Resenha #320 - A Geografia de Nós Dois - Jennifer E.Smith - Galera Record


Título: A Geografia de Nós Dois
Autor (a): Jennifer E. Smith
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501106223
Ano: 2016
Páginas: 272


* Livro recebido em parceria com a editora


Sinopse: Lucy mora no vigésimo quarto andar. Owen, no subsolo... E é a meio caminho que ambos se encontram - presos em um elevador, entre dois pisos de um prédio de luxo em Nova York. A cidade está às escuras graças a um blecaute. E entre sorvetes derretidos, caos no trânsito, estrelas e confissões, eles descobrem muitas coisas em comum. Mas logo a geografia os separa. E somos convidados a refletir... Onde mora o amor? E pode esse sentimento resistir à distância? Em A Geografia de Nós Dois, Jennifer E. Smith cria tramas cheias de experiências, filosofia e verdade.
“Eram como dois asteroides que tinham colidido, ela e Owen, soltando faíscas breves antes de ricochetearem cada um para um lado outra vez, um pouco lascados, um pouco machucados e marcados, talvez, mas ainda com cem quilômetros a percorrer. Quanto tempo se pode de fato esperar que uma única noite dure? Até que ponto se pode esticar um conjunto tão pequeno de minutos? Ele era apenas um garoto no terraço. Ela era apenas uma garota em um elevador. Talvez tenha sido o fim.”

Se você leu "A probabilidade estatística do amor a primeira vista", ou "Ser feliz é assim" então você já deve conhecer Jennifer E.Smith. Eu amei os dois primeiros livros da autora que foram traduzidos para o português e fiquei em cólicas quando descobri que seria lançado aqui no brasil A geografia de nós dois, que foi lançado em junho pela Galera Record. Jennifer E.Smith tem um jeito especial de retratar as histórias de amor de seus personagens, que estão na casa dos 16, 17 anos.

Em A geografia de nós dois iremos conhecer Lucy e Owen, eles moram no mesmo prédio em Nova York, porém suas vidas não poderiam ser mais diferentes. Ela mora no vigésimo quarto andar, ele no subsolo. Lucy e filha de pais ricos, estuda em um colégio para meninas e sempre morou naquele prédio. Já Owen se mudou da Pensilvânia para o subsolo do apartamento após a morte de sua mãe em um acidente, e a depressão do pai. Que por hora aceitou o cargo de administrador do edifício oferecido por um primo distante.

Mesmo já tendo se cruzado algumas vezes pelos corredores do prédio, os dois nunca se conversaram. E a primeira interação entre eles ocorre quando eles ficam presos no elevador por falta de energia elétrica. O que eles não sabem é que na realidade houve um blecaute e a cidade inteira está as escuras. Essa é a deixa para que os dois possam se conhecer melhor, após serem resgatados e descobrirem que Manhattan está as escuras, eles se aventuram pela cidade escura. 

Por mais que Owen não goste da cidade, ele percebe que com a falta de luz ela fica mais charmosa, dá pra sentir um clima diferente no ar. As estrelas antes escondidas pela claridade das lâmpadas, se tornam presentes, mostrando que às vezes é necessário enxergar a paisagem por um outro prisma para que possamos visualizar a beleza existente nela. 

"Não é porque pintamos uma casa que a mobília ali dentro muda. Tinha que ser igual com as pessoas. No fundo, bem dentro de seus corações, elas continuam as mesmas, não importava onde estivessem, certo?"

Owen e Lucy vivem uma noite de encantamento, os dois se conectam, conversam sobre o futuro, sobre as estrelas e intimamente percebem o quanto gostariam de estar presentes na vida um do outro. Porém, quando o dia amanhece Lucy se vê sozinha no terraço em que os dois adormeceram. Owen havia desaparecido. Apesar do sentimento de perda, Lucy entende o que rapaz deva ter tido seus motivos para ter desaparecido. Porém, a partir desse dia os dois não se encontram mais. É como se o universo conspirasse para que os dois não se encontrassem.

O pai de Owen acaba sendo demitido do posto de administrador do prédio, enquanto Lucy está na Europa com os pais. Todo o contato de Lucy e Owen agora é através de cartões postais. Como seu pai decidiu viajar de carro pelo país em sua companhia, Owen não tem um endereço fixo. E de cada nova cidade Owen envia cartões postais para Lucy. Por trás dos cartões postais há toda uma história que Owen descobri na noite do apagão ao visitar o apartamento de Lucy. Ela está acostumada a ficar grandes períodos sozinha no apartamento, pois seus pais viajam muito e sempre enviam cartões postais. 

O sentimento entre os dois é nutrido pelo envio de cartões postais, e após a mudança de Lucy com a família para a Europa a geografia é algo que realmente os separa.
O que percebemos no decorrer da história, é que a vida mesmo quando não queremos segue seu curso, Lucy acaba conhecendo novas pessoas e Owen também. Eles vivem novas experiencias, descobrem sentimentos novos, mas nenhum dos dois é capaz de esquecer a noite do blecaute em Nova York.

A narrativa de Jennifer é muito gostosa, ela te envolve de tal forma que você não consegue largar o livro até que chegue ao final. Dos três livros que já li da autora A geografia de nós dois foi o que menos gostei, ele é bem clichê, mas não é por conta disso que não gostei tanto, deve ser por que fiquei esperando um quê a mais do livro, algo que me fizesse suspirar, o que não rolou. O que percebi foi que a autora mudou um pouco seu estilo nesse livro, a trama não é densa ou cheia de pontos de reflexão, mas o livro é bem gostosinho de ler. A autora nos faz viajar por lugares lindos como, Nova York, Londres, São Francisco, Edimburgo, Portland, Roma, Seattle, mesmo que sejam breves referências nos deixam com aquele gostinho de quero mais.

A pergunta que fica é: 

"Será possível superar a geografia para encontrar seu destino?"

"Quanto tempo se pode de fato esperar para que uma única noite dure?"


21 comentários:

  1. Olá!
    Gostei muito da sua resenha, muito bem elaborada e motivadora. Fiquei curiosa pela história do livro. Parece ser uma leitura leve e gostosa. Gostaria de ler. Obrigada pela dica. Beijos.

    ResponderExcluir
  2. A história parece ser interessante, uma situação inusitada fiquei curiosa, beijos

    http://www.ritinhaangel.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Apesar de nunca ter lido nenhum livro dessa autora, desde que li esse livro na lista de lançamento da editora a sinopse me chamou a atenção e acabei incluindo ele na minha lista desejados. Por isso após ler várias resenhas desse livro inclusive a sua, na qual elogia muito a escrita da autora, e a forma como ela desenvolve a estória, fiquei ainda mais ansiosa pela leitura.

    ResponderExcluir
  4. Eu confesso que a primeira vez que vi o livro não me interessei tanto, porém vi algumas resenhas positivas o que me deixaram curiosa para ler.

    Porém, como você disse que é um pouco clichê, fiquei um pouco de receio. Um dia eu leio e tiro minhas próprias conclusões rsrs.

    ResponderExcluir
  5. Que lindo esse romance, me encantei! ♥
    Suas impressões me deixou impressionada com o livro e o enrendo realmente é bem leve e maravilhoso, quero muito ler =D

    ResponderExcluir
  6. Amei esse livro, esse enrendo tem tudo para conquistar qualquer leitor! ♥
    Esse romance é tão envolvente e com detalhes que dão ao livro mais vida, que eu quero ler já o livro. Já está na minha lista de livros =D

    ResponderExcluir
  7. Que delicia ler essa resenha! Faz tempo que desejo ler um livro da autora, então foi uma grata surpresa ler uma resenha que me deixou ainda mais empolgada para dar uma chance. O livro A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista está na lista de desejados há um bom tempo, então acho que vou acabar escolhendo esse para ler primeiro, mas pretendo ler ainda nesse ano A Geografia de Nós Dois. Adoro um bom romance despretensioso, com drama familiar e onde podemos acompanhar o amadurecimento dos personagens, então já sei que vou me envolver com esse livro...

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Eu li A Probabilidade Estatística do Amor a Primeira Vista, mas não gostei tanto. A narrativa era boa, mas a história não me agradou tanto.
    A capa está muito fofa e a premissa do livro é parece legal. Fiquei bem curiosa para conhecer mais da história, principalmente depois de ler sua resenha. Apesar de não ter gostado muito de A Probabilidade Estatística do Amor a Primeira Vista, vou dar uma chance pra esse.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Adorei a resenha, quero muito esse livro, já está na minha lista.

    ResponderExcluir
  10. Olá Patty, não li nenhum livro da autora, mas adorei a capa desse livro e a história dos dois, e como são as diferenças entre eles, ainda mais Owen que tem uma realidade totalmente diferente. Eu gosto de livros que percorrem países, e tenho certeza que vou curtir a narrativa da autora. Bjkas

    ResponderExcluir
  11. Aaaaah, estou louca atrás desse livro desde que a editora anunciou que ia publicar aqui no Brasil. Essa capa e sinopse me faz pensar que ele vai ser mais amorzinho do que A probabilidade estatística do amor a primeira vista. Fiquei um pouco triste que você não curtiu tanto e isso baixou um pouco minhas expectativas mas mesmo assim quero ler para tirar minhas próprias conclusões

    ResponderExcluir
  12. Oi Patty.
    Estou doida por este livro desde o lançamento, mas até hoje não consegui adquiri-lo.
    Nunca li nada da autora, então este será meu primeiro contato com sua escrita. Mas pela sua resenha, já dá pra saber que não tem como não gostar.
    Achei bacana a forma como a autora apresentou os personagens e a maneira como eles seguiram suas vidas e o contato que ainda mantém.


    Confissões de uma Mãe Leitora

    ResponderExcluir
  13. Oi Patty.
    Já li A Probabilidade Estatística do Amor a Primeira Vista e gostei bastante. Foi por causa desse livro que fiquei com vontade de ler A geografa de nós dois.
    Pela sua resenha, dá pra notar que o livro é ok, mas não agrega tanto, sem muitas reflexões.
    Acho que vou ler com baixas expectativas para não me frustar.

    ResponderExcluir
  14. Olá! Eu sempre ouço falar muito bem dos livros dessa autora, principalmente de "A Probabilidade Estatística do Amor á Primeira Vista", porém nunca li nada. Desde que esse livro foi lançado pela Galera, fiquei muito curiosa para ler. A capa é muito linda e convidadora, uma pequena a história não ter atendido suas expectativas.
    Realmente, as vezes esperamos "aquele" momento na história, e quando acabamos o livro e ele não ocorre, é frustante. Li um livro assim mês passado e apesar de gostar de alguns pontos, também dei 3 estrelas.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Opa! Romance é a minha leitura favorita. Ainda não li livros da autora, mas gostei do que você falou sobre a narrativa ser gostosa. Que livro você me indica para eu começar a ler e conhecer melhor a autora?

    ResponderExcluir
  16. Adorei a resenha!! Passa bem o sentimento do livro. Não conheço a autora mas fiquei curiosa com esse livro e tbm me encantei com a capa! Achei muito fofa!! Bjo

    ResponderExcluir
  17. A capa desse livro é linda e o título bem interessante. Gostei da resenha, a principio pensei que seria uma história chata e cansativa, mas não é. Quero muito ler.

    ResponderExcluir
  18. Oi! Bom nunca li nenhum livro da autora, mas me interessei por esse, a capa é bem fofinha e também chamou minha atencão. Não achei muito clichê a história, achei diferente até, e com certeza aquela noite para eles foi muito importante, pois após isso tudo conspirava contra mas mesmo assim davam um jeito, fiquei pensando no quão dificil poderia ser se comunicarem apenas por cartões-postais. Muito boa sua resenha.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  19. Oi.
    Como você disse o livro me parece ser bem clichê, o encontro deles e tudo mais, mas confesso que estou louca para ler esse livro, tirando que essa capa é maravilhosa, ainda não li As probabilidades e estatísticas de amor a primeira vista, mas esse também está na minha lista de leitura.
    Boa Tarde.

    ResponderExcluir
  20. Ainda não li nenhum livro da autora mais achei Geografia de nós dois, bem interessante, espero ler os outros livros da autora que tu citou;

    ResponderExcluir
  21. Oi!
    Ainda não li nada desse autora, mas tem um livro dela na minha lista de leitura, gostei da historia mesmo sendo clichê achei interessante como a autora desenvolve esse primeiro encontro dos personagens nos fazendo torce para esse casal, e adorei as citadas que temos no livro fiquei interessada em conhecer um pouco de cada uma !!

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!