Resenha #422 - O Sorriso da Hiena - Gustavo Ávila - Verus

Título: O Sorriso da Hiena
Autor (a): Gustavo Ávila
Editora: Verus
Ano: 2017|Páginas: 266

- Recebido em parceria com a editora.

Comprar: Amazon |Submarino |Saraiva

Sinopse: É possível justificar o mal quando há a intenção de fazer o bem? Uma trama complexa de suspense e jogos psicológicos.
Atormentado por achar que não faz o suficiente para tornar o mundo um lugar melhor, William, um respeitado psicólogo infantil, tem a chance de realizar um estudo que pode ajudar a entender o desenvolvimento da maldade humana.
Porém a proposta, feita pelo misterioso David, coloca o psicólogo diante de um complexo dilema moral. Para saber se é um homem cruel por ter testemunhado o brutal assassinato de seus pais quando tinha apenas oito anos, David planeja repetir com outras famílias o mesmo que aconteceu com a sua, dando a William a chance de acompanhar o crescimento das crianças órfãs e descobrir a influência desse trauma no desenvolvimento delas. Mas até onde William será capaz de ir para atingir seus objetivos?
Em O sorriso da hiena, o leitor ficará fisgado até a última página enquanto acompanha o detetive Artur Veiga nas investigações para desvendar essa série de crimes que está aterrorizando a cidade.


A trama gira em torno principalmente de três personagens: o detetive Artur, William, o psicólogo infantil e David, um homem que vai ser o incentivador do estudo de William. 

David é um homem que quando ainda era criança foi vítima de um criminoso terrível: ele presenciou seus pais serem assassinados. Agora, David sente o impulso de realizar os mesmos atos. 

William é famoso por seu trabalho teórico sobre o desenvolvimento da maldade humana e para David, é a pessoa ideal para analisar esse tema fora da teoria. David envia um e-mail a William, falando de sua compulsão e da oportunidade que isso será para o psicólogo.

“Havia algo muito maior na escolha da profissão que a realização de uma carreira de sucesso. Sua decisão pela psicologia infantil sempre fora guiada com o propósito de ajudar a entender melhor o mundo e com isso ajudar o próprio mundo. Poderia facilmente estar recebendo honorários mais elevados se tivesse continuado o curso de Medicina que estava quase chegando ao fim e se especializado em cardiologia, como era o plano inicial, ou se restringisse seu atendimento psicológico a pacientes particulares. Mas sua ideia de fazer a diferença no mundo era maior do que isso e, neste caso, o salário era menor. William era uma boa pessoa, e julgava ser esse o melhor pagamento que poderia receber por seu esforço.”

Existe também o lado investigativo da trama, liderado pelo detetive Artur. Artur é um homem com Síndrome de Asperger, um espectro do autismo. Se por um lado ele tem algumas limitações, como a dificuldade de interpretar expressões de forma não literal, por outro, sua maneira única de interpretar algumas situações.

O Sorriso da Hiena é um thriller psicológico intenso, que retrata o horror presenciado pelos sobreviventes de um crime hediondo. O enredo é muito bem escrito e as cenas detalhadas. Existem situações que deixam o leitor sem fôlego e a temática em si é simplesmente arrebatadora.


 “E se houvesse uma maneira de não ter nenhuma influência pelo conhecimento da experiência? E se eu lhe disser que você pode provar suas teorias na prática? Que você pode ter tudo o que é necessário para iluminar o mundo com um conhecimento muito maior do que você tem hoje? Teria a coragem de fazer o que é preciso ser feito ou teria medo de colocar suas próprias ideias à prova e descobrir que pode estar errado?”


12 comentários:

  1. Oi Karini, acho que pra quem curte o gênero esse livro é um "prato cheio" e mesmo eu que não leio tantos livros com essa temática achei interessante mesmo ficando um pouco preocupada com as cenas detalhadas. A história parece levar o leitor a refletir sobre as motivações do assassino sendo que o mesmo sofreu um grande trauma na infância e sobre até onde um profissional pode ir pra estudar mais o caso. Curti a resenha ;)

    ResponderExcluir
  2. Estou louca para ler este livro, porque e uma área que eu entendo bem, e de psicologia, e quando soube que esta era uma trama que tinha um envolto psicológico, investigação, personalidade, e um estudo que e mais um crime, já fiquei louca pela leitura. Espero me deparar com uma trama muito bem construída, embasada com fundamentos teóricos, e o que me deixa mais entusiasmada e saber o desfecho da estória, será que vão desvendar este assassinato, e quais pessoas serão punidas.


    Participe do TOP COMENTARISTA de AGOSTO, para participar e concorrer Ao livro "Dois Mundos", o primeiro da série "Tesouros da Tribo de Dana" da escritora Simone O. Marques, publicado numa edição linda pela Butterfly Editora.
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Uai, que forma cruel de atingir seus objetivos hein? Uma sinopse bastante instigante !
    Esse livro deve ser de uma leitura arrepiante, já que traz descrições de determinadas cenas. Achei incrível o modo como o autor resolveu criar uma história em cima desse assunto tão particular. Fiquei bem curiosa, confesso.
    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Amo um bom thriller psicológico, e fiquei super apaixonada pelo enredo. Já quero ler kkk

    http://www.ollyspoiler.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Todos falam muito bem desse livro e como adoro livros do gênero, O Sorriso da Hiena é um que me interessa bastante. Ele levanta uma questão interessante, de até onde lembranças terríveis afetam sobreviventes e quando uma vítima pode acabar se tornando o vilão da história de outra pessoa, além de outras questões levantadas.
    Gostei muito da resenha, me fez ter mais vontade ainda de me afundar nesse thriller.
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Olá, tramas mais voltadas para o drama psicológico, se bem escritas, proporcionam uma leitura muito prazerosa e essa parece se enquadrar aqui. A obra também me lembrou o Batman, mas só porque o Bruce também presencia o assassinato de seus pais. Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Senti uma vibe meio DEXTER hahaha é uma série(não li o livro) que por sinal acompanho e AMO, gosto muito do terror psicológico em produções cinematográficas, em livros o amor é um pouco menor mas estou tentando começar a\ler coisas do gênero. Porém como não é só thriller e tem lado investigativo não me anima muito. AMO o gênero investigativo em séries mas pra ler.. acho tudo muito parado e não me envolve..
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Livros de thriller são meus favoritos, o que me deu mais curiosidade foi saber como o título está ligado à história. Também é interessante ver um assunto importante: como os traumas da infância influenciam na vida adulta.
    Anotei a dica, beijos.

    ResponderExcluir
  9. Já li algumas resenhas sobre este livro, e creio que a sua temátiva instiga nossa curioisdade até por se tratar de umaleitura mais "pesada". Gosto de ir intercalando os gêneros e achei um livro que seria uma ótima indicação para um livro mais denso e misterioso. A capa dá um sentido a historia dele.

    ResponderExcluir
  10. Comprei este livro nessas promoções malucas que as livrarias estavam tendo e ele já está na minha lista de futuras leituras, não vejo a hora de conferir. Estou com expectativas altas.

    ResponderExcluir
  11. Oi! O livro realmente parece ser de tirar o fôlego! Amo livros sobre detetives e assassinato. Já to louca para ler. Beijoss

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Já li tantas resenhas sobre esse livro, que me deixa curiosa e receosa ao mesmo tempo por ele. A historia é interessante, tem uma premissa muito boa, a historia do personagem presencia desde da infância a morte dos próprios pais é horrível, porque isso leva para vida toda. Gostei do livro e desejo ler ele.

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!