Resenha #408 - A Casa das Sete Mulheres - Letícia Wierzchowski - Bertrand

Título: A Casa das Sete Mulheres
Série: A Casa das Sete Mulheres #1
Autor (a): Letícia Wierzchowski
Editora: Bertrand
Ano: 2017|Páginas: 462

- Recebido em parceria com a editora.

Comprar: Amazon |Submarino |Saraiva

Sinopse: Durante a Revolução Farroupilha (1835-1845) — uma luta dos latifundiários rio-grandenses contra o Império brasileiro —, o líder do movimento, general Bento Gonçalves da Silva, isolou as mulheres de sua família em uma estância afastada das áreas em conflito, com o propósito de protegê-las. A guerra que se esperava curta começou a se prolongar. E a vida daquelas sete mulheres confinadas na solidão do pampa começou a se transformar. O que não está nos livros de história sobre a mais longa guerra civil do continente está neste livro de Leticia Wierzchowski, um exercício totalizador sobre a violência da guerra e sua influência maléfica sobre o destino de homens e de mulheres.


A casa das sete mulheres é uma odisseia, narrada em alguns momentos em primeira pessoa e em outros, em terceira pessoa. A história se passa a partir do ano de 1835 e tem um grande elemento histórico nacional: Revolução Farroupilha.

Bento Gonçalves, um dos coronéis que irá liderar as tropas, decide manter as mulheres de sua família em segurança e por isso, enquanto ele estiver ausente, todas elas (sete no total), irão ficar na Estância da Barra, localizada na ribeira do Arroio Grande, as margens do rio Camaquã.

“Estância da Barra era de propriedade de D. Ana Joaquina da Silva Santos e do seu esposo, o senhor Paulo, que na noite de dezoito de setembro de 1835 reunira-se, juntamente com seus dois filhos, Pedro e José, às tropas do coronel Bento Gonçalves da Silva. A Estância da Barra ficava na ribeira do Arroio Grande, às margens do Camaquã, a doze léguas da Estância do Brejo, esta de propriedade de D. Antônia, irmã mais velha de Bento e D. Ana. A Estância do Brejo também situava-se às margens do Rio Camaquã e possuía um imenso laranjal, famoso entre todas as crianças da família Silva.”

As 7 mulheres são Ana, Maria Manuela e Caetana, irmãs e esposa de Bento Gonçalves, respectivamente. E as moças são Perpétua, filha de Caetana e Bento e suas primas Rosário, Mariana e Manuela. Manuela é a voz em primeira pessoa do livro, que narrada através de seus cadernos (diários) o dia a dia da Estância e das mulheres ao seu redor. Manuela tem um amor tumultuado com Giuseppe Garibaldi, um aliado italiano de Bento.

O problema é que ninguém imaginava que a Revolução fosse durar tantos anos e com o passar do tempo, algumas das mulheres começam a sucumbir, enquanto outras ficam relembrando seus momentos mais felizes.

A Casa das Sete Mulheres é uma obra rica de detalhes sobre um dos momentos mais importantes da história brasileira. É uma obra repleta de mulheres fortes que tiveram que aprender a ser independentes e se a salvar a si mesmas nos momentos mais inesperados.

A parte física do livro está incrível! Capa perfeita! Linda de viver! Posso dizer o quanto estou apaixonada?

“Do mesmo sonho que se vivia, também se podia morrer”, ocorreu-me isto naquela noite, num susto, como um pássaro negro que pousa numa janela, trazendo sua inocência e seus agouros. Muitas outras vezes, nos longos anos que se seguiram, tive oportunidade de me recordar dessa estranha frase que ouvi outra vez, algum tempo mais tarde, na voz adorada de meu Giuseppe, e que repetia o que eu mesma já tinha dito ao ver uma fresta do futuro... Talvez tenha sido exatamente nessa noite que tudo começou.”

26 comentários:

  1. Oi Karini, lembrei da série que a Globo transmitiu a um tempo e que também foi muito boa. A capa tá linda e o livro parece nos trazer uma verdadeira aula de história e nos apresenta protagonistas super interessantes e fortes <3 Curti muito a resenha e o livro, espero ter a oportunidade de ler futuramente ;)

    ResponderExcluir
  2. Olá Karini!
    Que livro lindo, adorei a capa, eu vi a série na tv, gostei mto, espero uma oportunidade de ler o livro.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá!!
    Nunca ouvi falar desse livro. Gostei da resenha, mas não pretendo ler o livro, pois não me chamou muita atenção, mas aposto que muita gente vai gostar. A capa é muito bonita, gostei. Bjos!

    ResponderExcluir
  4. Eu gosto bastante desses livros que trazem pra gente uma informação a mais de algum momento histórico, seja nosso ou mundial. Acho sensacional estarmos por dentro dos detalhes de uma guerra, e nesse caso numa visão de mulheres que precisavam se proteger. Deve ser bem engradecedora tal leitura :)
    Beijoos

    ResponderExcluir
  5. O livro parece super interessante, trazendo com riqueza os detalhes desse evento histórico. Todas as protagonistas parecem ter força diante da situação em que se encontram, e estou muito ansiosa para poder conhece-las. Eu adorei a capa do livro, a arte é linda! Sem dúvida, colocarei ele na minha listinha de desejados.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  6. Eu conheço um pouco dessa história, pela série que teve na globo. Eu tenho vontade de ler esse livro, acho a história dele bem interessante, e muito importante. O livro já está na minha listinha :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Essa história parece ser muito boa e gostei dela pelo jeito de contar um pouco da nossa história e essas mulheres fortes que tem. São muitos detalhes e personagens bem construídos e que passam um sentimento legal ao ler por poder simpatizar com seus problemas e a situação toda que eles se veem passando. É um livro que adoraria ler alguma hora.

    ResponderExcluir
  8. Oi, lembro de alguns episódios que assitir da série. Quando era criança eu li o livro Garibaldi e Manoela, e essa capa está lindíssima.

    ResponderExcluir
  9. Oi Karini. Que legal esse livro. Já escutei falarem muito, mas ainda não li nada sobre. Gostei dessa perspectiva da vida dessas mulheres dentro de uma casa e fiquei curiosa pra saber o que elas passaram durante os anos.
    Obg pela indicação ;)

    ResponderExcluir
  10. Parece ser uma obra incrível e bem rica mesmo.
    Gostei demais da série transmitida pela Globo e gostaria sim de poder conferir o livro.
    Essa questão das mulheres fortes e guerreiras, chama muito a atenção.
    E sua resenha positiva me deixou interessada!
    Beijos
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  11. Nossa, tá aí uma excelente indicação. Não tem como não lembrar da série antiga da Globo, mas acredito que a experiência da leitura deve ser muito mais especial.
    Vou colocar na minha lista com certeza.

    ResponderExcluir
  12. Nossa, ta aí uma excelente indicação. Não tem como não lembrar da antiga série da Globo, mas com certeza a leitura deve ser uma experiência muito mais especial.
    Já vai ora minha lista!

    ResponderExcluir
  13. Apesar de eu gostar bastante de história e me aventurar em livros assim, confesso que esse não me chamou a atenção, porém quem sabe mais para frente eu tento ler!
    Como é uma obra rica em detalhes da revolução, talvez mais para frente eu possa ler.

    ResponderExcluir
  14. Eu estou querendo muito ler esse livro, já ouvi falar da minisérie da Globo, mas não cheguei a assistir. Eu acho essa história muito interessante, exatamente por ser um momento importante no Brasil, espero ler esse livro logo.
    Bjss ^^

    ResponderExcluir
  15. Olá !!
    Adoro livros com cenários históricos!
    Entro na história e acabo aprendendo com o livro também !
    Parece ter um bom desfecho e com personagens fortes e bem construídos !!
    Adorei a indicação!
    Bjo

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bom?
    Lembro que a Globo transmitiu e foi muito interessante! Gostaria muito de conhecer a história desse livro. Adorei a sua resenha, espero ter a oportunidade de lê-lo um dia!

    Beijos, Rob
    www.estantedarob.com.br

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Adorei essa capa, está muuuuuito linda!
    Quero muito ler A Casa das Sete mulheres porque assisti a série e gostei muito <3
    Adoro essa história e acho que vou gostar muito!
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Nossa que historia este livro pode nos ensinar, amei a premissa e quero muito ler.

    ResponderExcluir
  19. Reconheci o nome logo porque teve um seriado na globo, lembro que meus pais não me deixavam assistir rs Não lembro o porquê, tem pu*aria no livro? kkkkkkkkk justificaria as coisas. Vejo uma variedade tão grande de tipos de livros resenhados aqui e com nota boa, achei estranho as resenhistas gostarem de coisas tão distintas e percebi que a deste post não é nenhuma das duas que estão nas fotos do blog no lado direito. Quantas pessoas resenham aqui? #curiosa
    Voltando ao livro, não faz meu estilo (e por isso essa dúvida acima), sempre odiei a matéria de história e não curto nada nessa pegada rs, mesmo literatura fictícia.
    Bjs

    ResponderExcluir
  20. Que edição linda não? <3

    A Casa das Sete Mulheres é uma obra que sempre quis ler, mas ainda não tive oportunidade. Amei a resenha, me mostrou que estou perdendo uma leitura e tanto! Com certeza está na minha lista de desejados e espero comprar muito em breve.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  21. Nao sabia que tinha uma série sobre esse livro hahaha, o tema abordado no livro é muito bom e nos ensina várias coisas, ainda mais essa edição linda !!parecem ter personagens muito forte, não é o tipo de livro que estou acostumada a ler, mas que eu abriria uma exceção haha.

    ResponderExcluir
  22. Oi, Kariri!!
    Que bom conhecer esse livro, adorei a minissérie A casa das sete mulheres e gostaria muito de ler esse livro também!! Achei a capa maravilhosa!!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  23. Olá!
    Livro assim, nós mostra como a mulher é bastante forte para superar qualquer situação que lhe aparecar, gostei muito da trama e bem envolvente. A capa e uma fofura e tem uma premissa muito boa na historia.

    ResponderExcluir
  24. Oi Karini ;)
    Adorava estudar história quando estava no colégio, e lembro de ler sobre a Revolução Farroupilha.
    Não conhecia o livro ainda, mas como adoro livros históricos, ainda mais sendo sobre o nosso país, adorei sua indicação, vou colocar o livro na lista de leitura sim!
    Que legal saber que o livro é cheio de detalhes e mostra esse grande momentos em nossa história.
    Obrigada pela indicação ;)
    Bjos

    ResponderExcluir
  25. Também gosto muito de estórias que marcam momentos históricos, principalmente quando se trata de novo país. Me lembro quando esta mini série, se não me engano passou na globo, e apesar de não assistir frequentemente, ainda sim ficava encantada por aquelas mulheres fortes, que lutava para ser independentes. Esta edição esta linda e a quero em mãos.

    ResponderExcluir
  26. Oi Karini,
    Tenho muita curiosidade de ler esse livro, pois adorei a minissérie, mesmo não que não tenha assistido o final. Amo romance histórico, ainda mais se tem guerra envolvida no enredo, e sendo uma história com personagens reias então... é garantido que vou gostar. Acho que vou me envolver especialmente com essas narrativas dos diários, gostei desse destaque diferenciado.
    Essa edição é linda mesmo *-*
    Beijos

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!