Resenha #352 - The Kiss of Deception - Mary E.Pearson - DarkSide


Título: The Kiss of Deception
Autor (a): Mary E.Pearson
Editora: DarkSide Books
ISBN: 9788566636864
Ano: 2016
Páginas: 406

Comprar - Amazon

Sinopse: Tudo parecia perfeito, um verdadeiro conto de fadas menos para a protagonista dessa história. Morrighan é um reino imerso em tradições, histórias e deveres, e a Primeira Filha da Casa Real, uma garota de 17 anos chamada Lia, decidiu fugir de um casamento arranjado que supostamente selaria a paz entre dois reinos através de uma aliança política. O jovem príncipe escolhido se vê então obrigado a atravessar o continente para encontrá-la a qualquer custo. Mas essa se torna também a missão de um temido assassino. Quem a encontrará primeiro?
Quando se vê refugiada em um pequeno vilarejo distante o lugar perfeito para recomeçar ela procura ser uma pessoa comum, se estabelecendo como garçonete, e escondendo sua vida de realeza. O que Lia não sabe, ao conhecer dois misteriosos rapazes recém-chegados ao vilarejo, é que um deles é o príncipe que fora abandonado e está desesperadamente à sua procura, e o outro, um assassino frio e sedutor enviado para dar um fim à sua breve vida. Lia se encontrará perante traições e segredos que vão desvendar um novo mundo ao seu redor.
O romance de Mary E. Pearson evoca culturas do nosso mundo e as transpõe para a história de forma magnífica. Através de uma escrita apaixonante e uma convincente narrativa, o primeiro volume das Crônicas de Amor e Ódio é capaz de mudar a nossa concepção entre o bem e o mal e nos fazer repensar todos os estereótipos aos quais estamos condicionados. É um livro sobre a importância da autodescoberta, do amor, e como ele pode nos enganar. Às vezes, nossas mais belas lembranças são histórias distorcidas pelo tempo.
"(...) palavras duras vindas de uma jovem mulher como você, em oposição àquelas vindas de uma velha como eu, provavelmente farão com que seus egos ardam em chamas, em vez de domá-los. Você precisa tomar cuidado. (...)"

The Kiss of Deception é o primeiro livro da trilogia Crônicas de Amor e Ódio de Mary E.Pearson, no Brasil publicado pela DarkSide em uma edição linda em capa dura. Dificilmente vemos a DarkSide publicando esse gênero. The Kiss of Deception apesar de ser considerado fantasia, apresenta clichês encontrados facilmente em outros gêneros literários. Verdade seja dita, o livro conseguiu superar todas as minhas expectativas, e se tornou um dos meus queridinhos do ano.

Arabella Celestine Idris Jezelia ou Lia como ela prefere ser chamada é a princesa do Reino de Morrighan, e por ser a primeira filha de uma primeira filha acreditasse que ela possua o "dom" e esteja destinada a grandes feitos. O "dom" é uma espécie de premunição, e Lia não está bem certa que possua tal poder como sua mãe.

Morrighan fica em um território onde os reinos não vivem em guerra, porém possuem suas diferenças, com o intuito de fortalecer os laços entre os reinos, o rei de Morrighan oferece sua filha, Lia, para se casar com o príncipe de Dalbreck. Lia então se vê em meio aos preparativos para um casamento indesejado, ela não faz a mínima ideia de quem seja seu noivo o que a deixa muito apreensiva. Isso aliado ao fato de Lia não desejar ser um pião na mão de seu pai e de já estar cansada das cobranças por ser a primeira filha, faz com que ela tome medidas drásticas a fim de evitar o casamento. 


Ela juntamente com sua dama de companhia, Pauline, foge de Morrighan nas vésperas do casamento. As duas procuram abrigo na pensão da tia da Pauline em Terravin, uma cidade próxima a Morrighan. Lia então começa a trabalhar na pensão de Berdi com o intuito de passar despercebida. O primeiro problema de Lia aparece quando a tatuagem temporária, que ela recebeu nos preparativos de seu casamento, uma tradição de Morrighan, insiste em não desaparecer atraindo uma atenção indesejada.

Enquanto luta por um novo futuro e busca entender qual é o seu verdadeiro papel no mundo, Lia não faz ideia que o perigo está à espreita. O príncipe abandonado no altar e um assassino vindo do reino de Venda estão em seu enlaço. Com missões distintas o príncipe e o assassino não estão dispostos a deixar que Lia continue sua jornada em Terravin.

Em capítulos intercalados, com os pontos de vista de Lia, o príncipe e o assassino, Mary E.Pearson leva ao leitor por uma viagem intrigante, como Lia, o leitor também não faz a menor ideia de quem seja o príncipe e o assassino. Tentar descobrir esse enigma faz com o leitor não consiga largar a leitura. Até o ponto da história onde os três personagens ainda não se encontraram, temos a identificação da narração dos capítulos dessa forma: O príncipe e O assassino. Assim que os três personagens se encontram na história, a autora para de usar a expressão O príncipe e O assassino e começar a utilizar os nomes Kaden e Rafe. Mas mesmo assim, o leitor continua na mais repleta escuridão, sem fazer ideia de quem é quem.

(...) não é bom viver no talvez. O talvez pode ser distorcido e transformado em coisas que nunca existiram de verdade. (...)

The Kiss of Deception foi um agradável surpresa literária, mesmo já tendo lido inúmeras opiniões positivas sobre o livro, é claro que nada é uma unanimidade, e acredito que existam pessoas que possam não gostar desse tipo de leitura. Não posso negar que fiquei perdida nos primeiros capítulos, até me acostumar com a narrativa de Mary e me envolver com a história. Em determinados momentos surgiram algumas dúvidas a respeito sobre o "dom" que Lia poderia ter, acredito que por ser a parte que nos remete à fantasia, ela não foi bem explorada nesse primeiro livro. Espero que nos próximos livros eu consiga entender melhor como funciona e o que realmente é esse "dom".

Nunca tive dúvidas que pudesse vir a existir um triângulo amoroso entre os personagens. E embora isso possa parecer o maior clichê de todos, para mim não desabonou em nada a história. Esse fato só contribuiu para me deixar mais com a pulga atrás da orelha, por não saber quem era quem, fiquei tentando descobrir por quem Lia estava se apaixonando e que rumo que a história poderia tomar; o que seria menos óbvio. Fazer essa viagem no escuro foi muito prazeroso.

Lia tem tudo para se tornar a personagem feminina do ano. Ela é forte, determinada, e está disposta a acolher o que o destino reservou a ela; com o desenvolver da trama passamos a admirar suas escolhas. O que ela mais deseja é que sua individualidade seja respeitada, ela quer ser amada pelo que ela é como pessoa, não por seu status. Ela é uma guerreira, é sábia, é fiel ao que acredita, e é uma líder com um grande coração (#pormaispersonagensfemininasfortesnaliteratura). De sua fuga de Morrighan até o momento em que percebe as consequências de seus atos, Lia amadurece, passa por momentos perturbadores, cruéis, mas não desiste de seus ideais.

The Kiss of Deception apesar de ser um YA tem uma narrativa madura, densa, com cenas descritivas, porém não são cansativas. Os personagens são bem construídos e suas personalidades bem exploradas. As personagens femininas são únicas. Apesar de eu ter meu preferido, foi muito difícil escolher entre Kaden e o Rafe, os dois tem qualidades e defeitos. Essa leitura despertou em mim a vontade de consumir mais livros de fantasia. 

Segredos sombrios, guerras territoriais, amores proibidos, mentiras, corrupção... The Kiss of Deception possui todos os elementos que eu gosto em uma fantasia. Leiam! Leiam! Leiam!

(...) "As verdades do mundo desejam ser conhecidas, mas elas não se forçam sobre a gente como as mentiras fazem. Elas vão nos cortejar, sussurrar para nós, brincas por trás de nossas pálpebras, deslizar para dentro de nós e aquecer nosso sangue, dançar ao longo de nossas colunas e acariciar nossos pescoços até que a pele fique toda arrepiada."



20 comentários:

  1. Oi, Patty!
    Já li inúmeras resenhas sobre esse livro, ele já está na minha lista faz algum tempo mas ainda não tive a oportunidade de ler, vou priorizar ele. Fico feliz em saber que a Lia é uma personagem forte e sem mimimi, realmente precisamos de mais personagens assim na literatura, achei bem legal de não sabermos quem é o príncipe e quem é o assassino, pois dá mais emoção à leitura. Essa edição lindaaa já chama atenção e a sinopse então. Parabéns pela resenha.
    Beijos Lendo Com Ela

    ResponderExcluir
  2. Patty!
    Tenho lido boas críticas sobre o livro e a série.
    Gosto dos YAs e com protagonista forte e que vai em busca do que quer, fica ainda melhor.
    Não gosto muito de triângulos amorosos, mas depende da forma como é inserido no contexto.
    “Não há nada que faça um homem suspeitar tanto como o fato de saber pouco.” (Francis Bacon)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de NOVEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  3. Apesar de já ter ouvido falar muito bem desse livro quando li não estava com nenhuma expectativa e acho que isso só me fez gostar ainda mais da história. Não saber quem é o assassino e o príncipe me deixou muito confusa mas depois tive a certeza que x era o príncipe e y o assassino e eu não poderia estar mais errada kkkk Gostei do mundo criado e muito dos personagens (também fiquei em duvida se gostei mais do Rafe ou do Kaden) e pretendo reler para me preparar para o segundo (que espero comprar na black friday) #pormaispersonagensfemininasfortesnaliteratura SIM, POR FAVOR !!!!

    ResponderExcluir
  4. Todos afirma o quanto a autora consegue isso, deixar um mistério no ar e com isso, jogar o leitor dentro da história.
    Gosto muito de autores que conseguem isso e olha que no momento, são poucos!
    A capa deste livro é um show à parte e não vejo a hora de poder ler ele.
    Engraçado mesmo foi ver a Dark partindo para este estilo de livro, mas mesmo assim, digno de aplausos para a Editora!
    É sempre bom sair da sua zona de conforto!
    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Tenho o livro, mas ainda não li, fiquei feliz em saber que você é mais uma pessoa que amou a leitura. Gostei de saber que no começo da leitura, e um pouco confuso, porém depois a história vai ficando envolvente. Vejo que esse mistério entorno dos personagens, e que deixa a trama ainda mais cativante. Quero muito ler esse livro logo.

    ResponderExcluir
  6. Mulher que é isso? Quer matar a gente a conta gostas? Eu estou mega ansiosa para ler essa trilogia, sigo o face da trilogia e fico tipo babando com tanta ansiedade. Ainda não li e estou com medo de começar e ficar esperando demais os outros (odeio essa espera). A capa é linda, aliás as outras duas também né? aiai

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    Que ótimo saber que você gostou da leitura! Assim, fico mais motivada para ler.
    Tenho esse livro lindo, na minha estante, mas ainda não li. Estou seguindo a minha meta de leituras e tenho muitos livros na lista! Mas em breve vou conferir, pois estou super ansiosa.
    Resenha perfeita, muito esclarecedora. Obrigada.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Nem li ainda esse livro e já considero "pakas", pode isso?
    Muito amor envolvido por essa editora e por essa edição maravilhosa do livro <3 muito capricho né?
    A história parece ser incrível, mal vejo a hora de ler.
    A escrita da autora parece conseguir prender o leitor do início ao fim e gosto muito disso.
    A obra já está na minha listinha de desejados e espero ler em breve.
    Fiquei ainda mais animada por você ter gostado da leitura.
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  9. Oi Patty!
    Sinceramente? Mesmo se a história desse livro fosso horrível, o que obviamente não é, eu compraria ele só pela capa. O trabalho que a editora fez está incrível.
    Desde o lançamento dele que estou cobiçando a obra. Vou comprar finalmente essa semana.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  10. Uaaau, que historia mais complexa e intrigante. Quando vi que a leitura intercala os três pontos de vista fiquei babando, se eu gosto de dois, imagina de três.
    Alem da gente ficar na duvida de quem é quem. Nossa, deve ser incrível! Já vi muitas resenhas e sempre fico me perguntando porque ainda não iniciei a leitura kkkk pretendo super ! Com certeza deve prender ate o fim. Beijos

    ResponderExcluir
  11. Patty! Assim c me mata!
    Qro mto ler esse livro! Anotei na listinha pro ano q vem...
    Bjs e parabéns pela resenha!!

    ResponderExcluir
  12. Quero muito ler esse livro! Ta todo mundo falando super bem dele!

    ResponderExcluir
  13. Amei a resenha e a vontade de ler o livro só aumentou, como você estou vendo vários elogios, e gente a edição é muito linda, creio que esse mistério sobre quem é o príncipe e quem é o assassino contribui muito para nos manter preso na historia.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  14. Gostei, despertou meu interesse, gosto de mistério e achei legal, este do príncipe e o assassino, quem é quem?
    ronida_sindi@hotmail.com

    ResponderExcluir
  15. Ah esse livro é maravilhoso mesmo heim? Agora consegui o segundo e acho que vou ler logo, não sei se aguento esperar até o terceiro lançar pra começar a ler. Parece ser muito bom e cheio de fantasia, romance, intrigas...tem tudo pra ser daquelas leituras viciantes mesmo. Só que vi um pessoal falando mesmo que tinha lá seus lados clichês. Imagino o que quiseram dizer...será que pela parte do romance? Por causa da fantasia? Hum...
    Estou doida pra conhecer essa história *-*

    ResponderExcluir
  16. Eu estou com muita vontade de ler esse livro! Ele já tinha chamado a minha atenção antes por ter essa capa linda, e por ser uma combinação de Kiera Cass Jane Austen. E agora eu tenho ainda mais vontade de ler. Só vejo resenhas elogiando o livro, e a história dele parece ser realmente ótima e muito bem construída. Vou torcer pra ele estar em um preço muito bom na Black Friday :D

    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Quero muito ler essa trilogia,quero não;preciso,já ouvi falar tão bem desse livro,que parece que sei de cor cada parte boa desse maravilhoso livro,adorei a resenha como sempre você arrasa.

    ResponderExcluir
  18. Que resenha mais linda, nossa!!
    Eu quero muito ler esse e o livro 2. Gostei demais das resenhas, e achei superdiferente e original as tramas, pelo menos são bem distantes do que estou lendo ultimamente.
    As capas nem preciso destacar o quanto são incríveis né? kkkkk
    A história parece ser bem escrita, com uma narrativa própria e cativante.
    bjsss, quero pra já!!

    ResponderExcluir
  19. Oi!
    Então não esperava gostar de The Kiss of Deception, mas foi um livro que me conquistou, fiquei bem curiosa para saber quem era o príncipe e o assassino e acabou que fiquei bem confuso ao longo das paginas, mas depois que acostumei não consegui parar, mas concordo com você o dom poderia ser mais bem explorado pois parece ser algo bem importante, mas sempre jogando para segundo plano o que acabou me irritando um pouco !!

    ResponderExcluir
  20. Que história com temática linda, amei mesmo. Não conhecia a série, mas ja vi que vou gosta de todos os demais livros.

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!