Resenha #333 - Respire - K. A. Tucker - Fábrica 231

Título: Respire
Série: Ten Tiny Breaths #1
Autor(a): K. A. Tucker
Editora: Fábrica 231
Páginas: 315
ISBN: 978-85-68432-61-7
Ano: 2016

* Livro cedido pela editora.
Kacey Cleary não chora, não suporta o toque das pessoas e canaliza sua energia para treinos intensos de kickboxing. Tudo isso depois de um ano de reabilitação física e de mergulhar num mundo de drogas e álcool para tentar lidar com a perda dos pais, da melhor amiga e do namorado, num acidente de carro do qual ela foi a única sobrevivente. Protagonista de Respire, primeiro livro da série Ten Tiny Breaths, sucesso de K.A. Tucker que chega ao Brasil pelo selo Fábrica 231, Kacey chegou ao fundo do poço, mas resolve lutar para sair de lá por Livie, a irmã caçula. Depois de irem morar com uma tia religiosa fanática e seu marido alcoólatra, as duas fogem para Miami para tentar recomeçar, e Kacey terá que enfrentar seus fantasmas para derrubar o muro que ergueu ao seu redor. Às vezes, respirar torna-se uma missão quase impossível, mas K.A. Tucker mostra que é preciso neste romance sobre perdas, amizade, amor e superação.




Adoro quando venho lendo livros que não me agradaram e então, pego um sabendo que faz meu estilo e que tem muitas chances de eu gostar, e então, eu me apaixono pela leitura. Simplesmente amo quando isso acontece.

Após ter perdido os pais, a melhor amiga e o namorado num trágico acidente de carro, Kacey tornou-se a responsável por sua irmã mais nova, Livie. Como sua tia Darla, irmã de sua mãe, era a única parente viva das duas, elas foram morar com ela e o marido abusivo.

Um dia, após um acontecimento envolvendo o tio, Kacey foge junto com a irmã para Miami, iniciando uma nova vida onde será apenas elas duas e mais ninguém.

Mas é claro que nem tudo funciona como a gente quer. Trent Emerson é um cara que oscila entre o bom moço e o perfeito bad boy. Dono de profundos olhos azuis, um físico de dar inveja, gentil, educado e bastante sedutor, Kacey sente suas barreiras serem destruídas quando está perto dele, algo que ela não gosta nem um pouco.

Mesmo sentindo uma atração muito grande um pelo outro, os segredos do passado de Trent e o passado traumático de Kacey, ela o afasta ao mesmo tempo que o chama. Para ficarem juntos, Kacey precisará enfrentar seus demônios, mas isso é a última coisa que ela quer fazer.

Sabe quando você começa a ler um livro e de cara ele te prende? A narrativa em primeira pessoa, a protagonista, Kacey, sua vida conturbada, sua irmã que mesmo com 15 anos é uma das personagens mais fortes do livro, sua vizinha fora do comum com sua filhinha de 5 anos, o cara gato que a gente sabe ser o príncipe da história. Essa é a nossa primeira impressão do livro.

E então a autora vai, pega tudo, joga pro ar e aponta um belo dedo na sua cara com um grande: RÁ! Te enganei, boba!

Essa foi a sensação que eu tive quando fui lendo e conhecendo mais sobre o passado de Kacey, mais sobre Trent, sobre Storm, Mia, Dan, Tanner. Porque esse livro não é só da Kacey, embora ela seja a protagonista, a autora foi bastante inteligente em nos envolver com todos os personagens, mesmo os que só aparecem duas ou três vezes. Você simplesmente se envolve com todos eles!

Fazia um tempo que um New Adult não me encantava tanto assim. Recebi esse livro de cortesia da Editora, que para quem não sabe, Fábrica 231 é um selo da Editora Rocco, fiquei bastante curiosa com o enredo quando li a sinopse, mas como na época eu tinha bastante livros de parceria, eu deixei para depois.

Digo agora que em arrependo de não ter lido antes. Esse é um daqueles livros que todos os fãs desse gênero, fãs de romance, drama, devem ler e devem refletir, porque eles nos fazem pensar sobre o significado do perdão e em como, mesmo em situações onde só enxergamos o nosso lado, devemos nos colocar no lugar do outro. E quem nem tudo a gente curta com amor, que às vezes precisamos mesmo batalhar para ser feliz e viver em paz consigo mesmo.

Excelente leitura na hora certa! Peguei o livro e só larguei quando terminei.

Esse livro possui uma continuação que irá girar em torno da personagem Livie, o nome em inglês é One Tiny Lie, e ainda não sei quando será lançado no Brasil, acredito que no próximo ano.

4 comentários:

  1. Esse parece ser um daqueles livros arrebatadores, que não largam da sua mente por um bom tempo e eu amo livros assim. Com certeza vou colocar na minha lista de leituras :)
    palavrasinquebraveis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Roberta!
    Eu já ouvi falar MUITO bem desse livro, mas ainda nem coloquei na minha lista de próximas leituras. Ele não faz muito meu estilo, mas parece ser muito bom. Vou deixar anotado aqui e quem sabe eu dê uma chance. ^^
    Amei a resenha!
    Beijo

    Canastra Literária | Facebook | Twitter

    ResponderExcluir
  3. O enredo me interessa, principalmente por se tratar de perdas e superação.. Mesmo assim no quesito personagem acho que deixa a desejar, acho meio ridículo usar argumentos e atitudes apenas para esquecer dos problemas, e não gosto de soluções ou revelações previsíveis, tirando a adrenalina da leitura. Mas leria o livro, mesmo assim, achei a capa linda!

    ResponderExcluir
  4. Olha, num primeiro olhar eu não me interessaria pelo livro, mas depois da sua resenha, já estou procurando ele para adquirir. Gosto muito do gênero NY, mas a maior parte dos livros são mornos, mais do mesmo. Esse já parece ser um pouco diferente, apesar da mesma pegada. Fiquei realmente curiosa com a história e espero poder ler em breve.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura || Participe do top comentarista e concorra por um livro a sua escolha.

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!