Resenha #342 - À Sua Espera - Abbi Glines - Editora Arqueiro




Título: À sua espera

Série: Rosemary Beach #10
Autor(a): Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Páginas: 228
ISBN: 978-85-8041-616-9
Ano: 2016

*Livro cedido em parceria com a editora.

Mase sempre preferiu a vida em seu rancho no Texas à agitação do mundo do pai em Rosemary Beach. Na verdade, ele quase nunca visita o famoso astro do rock e Nan, sua meia-irmã mimada e egoísta. Mas tudo muda quando conhece uma das empregadas da casa, uma garota linda que, sem saber da presença dele, o desperta com seu canto desafinado.
Depois de anos sendo maltratada pela família e pelos colegas por causa de um distúrbio de aprendizagem, Reese conquistou sua liberdade e mora sozinha trabalhando como diarista para as famílias ricas da cidade. No entanto, seu sustento fica ameaçado quando ela causa um acidente na casa de Nan Dillon.
Ao ser salva por Mase, um rapaz atencioso e com charme de caubói, Reese fica surpresa pelo gesto dele e, depois, apavorada quando ele demonstra interesse nela. Nunca na vida Reese conheceu um homem em quem pudesse confiar. Será que Mase pode ser diferente?



Pensa em alguém feliz. Finalmente li um livro da Abbi que me encantou! Pode não ser um 5 estrelas e favorito por alguns motivos que explicarei ao decorrer da resenha, mas, finalmente! Finalmente eu me apaixonei por uma história dessa série da Abbi que encanta tanta gente.

Em À Sua Espera, é a vez de conhecer mais o sedutor Mase Manning, irmão de Harlow e Nan (argh!).

Mase é o irmão que sempre preferiu a vida no Texas em seu rancho, cuidando de seus cavalos. Toda a agitação do mundo badalado do pai nunca foi um convite pra Mase.

Em uma das suas visita a Harlow, sua irmã mais nova que acabou de casar e ter um bebê, ele conhece a doce, inocente e desafinada Reese que é a faxineira da casa de Nan, onde Mase está hospedado.

Depois de um acidente no qual Mase salva Reese, os dois tem o que podemos chamar de uma conexão e desenvolvem uma amizade.

Mase nota que Reese é diferente das garotas que ele já conheceu, não pelo seu jeito trabalhador e gentil, mas por ela esconder alguma coisa, algo sombrio que a faz temer os homens e a esconder seu passado.

Reese, por sua vez, vê em Mase pela primeira vez, um homem que não a ameaça, um que ela talvez possa a vir a confiar e a amar.

Toda a história em volta desse livro é séria e traumática. O passado de Reese, que já no prólogo sabemos o que é, nos faz sentir uma compaixão e uma simpatia logo de cara pela protagonista. Nada de uma pobre menina pobre se apaixonado por um cara rico. Mas sim uma protagonista com um passado que ninguém deveria ter o horror de experimentar, lutando apenas pra superar toda a dor e o trauma que a persegue e para seguir em frente sem esperar nada além de felicidade e paz.

Reese é de longe a personagem mais forte apresentada até agora nessa série Rosemary Beach. Forte, determinada, independente e lutadora, o leitor simpatiza com ela facilmente, mesmo quando ela banca a menina besta apaixonada.

Mase, por sua vez, também mostrou ser um personagem diferente dos apresentados anteriormente que sempre notávamos um padrão neles: apaixonado demais, possessivo demais, chato demais, meloso demais. Embora Mase possua um pouco da possessividade, característica dos personagens masculinos da Abbi, presumo, ele conseguiu não ser aquele possessivo babaca tipo Rush ou Grant, que foram os dois que mais me irritaram e que tem meu ódio profundo dessa série.

Embora eu não tenha gostado muito da forma como ele vai tentando um envolvimento sexual com Reese, ele ainda conseguiu me cativar por sua paciência e gentileza com a personagem, embora eu ache que a autora poderia ter trabalhado melhor esse lado e esquecido um pouco das suas "famosas" cenas de sexo entre os personagens, visto que serão dois livros do casal, dava perfeitamente bem pra ela ter trabalhado melhor o relacionamento dos dois, por esse motivo, o livro não ganhou 5 estrelas.

Toda a trama em volta da protagonista foi bem bolada e quase perfeitamente bem desenvolvida e pela primeira vez, me vi começando um livro da Abbi e só largando ao chegar na última página, que inclusive, me deixou ávida pro próximo volume.

Então, yay! Um livro da Abbi que me tirou, literalmente, o sono! Comecei o livro às 22:23 da noite e terminei às 05:08 da manhã e não me arrependo nem um pouco! Super recomendadíssimo!



2 comentários:

  1. Que livro tudo de bom, adorei a capa,a sinopse,a resenha,quero muito, já está na minha lista de desejados.

    ResponderExcluir
  2. Oi Beta, tudo bem?
    Li somente um livro da Abbi, até hoje. Esse livro está na minha lista de leitura deste ano, estava em dúvida se ia ler ou não, mas depois da sua resenha vou ler.
    Parabéns pelo blog. Bjs
    www.dnabookz.com

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!