essas dificuldades irão auxiliar no crescimento dos dois.

Mesmo que muitos acreditem que o Hardin tem algum distúrbio sério de personalidade, acreditem em mim, algumas atitudes dele nesse livro são mal interpretadas pelos cortes da edição. Nem sempre a Tessa é a santinha que parece, ela muitas vezes provoca, quem leu a fanfiction irá concordar comigo.

Não posso prometer que não vou te magoar de novo, mas posso jurar que vou te amar até o dia em que morrer. Sou uma pessoa terrível, e não mereço você, mas espero que me dê à chance de recuperar sua fé em mim. Lamento a dor que causei, e entendo se você não puder me perdoar.

A narrativa de Anna Todd continua viciante, os capítulos curtos ditam o ritmo da leitura. Você consegue ler 632 páginas sem sentir. E mesmo com todo "mimimi" de Tessa e Hardin, você não consegue enjoar, e necessita saber o que vai acontecer com os dois. A narrativa do livro é em primeira pessoa e intercalada entre Tessa e Hardin, isso ajuda os leitores a compreender melhor os personagens.

Não há inclusão de novos personagens secundários, continuamos a nos apaixonar pelo fofo do Landon, amigo de Tessa e meio irmão de Hardin, que sempre tem um bom conselho sem nunca julgar o casal. Continuamos com o pé atrás em relação ao Zed, esse personagem não me agradou desde o primeiro livro, ele é muito "bonzinho" para o meu gosto, chega a ser meio falso.

Não há histórias paralelas, tudo gira em torno de Tessa e Hardin, às vezes me perguntam por que tanta enrolação, o porquê Hardin não toma jeito e não amadurece, já que somando o primeiro e o segundo volumes são mais de 1150 páginas. O que temos que entender é que o tempo que se passa do primeiro para o segundo livro é de apenas seis meses, ninguém muda do dia para a noite, por isso temos que ter perseverança e acreditar que o amor pode melhorar uma pessoa.

After Depois da Verdade é um livro que prende o leitor, mesmo aqueles que não gostam muito dos personagens querem saber onde isso tudo vai dar. Falar de After de forma racional é até difícil pra mim, sinto tantas emoções ao ler os livros, é como andar em uma montanha russa. Ora tenho vontade de bater a cabeça do Hardin na parede, ele me faz chorar tanto quanto faz a Tessa, e em outros momentos tenho vontade de cuidar dele. Esse não é o tipo de livro que conquista a todos, mas uma parcela especifica de leitores vão se apaixonar pelo casal. Acredito que você só pode dar uma opinião contundente se você ler o livro. Eu sou apaixonada, se a minha opinião contar: LEIA!!!

A melhor coisa de ler é escapar da sua vida, viver centenas ou mesmo milhares de vidas diferentes. A não ficção não tem esse poder... Não muda o leitor do jeito que a ficção é capaz.

25 comentários:

  1. já ouvir falar muito bem dessa serie e do sucesso que ela fez, mas mesmo assim ainda não fiquei interessada em ler, mas quem sabe um dia.

    ResponderExcluir
  2. Oi Patty, amei sua resenha, a forma como você aborda muito bem o contexto do livro e fico feliz que tenha gostado.
    Depois de ler o primeiro dessa série, cheguei a conclusão que esse livro não é pra mim... achei que a Tessa não tem um pingo de amor próprio e não vi nada de romance nesse livro. Tudo oque vi foi um relacionamento abusivo onde ela se submete ao tratamento depreciativo dele, e mesmo Hardin se dizendo apaixonado, quando bebe se torna maldoso e sem um pingo de consideração pela Tessa. Bem, essa é a impressão que tive quando li e sinceramente não sei se iria aguentar ler mais quatro livros pra vê aos poucos o amadurecimento desses personagens. Gosto de livros em que o mocinho se arrepende de seus atos e faz de tudo pra se redimir o que não é o caso de Hardin, já que está sempre cometendo os mesmos erros.

    ResponderExcluir
  3. Olá, Patty.
    Confesso que eu tenho medo de encarar essa série por causa do "mimimi" que há entre os protagonistas. Mesmo que você diga que não enjoa, eu sou bem chato quanto à isso. Quanto menos mimimi, para mim é melhor. rs
    Contudo, como você elogia tanto, acho que talvez até dê uma chance. rs

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de setembro. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
  4. Apesar de todos os elogios que essa série tem, admito que não pretendo encarar ela. Primeiramente, esse relacionamento cheio de "mimimi" dos personagens provavelmente me irritaria, mas eu poderia encarar ele, acredito, se não fosse o fato de que Tessa perdoar as burradas do Hardin tão facilmente - de acordo com as resenhas -, já me fizesse virar a cara para a personagem. Isso em parte é algo mais pessoal, pois sou uma pessoa que tem o péssimo defeito do rancor e meio que sempre fico perguntando como uma personagem pode perdoar algumas coisas com uma facilidade que pra mim é sobrehumana.
    Um outro fato que me incomodou, nem tem a ver com a história, mas com a edição que fizeram nela. Esses cortes que, segundo você que leu a fanfiction, diz ter pegado partes que poderiam explicar melhor certas situações me incomodou. Não gosto disso. Se uma cena, qualquer que seja, tem algum papel para a história acho chato a cortarem. Isso pode gerar interpretações erradas de algumas coisas.
    Enfim, admiro o modo como ama e defende essa série, mas não sei se dou uma chance a ela tão cedo.
    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Confesso que estou no time de suas amigas que não gostam do Hardin, o que ele fez com a Tessa não tem perdão,e achei que a Tessa perdoou rápido demais tinha que fazer ele sofrer muito, mas como você disse este livro é uma verdadeira montanha russa de emoções.
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Pattyyyyyyyy!!!!
    Muito amor por esse livro!!! Eu assino embaixo de tudo o que vc disse. É nesse livro que o Hardin começa a expor os próprios sentimentos. Ele realmente ama a Tessa e quer ser melhor por ela, quer fazer dar certo, quer uma vida com ela. Minha palavra pro Hardin? FÉ!!! Eu tenho muita fé nesse menino!!! rsrsrs. Vc sabe que ainda não li a Fanfic, mas só pelo livro tb nunca achei a Tessa essa santinha toda. Acho que ela atrapalha a evolução dele por muitas vezes. O que ela fez na festa de Reveillon me deixou revoltada, com vontade de dar uns bons tapas na cara dela!!! hahahaha eu hein, onde já se viu?! Enfim... Tb nunca gostei desse Zed, sempre tive um pé atrás.. Parece bonzinho demais pra gente acreditar nele né? Agora olha só.. To esperando sair o último livro agora em Outubro. Depois dele, vou ler a fanfic toda e aí Patty, meu bem, vou te enviar um e-mail pra gente resenhar tudo outra vez, estilo Bienal, só que agora online hahahahahaha ;)
    Bjssss

    ResponderExcluir
  7. Oi Patty, UAU para a sua resenha e o quanto você ama a Anna. Meu Deus! hahahaha Eu morro de vontade de ler After, mas... Não sei. Fico com o pé atrás pela história ser hot e muito muito intensa. Não sei se o Hardin me conquistaria, porém espero dar uma chance mais pra frente. Bjs

    ResponderExcluir
  8. Eu tenho o primeiro livro da série,mas ainda não o li,parece ser uma série muito boa,eu ainda não a peguei para ler pois estou lendo os livros que tenho mais finos primeiros,porque tenho muitos para ler o.o, eu adorava ler fanfic quando mais nova,mas eu lia de McFly, eu acho as capas dessa série muito bonitas,adorei a resenha e espero logo poder ler esse livro.

    ResponderExcluir
  9. Sabe eu terminei o primeiro livro da série e tenho que ter consciência de que preciso muita força na peruca pra poder aguentar o Hardin porque olha eu ia ter que arranjar uma grande força de vontade pra conseguir ver que ele merece uma segunda chance. Vou ler esse livro com a mente mais aberto o possível e tentar ver o lado bom do Hardin e vou tentar me controlar pra não dar uma tapas na Tessa. Valeu pela resenha.

    ResponderExcluir
  10. Patty, a série After me chama bem a atenção, já estou ansioso para ler as próximas resenhas. Os livro possuem uma capa bem bonita e visualmente encantadoras. Mesmo com vários comentários ruins sobre a trama dos livros, eu não me desanimo. E, me animei ainda mais com o seus preciosos e raros comentários positivos. Lerei!

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Gostei muito da resenha, vejo as pessoas comentarem muito sobre esse livro tanto positivamente quando negativamente e de tanto ouvir fiquei curiosa sobre a historia ela está na minha lista de leitura mas ainda não tive tempo de ler, mas espero ler pelo menos o primeira ainda esse ano !!!

    ResponderExcluir
  12. Oi Patty, tudo bem? Adorei ler a sua resenha, ela é tão verdadeira e cheia de emoção. Geralmente as que eu leio não são muito positivas, e sempre gosto de ter opiniões diferentes sobre um livro. Confesso que já tive mais vontade de ler essa série, mais depois de ver o quanto o romance dois dois é cheio de alto e baixo, e muitas vezes é até prejudicial me desanimou um pouco... mas a sua resenha me acendeu uma chama de esperanças.

    Gostei de como você conseguiu ver um lado do Hardin que muitos outros leitores não conseguiu enxergar, isso talvez tenha acontecido por você ter lido a fanfiction e muita coisa pode ter sido cortada e a personalidade do Hardin ficou um pouco prejudicada. Parece ser um livro realmente cheio de altos e baixos e que nos faz ter diferentes reações.

    Quem sabe um dia eu não leia... e amei esse último quote!!

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  13. Hahahah..adorei a sua definição que o Hardim como bom "investimento a longo prazo", ja vi que o mocinho é bem complicado mesmo, mas que por isso q todo mundo ama!
    Mais um livro de After com mtos elogios que me deixa ate curiosa viu?!
    Quero entender melhor oq se passa com o casal e o que ele fez para nao merecer ser perdoado, mas pelo jeito é meio que justificado, ja q vc defende q ela tenha mais chances para ser redmir, hehe.
    Eu nao li a Fanfiction, mas é uma pena que tenha cortado varias partes para que seja puclicado, eu preferiria um livro com mais paginas, do que perder conteudo,espero que a editora tenha tenha uma boa adaptação.
    Patty, sua empolgação com o livro é mto bom de se ver, com certeza está motivando mta gente a ler. tb.
    Beijos

    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Eu adoro livros com relacionamentos conflituosos, mas sempre com personagens com personalidade, não gosto de personagens um tanto quanto submissos, e as vezes (pelo que leio nas resenhas) vejo que a Tessa peca um pouco nisso. Mas não adianta, preciso ler a série para tirar minhas próprias conclusões!

    Beijos,
    Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  15. conhecia a série e lembro que fiquei com muita vontade de ler AFTER, o primeiro livro. só que com o passar do tempo a vontade foi passando naturalmente. não entendi porquê, mas aconteceu.
    pensei que eu iria sentir vontade de ler o livro, assim como tive vontade de ler o primeiro, porém, a vontade não foi despertada. o que é uma pena. :/ a história não me chamou a atenção e em alguns momentos senti que eu iria fazer uma leitura bem arrastada do livro.
    mas, boa sorte para a autora.

    bjs

    ResponderExcluir
  16. Eu ainda sou louca por After, primeiro que amo a banda inspirada nos personagens. E segundo que Hardin difícil, hein?! Caraca, pior que minha irmã e o namorado dela.
    A Anna arrasa com estes livros e quando ler o primeiro acredito que irei amar assim como vc amou, e está certa, já que suas amigas o odeiam, vc precisa provar do contrario.

    ResponderExcluir
  17. Ainda nao li After, mas eu vejo o quanto de resenhas positivas e de fas esse livro esta conseguindo conquistar! Deve realmente ser um otimo livro para quem gosta desse estilo de romance, mas nao sei... acho que nao faz muito meu tipo! Ainda vou adiar por mais um tempinho kkkkk Tomara que o terceiro livr seja ainda melhor para vcs.

    ResponderExcluir
  18. Já ouvi falar muito dessa serie mas ainda não a li ainda. Ela não me chamou muita atenção, mas não descarto a possibilidade de lê-la algum dia. Até porque diante de tanto comentários positivos, talvez esses livros sejam um bom romance.

    ResponderExcluir
  19. Tô lendo esse livro e confesso que quero matar tanto ele quanto a Tessa. Mas o que estou gostando é que nesse segundo volume temos alguns capítulos narrados por ele, o que nos dá uma oportunidade de conhecer mais como ele pensa. Tô gostando, mesmo querendo esganá-los. Não dá para largar porque a escrita da Anna é viciante. E ainda bem que conheci conhecê-la. É um amor!

    ResponderExcluir
  20. Esta todo mundo falando dessa serie, e eu não quero ficar de fora, vou tratar de ler logo.
    Adoro romances que tem muitas brigas e reviravoltas.
    Vou ler esse livro e espero gostar assim como você gostou.
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Eu ainda não li nenhum livro da Ana Tod mas ouço muitos elogios a essa serie After. Já pude perceber pela sua resenha que Tessa e Hardin se completam mesmo sendo diferente. Dai uma oportunidade a essa serie espero gostar.
    Acho essa capa colorida muito bonita, deve ficar linda na estante.

    ResponderExcluir
  22. Vi tantos comentários sobre essa série, tantos positivos como negativos, mas no momento fico com uma certa dúvida entre ler ou não ler, então vou ficar neutra referente a história, mas sua resenha está muito boa, e em alguns pontos fiquei curiosa em relação a história.

    ResponderExcluir
  23. Ainda não li nem um livro da autora Ana Tod, mas essa série desperta minha curiosidade pelos diversos comentários, tantos positivos quantos negativos, mas a maioria negativos, por esse motivo me desanimei em relação a série, mas lendo suas resenhas super empolgadas sobre a história da série até me desperta uma certa curiosidade.
    Quem sabe futuramente eu resolva ler o primeiro livro e se gostar dar continuidade a leitura da série.
    Sua resenha está muito boa.

    ResponderExcluir
  24. Oi Patty, é verdade, só lendo mesmo para dar uma opinião bem baseada. Mesmo assim, por tudo que já li sobre o livro e a série, tenho certeza que os livros são viciantes.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  25. Pelo jeito há muitas emoções e reviravoltas incluídas, o que torna, com certeza, a leitura mais fluída e viciante.
    Aiai ai, vocês me fizeram decidir:TENHO QUE LER!! kk
    bjos

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!