Resenha #390 - A Conquista - Elle Kennedy - Editora Paralela

Título: A Conquista
Série: Amores Improváveis #4
Autor(a): Elle Kennedy
Editora: Paralela
Ano: 2017| Páginas: 333

Comprar:  Amazon |Submarino |Saraiva | Americanas

Sinopse: De todos os jogadores do time de Hóquei da universidade de Briar, John Tucker se destaca por ser o mais sensato, gentil e amável. Diferente de seus amigos mulherengos, ele sonha mesmo é com uma vida tranquila- esposa, filhos e, quem sabe um dia, abrir um negócio próprio. Mas nem mesmo o cara mais calmo do mundo estaria preparado para o turbilhão de emoções que ele está prestes a enfrentar. Sabrina James é a pessoa mais ambiciosa, dedicada e batalhadora do campus. Seu jeito sério e objetivo é interpretado por muitos como frieza, mas ela não está nem aí para sua fama de antipática. Tudo o que ela quer é passar em Harvard, tirar ótimas notas e conquistar a tão sonhada carreira como advogada. Só assim ela conseguirá escapar de seu passado difícil e de sua família terrível. Um acontecimento inesperado vai desses jovens de cabeça para baixo. Tucker e Sabrina vão precisar se unir e rever seus planos para o futuro. Juntos, eles aprenderão que a vida é cheia de surpresas, e que o amor é a maior conquista de todas.

Mil amores por Tucker!

Sempre sinto uma mistura de sentimentos quando termino uma série, mas pegar o último livro dessa série em específico deixou meu coraçãozinho bem apertado!


Do quarteto que compõe seu grupo, Tucker é o mais calmo e mais responsável. Diferente de seus amigos mulherengos, ele sonha em casar e ter filhos em um futuro tranquilo com um negócio próprio.

Sabrina James é inteligente, determinada e completamente focada em entrar para Harvard, para fazer sua especialização em Direito. Seu jeito ambicioso, focado e batalhador muitas vezes é confundido com arrogância e frieza. Tudo o que ela quer é conseguir boas notas e um bom emprego para fugir de seu passado terrível.

Porém nem sempre a gente consegue controlar nossas vidas e o destino muitas vezes, prega uma peça e tanto na gente. Após um acontecimento inesperado, Sabrina e Tucker terão suas vidas viradas de cabeça para baixo e precisarão, juntos, ver o melhor caminho a seguir.

Confesso que ao terminar O Acordo, eu corri e pesquisei na internet a sinopses dos próximos três livros e quem seriam seus protagonistas, de modo que peguei um spoiler desse livro, que é o tal acontecimento. Embora ele seja revelado no final de O Jogo, não falarei nesta resenha qual é. Então, não precisa ter medo de spoilers.

Meu segundo favorito dessa série (O Acordo sempre vai ser meu queridinho), morri de amores por Tucker, o que eu não achava ser possível depois de eu ter me derretido toda por Garrett lá em O Acordo.

Tucker é o perfeito cavalheiro que toda mulher já fantasiou ou ainda fantasia. Gentil, carinhoso, determinado e seguro de si, ele consegue lidar muitíssimo bem com a bomba que a vida joga em cima dele e de Sabrina, sempre mantendo a calma e pensando em uma maneira de agir e lidar com a situação.

Sabrina, por outro lado, me deixou bastante irritada em algumas ocasiões. Nos livros anteriores quando somos apresentados, por alto, a personagem, cheguei a detestá-la e a achá-la mesquinha e fútil, mas isso serviu para me lembrar que nunca devemos julgar ninguém, porque não sabemos ao certo o que se passa na vida da pessoa. E acho que essa é uma das lições mais valiosas que esse livro nos mostra.

Com uma vida complicada, pra dizer o mínimo, Sabrina se tornou ao longo da história uma das personagens mais fortes e corajosas dessa série para mim. Passar pelo que ela passa em casa, ter dois empregos e ainda conseguir manter as notas lá em cima é um feito e tanto, principalmente depois de certos acontecimentos que bagunçam toda a vida e o planejamento dela. Mesmo assim, ela não deixa a peteca cair e continua se mantendo firme em seus objetivos, adaptando-os apenas pra sua nova realidade.

Posso dizer com toda segurança que não seu se eu daria conta de tudo como ela deu ao longo da trama. E sim, ter uma pessoa como o Tucker ao lado dela sempre ajudando, disposto a aceitar o que ela conseguir a oferecer, pois se trata de uma personagem que não sabe expressar ou lidar com sentimentos (bem parecida com uma pessoa que conheço muitíssimo bem).

O único ponto negativo que vi no livro foi a demora dos personagens admitirem o que sentem um pelo outro. Tentei entender todo o problema e toda a carga emocional e as responsabilidades que eles tinham, mas mesmo assim, achei a conclusão demorada e até mesmo cansativa. Mas isso em nada desmerece o livro.

Eu recomendo demais essa série. Elle Kennedy trata de assuntos sérios de uma forma simples e realista, sem preto no branco, sem finais perfeitos e, principalmente, com a realidade bruta e verdadeira que acontece a toda hora e a todo momento no mundo.




17 comentários:

  1. Oi Beta ;)
    Essa série vai fazer falta viu... comecei a ler ela antes de lançar no Brasil, e Garrett e Tucker sempre vão ser meus amores literários S2
    Amei demais o casal do livro, Tucker com seu jeito cuidadoso e engraçado, e Sabrina com sua perseverança e dedicação!
    Adorei a resenha! Realmente eles demoraram (mais ela né) pra admitir os sentimentos que tinham, mas relevei porque entendo o tanto de coisa que a Sabrina passou e estava passando...
    Bjos

    ResponderExcluir
  2. Oi Beta, a capa de A Conquista tá bem bonita e fico feliz em saber que a série foi fechada com chave de ouro. Confesso que vou com certo preconceito contra a protagonista, pois sim, também achei ela bem chata nos anteriores, mas curti que a autora consegue desconstruir essa imagem e nos ensina que não devemos julgar o livro pela capa. O livro já tá na minha lista e quero muito lê-lo logo logo <3

    ResponderExcluir
  3. Estou bem animada com as coisas que vejo falando dessa série. Parece ter muita história boa e personagem bem feito e que ganha a gente de cara. Gostei desse Tucker, o jeito dele me deixou curiosa e ver na trama, saber melhor todos esses sentimentos que os dois personagens tem e como se relacionam deve ser muito gostoso de ler. Acho meio chatinho quando demoram pra ficar juntos, mas aí depende das situações, da carga emocional dos dois e como a trama é conduzida. Quero só ver qual é a razão ou as razões deles não ficarem juntos bem rápido! Haha, mas deve ser bom, achei a história desses dois interessante e quero ler.

    ResponderExcluir
  4. Tenho visto varias resenha falando muito bem sobre esse livros, infelizmente ainda não tive a oportunidade de ler,mas não posso negar que estou muito interessada.
    Ja me apaixonei por Tucker <3
    Acho que tambem não irei gostar da demora deles admitirem o que sentem, mas mesmo assim sei que irei gostar pois vou ficar torcecendo para chegar esse momento, pois acho que é um dos melhores momentos em livros desse genero, quando admitem que se amam <3
    Adorei a capa

    ResponderExcluir
  5. Olá!!!
    Essa série anda super bem falada né? eu tenho o primeiro livro mas não li ainda quero ver se consiga o mais rápido possível não aguento mais de tanta curiosidade.
    Adorei o casal desse livro acho que cada livro tem uma caixinha de surpresas para o leitor mesmo.
    Abraços!!!

    ResponderExcluir
  6. Eu só li os dois primeiros livros da série e espero poder ler o logo os outros dois. Eu confesso que até o segundo eu não lembro bem da personagem Sabrina mas no terceiro foi ficar mais atenta. Eu não sou muito fã desses livros que o casal tende a enrolar pra assumir mas como você disse isso não tira o mérito dessa série. Obrigada pela resenha.

    ResponderExcluir
  7. Nem me fala em coração apertado viu? Fiquei a ponto de chorar ao saber que não vou mais ler nada sobre esses garotos tão apaixonantes. Terminei essa leitura no domingo e faz muita falta :(
    Acredito que o Acordo seja o preferido de todos kkkkkk imagino que porque tenha sido o início, com aquelas conversas tão picantes e engraçadas, hahaha. Além de serem um casal lindo da por** :)
    Eu gosto bastante de O Jogo, também. Mas enfim, todos são bons kkkk.
    Eu acho que eles poderiam chegar ao " eu te amo " mais cedo, como você disse, pelo menos da parte dela né ? Dava pra criar momentos mais apaixonantes, mais amorosos se eles falassem um tiquinho antes. Mas tudo bem, tivemos que esperar.
    Eu também super indico, a leitura é gostosa demaaaais :)
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Gente! Eu quero chorar! Eu já li os outros primeiros e gente, amo tanto essa série que não sei como explicar. Estou muito ansiosa para ler esse livro! Tucker deve ser íncrivel mesmo!
    Fiquei chocada com a noticia no final de O Jogo, chorei até!
    kkkk
    Preciso comprar esse livro imediatamente!

    ResponderExcluir
  9. Fiquei bastante animada com essa sua resenha e estou bastante animada para ler esse livro, não é meu gênero favorito mas sempre estou dispostas a novos desafios. Bjs :*

    ResponderExcluir
  10. Oi Beta,
    De todas as sinopses dessa série a de A Conquista é a mais intrigante, pois trará surpresas e elementos novos na trama. Tucker se destaca por ter uma personalidade bem diferente de seus companheiros, pois em meio a amigos brincalhões, mulherengos e, muitas vezes, exagerados ao extremo, ele consegue se manter mais centrado e fica difícil não se apaixonar por ele. Sabrina, pode até ser vista como fria, mas não dá para negar que é uma personagem forte e sinto que vou me identificar com ela em alguns momentos. Uma pena que a série tenha chegado ao fim, mesmo não tendo lido todos os livros ainda, já sei que irei me emocionar ao concluí-la.

    ResponderExcluir
  11. Oi Beta!
    Estou super curiosa pra ler essa série, eu ganhei o livro 2 acredita, tô louca pra ler mas...
    Espero não demorar mto pra conseguir adquirir o primeiro vol...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Não gosto muito desse gênero de livro, mas esses estão fazendo tanto sucesso e estão sendo tão bem falados que estou ficando curiosa para ler. Só tenho um pouco de receio porque já comecei várias livros e não li as continuações suahhusahusa
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Eu amo essa série! E estou super ansiosa pelo livro do Tucker exatamente por ele ser o mais diferente dos amigos. Também quero muito conhecer a Amanda, ela realmente parece ser uma personagem bem forte. É uma pena que os dois tenham demorada pra admitir o que sentem um pelo outro, mas acho que também vou amar o livro mesmo assim :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Olá,
    Eu ja tinha lido varias resenha dessa série, realmente me apaixonei pela história de cada personagem dos outros livros mas no momento não obtive oportunidade para ler. A trama desse livro realmente é interessante, faz mostrar que muitos amores é difícil assumir que tem pelo outro mas com certeza será um amor único.

    ResponderExcluir
  15. Oi, Beta!!
    Até o momento ainda não li nenhum dos livros dessa série mas estou louca para ler. Tenho o primeiro livro mais quero todos para começar a ler.
    Bjoss

    ResponderExcluir
  16. Beta!
    Tucker parece ser aquele perfeito e que todas nós queremos em nossas vidas, não é mesmo?
    Ele soube conquistar direitinho, esperar o tempo certo e ir tomando seu espaço na vida e no coração de Sabrina, que pelo visto, não era tão chata quanto se imaginava.
    “Como eu não tenho o dom de ler pensamentos, eu me preocupo somente em ser amigo e não saber quem é inimigo. Pois assim, eu consigo apertar a mão de quem me odeia e ajudar a quem não faria por mim o mesmo.” (Desconhecido)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JUNHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  17. Eu ainda não tive oportunidade de ler esses livros,mas gostei muito da resenha e da sinopse,e lerei sim em breve.

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!